Em Little Prince, Boss Bitch Gyuri se une a uns indies pra humilhar sua favorita. <3

vlcsnap-2015-06-15-05h01m49s75

Algo chamado From The Airport (que eu imagino ser um daqueles grupos de k-indie pedante tipo Urban Zakapa, Clazziquai, Humming Urban Stereo, etc) acabou de se unir a boss bitch Gyuri para um single do nada. E isso até faz sentido. Ou vocês acham que Gyuri estava satisfeita em ver tinta secar igual Seungyeon enquanto Nicole e Hara tem solos japoneses agendados para as próximas semanas e YoungJi e JiYoung enchem o cu de dinheiro com CFs? É claro que não. Logo, aqui temos Gyuri entregando o melhor solo de gata de girlband desde Lizzy no começo do ano. Morram:

Gyuri maravilhosa entregando uma collab DECENTE ao invés de tentar fazer um clone de Some da TãoVocê como todas as outras básicas na cena capopeira. Little Prince é um electro-rock-de-viado combinado com synth pop gostoso e que desce redondo com um vocal feito o dela. Gyuri tá muito esperta, porque por onde eu olho online a reação está sendo positiva e todos acham que essa seria um bom caminho a trilhar numa carreira solo pós-KARA, e eu obviamente assino embaixo. Porque não só a música tá boa como ela também está miserável no clipe entregando ice princess realness:

se foder Gyuri se abraçando sozinha naquele clipe japonês do coelhinho, é essa expressão miserável aew que queremos

A b-side também tá super gostosa, apesar que eu descartaria esse coro de criancinhas gritando “heeeey!!!” e “uouououo” porque ninguém tem paciência pra essas merdas e as pessoas continuando enfiando isso em músicas, mas tudo bem:

 

Enfim, Gyuri tá de parabéns e a avalanche de lançamentos de KARA nesse meio de ano acabou de ganhar uma ótima adição. Agora é só esperarmos a voz angelical de Hara superar isso em julho, não é mesmo? ❤

29 comentários em “Em Little Prince, Boss Bitch Gyuri se une a uns indies pra humilhar sua favorita. <3

  1. Algo chamado From The Airport (que eu imagino ser um daqueles grupos de k-indie pedante tipo Urban Zakapa, Clazziquai, Humming Urban Stereo, etc)

    Exato, são da mesma empresa do Clazziquai e do Urban Zakapa inclusive, e se descrevem como New Indie Electro Rock

  2. Achei ok só, mesmo para padrões de k-indie. Parabéns pela iniciativa.
    Não chegou a me desviciar disto aqui que eu descobri em um drama aí (estou ouvindo o álbum da banda em looping faz umas duas semanas):

  3. ééé tah bom pra Gyuri… se ela tava entediada neah….
    pra banda deve ter sido ótimo! pois fizeram um corabo no jutso com uma Kara.
    mas a música eh bem esquecível na minha opinião…
    não eh algo q eu ouviria de novo… espero q a Hara mande melhor (se ela for lançar alguma coisa)
    pq essa foi beirando tédio

  4. Goddess Gyuri. ❤ É isso que o povo ama mulher, que Deus abençoe e ela vá por esse caminho mesmo porque tá maravilhoso! ❤
    Isso sim combina com ela, eu super concordo! Eu não consigo ver ela se abraçando no MV do coelhinho. Sei lá, ela não merecia ter que fazer aquilo, apenas. Me dá desgosto, além de um sentimento que eu ainda não sei como descrever. Além de ser triste, desnecessário é a palavra que define aquilo!
    Eu nem tava esperando nada dela pra agora, e aí ela chega assim. ❤ Bias. ❤
    E que nome o desses caras… Pelo amor… Mas né, quando se trata de Coreia, a gente nunca deve se surpreender com essas coisas. Surpresa mesmo é quando tem um nome legal. Enfim, valeu aí Bruno. ❤ Eu passei uns dias sem olhar as noticias capopeiras e quando volto minha bias tá de musica nova! ❤

  5. Como bom fã de grupos indie-pedante eu posso dizer que há anos não ouvia algo tão bom vindo da Coréia que não fossem os próprios grupos indie-pedantes (ficou sem sentido a frase mas ok). Espero que a Gyuri continue gravando coisas assim e me faça curtir grupos cuja discografia nem consta no Jpopsuki (e quando consta, está incompleta).

    PS: Você não vai comentar o solo da Ami que nesses 200 anos de E-Girls perdeu completamente sua identidade e virou Dream Ami?

    1. porque o aegyo forçado pra véio tarado delas tá crescendo e ganhando força, e eu tenho medo que as outras comecem a fazer essa merda também porque APink tá fazendo bastante dinheiro e ganhando notoriedade com isso. Basicamente é por isso.

        1. mas isso é tipo as fotos delas com objetos fálicos na boca, são apenas extras pros tiozões, as músicas delas são sempre merdas virginais tenebrosas.

        2. Mas essa é estratégia de ouro: alimentar o imaginário dos oppas tarados sem precisar se livrar da imagem de santas virginais.

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s