MIXTAPE – SETEMBRO’14

Setembro foi um mês glorioso para os fãs de farofão asiático, pois tanto na Coreia quanto no Japão tivemos EDM de qualidade, assim como uns pops atmosféricos e aqueles R&B espertos que sempre marcam presença. Pra melhorar, Fergiezão e Jolin Tsai, a falsa rainha, também voltaram do hiato pra coroar setembro como um dos melhores. meses. do. ano. até. aqui. Venham. @_@

Esse mês nem me darei ao trabalho de listar a playlist bosta do soundcloud que terá suas músicas apagadíssimas em duas semanas, então peguem aí o pacotão ~ilegal~ de acompanhamento para a seleção do mês e sejam felizes. *O*

PACOTÃO ILEGAL

E lembrem-se, se vocês acharam que faltou alguma coisa, a caixa de comentários tá aí pra isso, vlww.

01. T-ARA – Sugar Free: pro seu mais novo single, T-ARA deixou sua tradicional sonoridade retrô de lado para apostar num EDMzão bem direto e que por isso mesmo foi maravilhoso, mesmo com o clipe nos induzindo um ataque epiléptico (talvez Sugar Free tenha sido tão bom POR CONTA desse absurdo, não??).

02. FEMM – Whiplash: FEMM fechou o ciclo de divulgação de FEMM-Isation com chave de ouro com um clipe filmado num take só e que casou totalmente com a faixa. Se você não ouviu, dê uma chance.

03. 2PM – GO CRAZY!: Yall sabem que eu não dou muita foda para boybands, então quando eu me dou ao trabalho de mencionar uma faixa de cinco-a-nove manos cantando, é porque eu realmente curti o negócio. E GO CRAZY merece totalmente esse reconhecimento.

04. Jolin Tsai – Phone Queen: ❤ a falsa rainha ❤ é Jolin Tsai 101, e apesar de ainda não ter redimido a gata das bostas que ela lançou pelo ano, Phone Queen ao menos nos brindou com um clipe legal e com um engrish tão descabido que deu até pra perdoá-la pela faixa qualquer coisa.

05. Clazziquai – Still I’m By Your Side: Clazziquai é um daqueles grupos hipsters coreanos tipo Busker Busker e NELL, que deu uma ouvida no Random Access Memories, gostou da ideia e resolveu fazer sua própria tentativa no comeback 70s. E vocês podem ter certeza que eles não decepcionaram e entregaram um dos dois álbuns destaques do mês (o outro é FEMM-Isation, óbvio).

06. Jay Park – So Good: Jay Park também apostou no retrô, mas ao invés de algo 70s, ele serviu Michael Jackson realness, com gemidinhos, vocais agudos e sax pra todos os lados. Yudi could never.

07. SNSD TaeTiSeo – Holler: Eu já deixei bem claro que achei a versão original da japa gostosa melhor que a de TaeTiSeo, mas pra efeito de rankings e mixtapes aquilo não entra em contagem alguma por não ser desse ano, certo? Por conta disso, o trio bully sem coração que expulsou Jessica de SNSD ganha uma menção aqui. Porque esse aqui é um mother.fucking.jam. @_@

08. Clazziquai – Madly: Aqui temos mais um retrozão muito bem realizado pelo Clazziquai no último álbum deles. Não foi single mas ainda assim vale a menção. Ouçam, o vocal suspirado da gata do backing vocal é suave pra caralho.

09. Crayon Pop – TTUN TTUN TTUN TTUN TTU DUN TTUN: Ninguém deu uma foda para a icônica TTUN TTUN x69 como eu dei, mas eu não me importo. Eu absolutamente adorei essa merda e já é top30 do ano pra mim, adeus Orange Caramel e seu single de empregadinha de Gangnam que não ganhará uma menção aqui.

10. Jung In & Gary – Bicycle: Essa aqui me foi sugerida nos comentários (infelizmente não me lembro por quem) e foi uma sugestão mais do que acertada. A tal Jung In parece uma Shiina Ringo mais preocupada em não desafinar, e o vocal dela casa completamente com o do tal Gary, no melhor tema-de-elevador desde Some da Soyu e do JungGigo no começo do ano. E por falar em Soyu…

11. SoYu, EoBan & Urban Zakapa – Tum: Soyu está com sangue nozóio, gente. Desde que ela emplacou um hit solo com Mad Clown no ano passado, ela está numa incansável missão de subir na escala de relevância interna de seu próprio grupo. Com Stupid In Love sendo um sucesso, ela ultrapassou a pobre Dasom. Com Some sendo o maior hit do ano, ela ultrapassou Bora. Agora, Soyu quer arrancar os apliques de Hyorin e fazer dela nada mais do que uma cosplayer de Sabrina Sato. E enquanto que Tum é uma boa tentativa nesse sentido, não supera Some. Talvez no próximo feat apelão, Soyu? Boa sorte. 

12. Clazziquai – Love Satellite: Fechando a trinca de destaques de Blink, temos Love Satellite, que traz Clazziquai entregando sua melhor emulação de Earth, Wind & Fire. E não é uma tentativa ruim de maneira alguma, viu.

13. Ailee – Teardrop: O lead single de Ailee foi uma pilha de sorvete de creme cascão (meaning: a coisa mais sem graça de todos os tempos), mas o EP dela tinha uma gema escondida e que merecia demais ter sido single, Teardrop. É basicamente o que aconteceria se Rehab da Rihanna fosse cantada por uma vocalista de verdade. Muito melhor do que TIRE SUA MÃO DE MIM ou qualquer que fosse o nome daquele single meia boca.

14. Song Ji Eun – Don’t Look At Me Like That: Falando em balada da Rihanna, a gata do Secret que lançou solo esse mês e eu completamente ignorei apesar do clamor de vocês entregou Russian Roulette realness quase como se Chris Brown estivesse no estúdio olhando ameaçadoramente pra ela. É uma música forte e com um clipe ~com significado~ complicado de se explicar (eu devo interpretar como uma crítica à cultura de idols asiática? Mas isso ao mesmo tempo em que o clipe objetifica a gata? É tipo tentar decidir se Anaconda objetifica a mulher ou a empodera. Deixem. de. lado. e aproveitem a power ballad ótima, hipsters pedantes).

15. FEMM – The Real Thing: Eu esperei uma eternidade pelo mp3 disso, mas ele finalmente está aqui. ❤ The Real Thing foi uma das melhores faixas que FEMM lançou. O inglês tá claro, o vocal tá menos trabalhado no autotune que o normal, mas o refrão tá tão grudento quanto sempre. Aguardem review do FEMM-Isation ainda pra essa semana. ❤

16. BoA – First Time: O icônico WHO’S BACK? de BoA foi uma piada tão boa que eu ainda não consegui deixá-lo de lado. First Time era a única inédita no álbum todo, e foi mais um exemplo esse ano de que BoA é capaz de lançar uns j-pop bons. Agora só precisa arrumar seu management, né, Boa? 

17. MINX – Why Did You Come To My House?: Esse debut aqui foi tosquíssimo, com três melodias desconexas se intercalando nos versões e refrões. Mas com um clipe tão vibrante quanto essa bagaça teve, dá pra perdoar.

18. MAX – Plágiotsu no Zumba: Fechando com chave de ouro, as três Obasan gostosíssimas de MAX entregaram mais um plágio celestial, dessa vez da música tema de ZUMBA. Era difícil imaginar que um raio iria cair duas vezes no mesmo lugar, mas elas superaram facilmente sua tosqueira do ano passado. O que é um Tacata quando se tem essa delícia de ❤ ZUMBA ❤ não é mesmo?

BONUS: Fergie – L.A. Love (La La): Fergie voltou da geladeira cheia dos clichês batidíssimos do pop ocidental (refrões com lalalalala e listas com dezenas de países e cidades nos versos, mas hein?), mas eu não dei uma foda e só pude curtir o retorno dela. Com sorte de outubro em diante teremos uns singles melhores. Veremos.

E é isso de setembro, gente. Ano tá acabando. Já podem preparar suas apostas pro top de fim de ano. @___@

PS.: Infelizmente a toscovilhosa BILLION DOLLA do Cross Gene é tão podrona que nem no jpopsuki eu achei. Vamos ficar sem o mp3 daquela porcaria mesmo. 😦

Anúncios

21 comentários em “MIXTAPE – SETEMBRO’14

  1. Fergie na listinha <3. Apesar de achar a letra uma aula de geografia ruim e não ser uma grande apreciadora de La La La's da vida na música, eu gostei. Fiquei ouvindo isso por uma semana e depois troquei pelo novo CD do Tokio Hotel (sdds 12 anos e humanoid).

    Agora irei voltar ao submundo dos estudos e surtar eventualmente com o Tom ❤

  2. <33333 WHY DID YOU COME TO MY HOME <33333 foi maravilhosaaaa, servindo Swagger Jagger realness mas sem o sample horrivel de Clementine, todas as partes diferentes casando bem e com uma gritaria fudida no final, além do clipe iconico com o pizza boy concept e a ❤ COREOGRAFIA DAS MÃOS DADAS <3, pra mim é TOP 10 do ano. *O*

    Quanto ao resto: Gangnam Avenue foi injustiçada (acho melhor que Abing Abing, beijos) e Holler é TEDIOSISSIMA, mas claro que a inclusão de Minx e ❤ Plagiotsu no Zumba ❤ perdoa tudo.

    PS: vc viu que Girl's Day e AOA tem comebacks agendados pra esse mês, com AOA até lançando álbum??? Claro que esses dois grupos seriam os primeiros desesperados pra se aproveitar da ausência de SNSD no quarto trimestre <333 pena q Girl's Day vai lançar uma BARADA =(

      1. se controle, sone desesperada, apenas disse que elas obviamente não vão lançar nada agora, tem muito damage control pra elas fazerem ainda. vão jogar pro primeiro trimestre do ano que vem igual Mr.Mr. (aliás, pq essa não foi no fim do ano igual todo comeback de SNSD? enfim)

      1. bem, o momento elas ainda tem porque a geral AMOU darling (que eu tb acho super bland), só espero que uma barada não faça elas perderem momento mesmo D:

    1. no nível do k2n não tem, mas tem o j musiic downloads e os torrents do jpopsuki, os links tão na página principal aqui do blog \o\

      e jolinzão é de taiwan, então nenhuma das duas coisas (se ignorarmos o fato que taiwan na verdade é uma china 2)

      1. Brigado, vou procurar por lá =)

        Tinha lido uma vez que ela era chinesa e fazia sucesso na Tailândia aí fiquei meio bugado, brigado pelo esclarescimento =B

    2. Eu também tenho a mesma duvida. Geralmente eu só procuro pela cantora/grupo e o album/single no google e na maioria das vezes acho pra baixar. Mas queria saber tem algum blog estilo o Kn2.

      Quero saber onde posso baixar algo do FEMM, porque tá dificil de achar @_@

  3. Taeyeão e Fany são as maníacas do bullem, Seobaby tem que que criar muito veneno pra deixar de ter aquele ar ungido e sonso. Dos citados FEMM, T-ARA e pasmem, 2PM (não dou um foda pra boybands 2) também foram os melhores pra mim.

  4. 2PM passou muito batido por mim, mas depois da terceira ouvida eu viciei? Não sei porque hahahahaha
    A lista ta muito boa, tem coisas que eu provavelmente não colocaria, mas no geral, o seu gosto bate muito com o meu então ta muito que bom hahaha.
    O que eu adicionaria com absoluta certeza seria o single do Aoora. O Body Talk. Aquilo virou a música mais tocada na minha vida (do momento), que olha, nem jesus pra tirar. Se bem que eu acho que isso foi lançado no começo de outubro né? Então esquece… ‘-‘

    Jay Park e o CD que eu baixei e ainda não tive coragem de ouvir… Uma história contada por mim até o fim dos tempos porque pelamór.

    Eu ia comentar sobre a Jolin Tsai no artigo dela, mas foda-se que a preguiça ta maior então vai aqui mesmo huahuahua
    Jolin Tsai é rainha até fazendo 101 dela mesma. Aceitem, acatem, vivam com isso eternamente, any h8 to the left pls.

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s