MIXTAPE – JULHO ’15

MIX20-JULY15

E eis que mais um mês virou, então chegou a hora de mais uma mixtape pra vocês. E preparem-se, porque julho foi tão bom que muita gente boa acabou ficando de fora. Sua favorita sobreviveu e estará na playlist ou tomou no cu pra algum ato japonês obscuro com três mil views no youtube? Descubram a partir. de. agora. *O*

01. NINE MUSES – MUSE: Bem, acho que já temos a melhor intro de 2015, né? Nem adianta as outras tentarem, a vaguinha inaugural do top de fim de ano do blog já é das Nain Myujiseu, basta aceitar. MUSE cria o clima pra Hurt Locker muito bem, mas eu já testei aqui em casa e ela serve de intro de maneira apropriada pra absolutamente qualquer coisa.

02. YUMI SHIZUKUSA – ALL MY LIFE: Rainha do flop Yumi Shizukusa taí na cena japonesa tem DOZE FUCKING ANOS e ninguém nunca ouviu falar nela antes dessa All My Life. Mas olha, se o catálogo dela for cheio desses híbridos de R&B e house, ela com certeza não é pouca bosta. Se você não ouviu isso ainda, por favor, dê play no link aí debaixo (que tem só SETE MIL VIEWS). All My Life já está na corrida pra single do ano, so escutar o refrão pra entender por quê. ❤

03. TVXQ – VERTIGO: Como isso aqui não fechou uma trinca com Champagne/Rise As One eu honestamente não sei, porque Vertigo é a melhor música de TVXQ em muito tempo. Custava muito filmar um clipe na caixa da SM com uma coreografia básica só pra dizer que teve? Não custava, SM. PS.: adoro Adele servindo de backing vocal deles mandando vários “wow ooh wow”.

04. PRIMARY – DON’T BE SHY (feat. CHOA & IRON): anjinho de luz ChoA cansou de lançar versões pra Heart Attack e se juntou com Primary e Iron pra slay a todos com um reggae maravilhoso e que casa muito bem com a voz dela. Quando AOA acabar, ChoA já sabe o que fazer da vida. BTW, “Mileage” com Hwasa do Mamamoo também é ótima, Primary melhor ser humano com esse single dele.

05. GOT7 – JUST RIGHT: seguindo o clima leve e maconheiro do Primary, temos essa musiquinha motivacional do GOT7, que apesar de não ser melhor que a icônica “A”, é diferente o suficiente pra se destacar da manada de remixes de Loving U das SISTAR que vimos sendo lançada esse mês.

06. JUN HO – FIRE: já que Justin Timberlake sumiu da música de novo e Jay Park resolveu que esse mês iria pagar de badass ao invés de incorporar Michael Jackson (o que sempre funciona muito melhor com ele), tivemos que procurar outra fonte para midtempos gostosinhas com vocais agudos pra esse verão. Com sorte Jun Ho do 2PM existe e sempre lança essas coisas no Japão, vendendo bem ainda por cima (o álbum dessa música vendeu mais que o A One da Ayu ❤ ).

07. YUNHO – CHAMPAGNE: Na mesma vibe que Jun Ho, Yun Ho também lançou musiquinha feel good de verão. Só que no caso dele, não tivemos isso uma única vez, mas sim duas. Champagne maravilhosa pra Coreia e a quase tão boa quanto Burning Down pro mercado japonês. Yun Ho dono da porra toda[/last.fm]

08. KODA KUMI – EX TAPE: Kodão acertou nas inéditas pra sua coletânea de verão. EX TAPE é super gostosinha e apresenta algo inédito pra discografia dela, mas algo que funciona muito com o visual urban que Koda curte. Hurricane entraria também caso tivesse tido um clipe impactante, porque sem isso a faixa acabou meio genérica. Faltou o impacto visual de Kodão twerking em meio a espacates com um shortinho atochado no rego como sempre. Isso ajudaria a música a ir para o próximo nível.

09. 4TEN POTEN – GO EASY: Infelizmente minha bias (a deusa de Gangnam desse gif aqui) teve de ser sacrificada para o deus padroeiro dos nugus para que POTEN tivesse um single realmente bom. Uma pena, mas Go Easy é um híbrido de EDM e disco/funk tão bom que quase compensa a perda.

10. GFRIEND – ME GUSTAS TU: Se eu for ser honesto, Gessica’s Friend não merece estar aqui nessa lista, considerando quão forte esse mês foi no geral. Afinal, Me Gustas Tu não passa de um remix espanhol de Glass Bead. Mas fazer piada em cima de Gessica é tão maravilhoso que eu simplesmente não me controlei. Desculpas se sua fave rodou da lista por conta disso.

11. YUN*CHI – LUCKY GIRL*: Sim, os asteriscos no nome da gata e no nome da música são pra valer. Ela escolheu isso como gimmick da sua carreira (sério). Escutem essa merda aí embaixo e gozem com a bridge dos “nununununu” (ignorem o robô feito no paint brush). Percebam também como Toshiko iria slay essa delícia caso fosse um release do capsule. Mas com o azar de Toshikão, se ela mandasse esse link pro e-mail do Nakata pedindo por uma música igual, capaz dele ir gravar músicas novas pra Yun*chi ao invés de tirar Toshiko da miséria. Tadinha.

12. GIRL’S DAY – TOP GIRL: Fazia tanto tempo que Girl’s Day não lançava uma farofa que mesmo Top Girl nem de longe estando no mesmo patamar das produções passadas de Nam Ki Sang pra elas, eu ainda curti como se fosse a segunda vinda de Cristo. De longe minha inédita favorita de LOVE. Num mês normal eu colocaria aqui também o cover de SISTAR que abre o álbum, e talvez até mesmo o trainwreck de Ring My Merda, que já alcançou o lendário nível “tão ruim que é bom” de Merda Me If You Can. Mas como julho foi muito bom, essas aí ficaram de fora. Malzaew, D4ISYs.

13. NINE MUSES – HURT LOCKER: Nem sei o que dizer sobre essa música que mal conheço, mas já considero pacas. Por isso vou simplesmente deixar o dance version aí embaixo pra vocês assistirem. Sejam felizes.

14. WANNA.B – ATTENTION: já que After School não pode voltar porque a Pledis não tem dinheiro, pelo menos temos essas nugus aqui pra quebrar o galho com seu épico farofão. WANNA.B já são as Purfles de 2015, então não me surpreenderia se elas simplesmente derem disband daqui duas semanas nos deixando órfãos de um follow-up. É a vida no capope.

15. HELLO VENUS – I’M ILL: Hello Venus não estava pra brincadeira com essa farofa aqui (porra, DOIS “brave sound drop it”? É pra poucas). I’m Ill é datadíssima, e exatamente por isso que a coisa toda funciona. A faixa parece um greatest hits de várias tendências ultrapassadas. A sessão a partir de 1:20 com os sintetizadores de palmas, a sessão militar em 1:50 que parece saída de alguma música da Ciara em 2005… enfim, a música é incansável e não desacelera em momento algum. Você se cansa só de ouvir. Música de balada feita direito.

16. MAX – #SELFIE -ONNA NOW-: Continuando no clima farofão (julho melhor mês pra farofassss), temos o remix de MAX pra #Selfie, que deu nova vida pra uma música insuportável. Todas as sessões com elas falando em japonês e engrish são maravilhosas e funcionam muito melhor do que na faixa original. Melhores obasans. ❤

17. TOMOMI ITANO – GIMME GIMME LUV: a boca torta e o olhar desorientado de Tomomi Itano estão de volta, em mais uma tentativa de ser a nova Namie. O clima latino é uma mudança agradável pra cena japonesa (precisamos de mais híbridos assim, eles nunca são demais), e o refrão parece muito as Giant Swing Productions da Namie. Tanto até que Namie devia processar essa bocuda safada por tentar ser uma versão mais jovem dela. Falando nisso, outra que merece um processo de plágio vindo de Namie é Hara, né? Tamanha a audácia dela de andar por aí com o rosto de Namie quando tinha 20 anos.

18. GUHARA – HOW ABOUT ME? (feat. YOUNGJI): A DSP se fodeu com a escolha de singles pro debut de Hara, afundando o projeto todo antes mesmo dele deslanchar (mais ou menos como rolou com MinAh e a escolha pobre de singles da Dream T). Choco Chip Cookie seria um pré-release ótimo, mas como único single de ALOHARA aquilo lá é uma piada. How About Me? roubada.

19. D.HOLIC – CHEWY CHEWY: Muito bom essas nugus afanando o laptop de LE no backstage do Music Bank e roubando o comeback de setembro do EXID. Porque só isso explica essa música aqui não ser um single do EXID e sim de um grupo nugu. Mas não estou reclamando, quanto mais EXID melhor.

20. STELLAR – VIBRATO: melhor bridge do ano, melhor clipe do ano, melhor forçação de barra do ano. Pena que estreou em 97° lugar na GaOn. Pelo visto nem fazer as coisas pelo choque tá funcionando mais pra Stellar. Quem sabe se no próximo single elas dançarem vestidas de freira a carreira deslancha?

21. INFINITE – BAD: Sendo honesto, Bad é um dos singles mais simplórios de INFINITE e parece demais com qualquer comeback genérico de boyband de quinta. Acontece que no momento ninguém está lançando esse tipo de merda, então Bad acabou se destacando do resto de certa maneira, garantindo uma vaguinha aqui.

22. SUPER JUNIOR – DEVIL: SuJu finalmente teve uma title track decente esse ano. Tudo bem que isso tá mais pra TVXQ emulando Bruno Mars do que pra um single de SuJu (faltou pieguice), mas Devil continua a série de bolas dentro da SM pra suas boybands em 2015 (não posso dizer o mesmo das girlbands, enfim).

23. SHIINA RINGO – KAMISAMA, HOTOKESAMA: Shiina NÃO inalou hélio pra gravar Kamisama, Hotokesama. Consequentemente, ela conseguiu seu melhor single em tempos. A peruca absurda é só um bônus.

24. LADYBABY – NIPPON MANJU: como vocês já sabem, Lady Beard é a rainha da porra toda[/last.fm], então eu obviamente soltei uma lágrima de emoção quando o single de LADYBABY fez seu caminho até os sites de downloads ilegais, ao invés de sofrer a morte horrível de Alice Peralta e Kondo Yohdi. É o kawaiicore, agora também em mp3 marcando presença no seu ipod. /o/

25. CRAYON POP – RA RI RU RE: Crayon Pop continua a ser um dos atos mais consistentes do k-pop. Prova disso é esse single japonês maravilhoso que elas lançaram esse mês. É música de atari que te ensina a pronunciar os sons do “r” em japonês. Quem mais viria com uma merda dessas? Sua favorita que não.

INCRÍVEL DOWNLOAD

E é isso aí de julho, galera. Rolou muita coisa boa esse mês, e consequentemente muita coisa legal acabou sobrando. Sober do Big Bang acabou ficando de fora, assim como Love & Peace do CROSS GENE e XOX daquela Z.HERA. Sem contar as rappers mocreias Kisum e Yuk Ji Dam, que também tiveram singles muito bons esse mês. Mas a concorrência estava tão acirrada que esse povo todo ficou na peneira. Faltou quem pra vocês? Enfim, fomos da água pro vinho de um mês pro outro, JULHO BIAS DE 2015. ❤

53 comentários em “MIXTAPE – JULHO ’15

  1. Afinal, eu nunca reparei em uma coisa: você obviamente tem um número mínimo e um número máximo de músicas pra colocar nas mixtapes? Quais são? Porque você disse que cortou músicas e tal e nada te impediria de fazer uma lista gigantesca com mais músicas que integrantes do AKB48, né?

    (você começou a separar o nome do Yunho do nada só pra combinar com Jun Ho, né? achei poeta da sua parte)

    1. eu costumo não passar de 25 músicas porque isso dá por volta de 90min e passando disso acho que a coisa desanda e não dá pra ser ouvida numa sentada só. Por isso e porque caso eu passe de 25, muito provavelmente o tamanho do .rar vai passar de 250mb, e daí eu teria de quebrar a lista em dois arquivos .rar diferentes, o que seria muito trabalho. Daí fica 25 mesmo. @_@

      (e sim, claro que eu separei os nomes pra rimar :v )

      1. Faz sentido. Obrigada pela resposta. ❤

        (pena que até onde eu saiba o Junho não tenha um nome artístico pavoroso feio U-Know pra você fazer outra bela combinação com os 2)

  2. NOSSA, MAS JÁ!? Bruno sendo pontual com as mixtapes é como YG não adiando debut/comeback de alguém.

    Pois bem, no Album Review de LOVE eu estava tão em choque com o gordinho-gate que nem comentei direito. O fato é que eu acho que a nota não deveria ter sido a mesma do Expectation, nem que fosse um 7.5 só pra diferenciar. Porque, enquanto o Expectation continha 4 faixas aegyo irritantes (sendo uma delas um remix inaudível), todas as faixas do Love são escutáveis e a tracklist distribui as faixas um pouco melhor também.

    Eu gostei de todas as inéditas dessa vez e, apesar de amar Ring My Bell, ela se provou uma escolha ruim para single. :/ Na minha opinião, Macaroon seria uma opção mais acertada para um momento em que elas tinham de firmar o seu nome, agora elas têm até o final do ano para se salvarem e não serem ultrapassadas por AOA no ranking das girlbands.

    Falando nisso, Gaon quer treta e fez A ANÁLISE EM NÚMEROS DO APOCALIPSE DOS GIRL GROUPS. Os resultados foram inconclusivos: http://www.allkpop.com/forums/discussion/381214/gaon-report-girl-group-summer-battle

      1. A melhor parte dessa análise são os comentários de SONEs admitindo que Mamamoo e Nine Muses tiveram as melhores músicas e merecem reconhecimento…. sempre bom aproveitar esse caso raro de sensatez no fandom. (sim, sou SONE)

  3. F(x), Crayon Pop, Nine Muses e SHINee me vem a mente, mas acho que os atos campeões nesse sentido mesmo são KARA e T-ARA. Ambos são incrivelmente consistentes, o que chega a ser chocante considerando o tempo de estrada dos grupos. Tipo, em 2009-2010 T-ARA lançou uns 10 singles e todos eram bons, meio chocante.

    ps.: Love & Peace é uma merda genérica, mas eu curti. Caso o mês fosse mais parado, provavelmente eu botava na playlist sim. @_@

    1. é uma pena ver que eles acrescentaram mais uma merda genérica dessas à discografia deles (Bad Lady tbm tava nesse nível), mas eu acho que tô tão imerso no grupo que o simples fato de SEREM ELES já torna qualquer porra aproveitável ;-;

  4. Só ouvi a Yumi, alias, o disco INTEIRO no loop. Valeu pela dica quando lançaram o single 🙂
    E o Kondo eu tbm me matei de procurar o single e nada 😦
    Mas ele lançou um novo clipe estes dias, sendo hetero, e eu gostei de novo além de que se não entendi errado ele assinou com a Avex. Espero que no futuro tenha links 8P

  5. Faltou Party das Divine 9-1 e Check que foi otima, tirando isso Hurt Locker,Me gustas tu e a outra merda do novo grupo bully do momentos merecem estar nessa lista.

    A forma como voce jutou as SNSD8 foi tão rude,pra elas aprenderem que ser expulso não é legal.

    1. Querido blogueiro voce precisa colocar um corretos, os meus dedos simplesmente pedem pra errar as palavras… *paciencia*

      correção : momento,chutou.

  6. Nossa, tb adorei a intro de Nine Muses ❤
    All My Life, Don’t be shy, Fire, Ex tape, #Selfie e Vibrato são destaques para mim pq realmente adorei! HURT LOCKER, no entanto, é de longe minha favorita do mês de julho e essa dance version da lista é a melhor de todas! Nem AOA conseguiria uma versão melhor ❤

    Senti apenas falta de Sober… adorei a musiquinha!

  7. Nem me dou o trabalho de ver a milésima versão de Heart Attack…a empresa das pretty girls are AOA ainda tenta fazer o barro acontecer ? Ta pior que T-ara com os dramas versions (que eram bons, sdds day by day drama v <3)

  8. Sinceramente vc é patetico, disse q Party do snsd veio pra salvar ja q o single de GsD foi uma mistura horrivel,mas não coloca a musica na mixtape..pra mim isso é só coisinha pra se aparecer.

    E ainda bem q nao falou delas, pq sempre q vai falar delas muda de assunto e não fala da musica em si,sempre fala “Jessica 1 snsd 0” ou coisas como “sones xitas” e sei la oque mais … Ja que gostas tanto de MR taxi faz alguma coisa q preste com snsd nesse blog e tente um elogio,nao vai rancar dedinho e nem abaixar as views do bloguee meu beem.

  9. Todos sabem que a música que, provavelmente, trará a dignidade de volta pras H8 é aquela última do teaser (não fiz questão de gravar nomes). Então vamos aguardar, mas provavelmente só em setembro, certo?

    Por enquanto ficamos ouvindo a versão em espanhol da Jéssica e suas novas amigas

  10. Bruno, você já ouviu o álbum Blue da ❤ Queen of Flop Yumi Shizukusa ❤? Se não, eu recomendo, sério, está uma _delícia_ e é de longe a melhor coisa do mês [talvez do ano] junto com o single das Oito Musas [uma pena que elas não desfloparam]. E o mês realmente foi bom em, para você não enfiar um daqueles atos indies japoneses que ninguém da mais que duas ouvidas. As duas b-sides da Tomomi BocaTorta eu também recomendo, é melhor do que Gimme Gimme Luv. Sobre Crayon Pop, eu achei o single japonês qualquer coisa, é bomzinho, mas não salva nada. De resto eu ignoro por que a vida é muito curta e eu preciso ouvir o ❤ Blue ❤.

    Deixo aqui uma recomendação: O álbum Man On The Moon do Eluphant. Desde que ouvi o feat de TãoVocê com eles [uma baladinha gostosa], eu não consigo parar de ouvir o álbum.

  11. você colocou a musica do Primary ❤
    pelo menos a Hara apareceu em alguns Raul Gils cantando How about me?
    Cade as almofadas do Sonamoo aqui? amei o inkigayo fazendo as gatas mudarem a letra. E sinceramente não sei como o MB ta deixando elas dançarem a coreo original ainda :v

  12. Nem acredito que o TVXQ ainda entrou 2 vezes pra lista, como ressalva pra Burning Fuck Down kakakak Cara, você me supreende.
    AMEI A LISTA!
    Hurt Locker e Vibrato ❤ ❤
    Suuuper concordo que Vertigo é a melhor deles em anos, desde algumas faixas de Keep Your Head Down.

  13. nao conhecia essa Yun*chi mas ja fiquei traumatizada. Que voz aguda é essa jesuisssssss hahahahahah.
    E sobre how about me não ter sido lançado como MV é realmente decepcionante. Vi esses dias a apresentação da Goo Hara (nao vou escrever Guhara pq eu achei q ficou podre) e da YoungiJi e foi tãoooo legal. Te odeio choco chip cookie!

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s