Jessica relança Into The New World com seu novo grupo. Está focada em destruir SNSD.

vlcsnap-2015-01-24-00h59m53s98

Daí que após ser chutada de SNSD pelas HATEFUL 8 só porque ela queria vender uns panos de prato de sua marca pessoal por 200 dólares cada, Jessica devia estar tão lívida que ela se sujeitou a integrar uma nova girlband de minas aegyo chamada GFRIEND. E vocês podem ter certeza que após Sunny debochar dela dizendo que “diamantes são lindíssimos e indestrutíveis e que de cima tem oito lindos corações e blá blá blá“, Jessica. quer. sangue. Admirem Jessica, a Emily Thorne coreana, fazendo seu passe para acabar com SNSD:

Olha, eu devo dizer que a jogada de Jessica foi incrível aqui. Ela se aproveitou da onda infinita de sexy concepts no mercado para seguir a rota contrária, aquela que APink sempre usa (no caso, plagiar o primeiro álbum de SNSD sem dó). Mas como ela se trata de uma ex-SNSD, a tática dela deixa de ser plágio e vira uma espécie de remake…

…só que com aberturas de pernas, muito aegyo e belezas naturais (tem até uma gata com dente encavalado arquitetada especificamente pra ser a tara dos japoneses quando elas fizerem o debut no Nihon), diferentemente de SNSD, que tem Hyoyeon no line-up então já perdeu em todos esses quesitos. É sério, eu adorei essa música e achei que a abordagem do aegyo delas foi similar a que Lovelyz usou, então eu não senti aquela vontade imediata de purificar minha alma assistindo Lady Twerk. Claramente, Jessica tá de parabéns. E esse debut é. apenas. o. começo. da. vingança. dela.

Jessica vem sistematicamente sabotando Roomate, fazendo o programa mudar de horário toda semana, só pra audiência cair e Sunny ser cancelada (isso sem contar que ela já está sendo aomilhadíssima pela luz interior de YoungJi, claro). Além disso, Jessica sabotou o palco de um show das hateful 8, de modo a fazer Taeyeon se estrupiar toda caindo num buraco. Uma a uma, todas as oito serão destruídas por Jessica, enquanto ela finge ser uma outra pessoa nessa tal de GFRIEND. É o Revenge da vida real, estrelando Jessica Jung. @___@[/fim da fanfic]

34 comentários em “Jessica relança Into The New World com seu novo grupo. Está focada em destruir SNSD.

  1. Ebaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa finalmente falaram das SNSD mirins [mas eu to cagando pro grupo, achei mais do mesmo. Ja ja elas esfregam a xota na cadeira igual as Red Vevelts]

    Eu acho que pior que se fazer num grupo, e ela se fazer num grupo 6 VEZES. Isso sim que é ser destruidora :v

  2. “É sério, eu adorei essa música e achei que a abordagem do aegyo delas foi similar a que Lovelyz usou”

    Só aqui vendo você gostar de aegyo atrás de aegyo, caro autor do blog

  3. Eu acho que nesse grupo o conceito aegyo foi a escolha certa, porque ficaria muito forçado uma garota de 16 anos rebolando a bunda pra câmera, além que os coreanos não iriam gostar e chamariam elas de putas…

  4. Me empenhei com todas as minhas forças para odiar esse grupo. Mas no fim, gostei da música. Apenas ela, porque o resto do album eu não engoli.
    Cara, não tem não olhar para elas e pensar no Apink e no SNSD. Sei lá. Tipo, gostei da música, mas debutar e fazer apresentações com roupa de ginástica colegial? Nem Crayon Pop é tão Argh. Pelo menos elas trocaram aqueles capacetes pelas bandanas.
    Enfim, engoli a música mas não vou com a cara do grupo. Sinto cheiro de plágio se aproximando em um futuro não muito próximo. Antes que percebamos, elas estarão arregaçando a xereca quem nem aquelas sinistras das Hello Vênus.
    Assistindo “Wiggle Wiggle” jurei que estava vendo o Bonde das Maravilhas versão olhos puxados.

  5. to chorando de emoção com a historia de vida/vingança da Jessica, lindo de se ler.
    Taeyeon caindo, mudanças de horario de roommate, quero ver qual é a proxima vingança.
    A macumba ta forte colega

  6. Eu sou fã de Apink, não tenho o direito de te julgar por ter gostado de Lovelyz, mas chega ser estranho você ter gostado, ainda mais vindo de você 😄
    Eu até gostei das plagiadoras do SNSD, só temo que esse debut me cheira a uma leva de debuts no cute concept
    e olha, eu sou fã de Apink, gosto de conceito fofo, mas tudo tem um limite. Vamos ver até onde minha paciência aguenta.
    Bem, o lado bom é que o Brave Brothers não faz single fofo.

  7. Como bom otaku gordo e tarado que só escuta música asiática pelas idols vestidas de colegial cantando musiquinhas fofas eu adorei esse grupo e olha que eu geralmente detesto 99% dos lançamentos coreanos (que consistem num bando de quengas rebolando numa mistura de EDM com hip-hop)… Então eu espero que elas continuem assim, fofas, virginais, naturais e sem tintura no cabelo.

    Nunca tinha comentado aqui… Eu detesto K-Pop mas sempre venho rir das piadas que você faz nos posts, oi.

  8. Só delas lançarem uma música inteira sem as palavras “baby”, “love”, “boy(s)”, “music” e afins já merecem respeito kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s