Shiina Ringo debuta peruca inédita em seu épico novo single. Nós não somos merecedores de tamanho poder.

Shiina Ringo acabou de vir do nada com a melhor peruca do ano para acabar com nossas j-véias favoritas. Se você assim como eu curte Shiinão aqui e ali, mas sem empenho algum, saiba que esse novo double a-side dela representa o momento da virada, porque ele tá muito bom. Vejam o short PV pra ‘Kamisama, Hotokesama’ (Deus, Buda) e entendam o que eu quero dizer:

Shiinão maravilhosa esquecendo de inalar hélio pra cantar a música nova e entregando seu melhor single em tempos. <33333 Assim que a tia levantou feito uma múmia e a peruca dela quase não passou pelo batente da porta eu já tinha virado stan. Vejam em loop a expressão blasé dela, como se isso fosse a coisa mais comum do mundo e acontecesse com todos nós corriqueiramente:

Sem contar que todo o Japão concept tá executado de maneira simples, mas legal (na torcida por acusações de apropriação cultural sendo que ela é japonesa). O outro lado do double a-side também tá ótimo, mas só se você tolerar o começo escorrendo autotune, tipo no novo single do Atsushi. Que porra tá rolando no Japão? Ninguém precisa de um comeback do autotune irreal de uns anos atrás pro pop. O que virá a seguir? Dubstep de novo? Por favor, parem. Vídeo completo no vimeo:

O melhor de tudo é Shiina descrevendo essa ‘Nagaku Mijikai Matsuri’ (“Festival Comprido e Curto”???) como sendo “dance-pop com um sabor brasileiro”. Pelo visto a cola de peruca mantendo esse vespeiro em pé na cabeça dela tá afetando as funções cognitivas da tia, porque só isso explica achar isso remotamente brasileiro, mas ok. O que importa é que ela garantiu um CF da Coca Cola pra essa música aí e um de celular pra música lá de cima. When will Ayu?

PS.: pereçam perante o poder da capa do double a-side, que absolutamente eleva o single ao próximo nível e arremata o mesmo ao patamar de melhor release de solista japonesa do mês:

Anúncios

12 comentários em “Shiina Ringo debuta peruca inédita em seu épico novo single. Nós não somos merecedores de tamanho poder.

      1. Super apoio. Rune Way -ou algo assim, a faixa 2-, Love Me, D, a ultima que não consegui romanizar, etc… ta bem legal. A do reggaezinho um amigo usou como ost pra usar maconha pq ela “geme gostoso”. Chorei com o clichê, podia ser John Coltrone né? 😥

        Uma coisa que me incomoda nos clips asiaticos é que soam tão artificiais e passageiros. Falta uma coisinha mai “gente como a gente” tipo este clipe lesbico dumas meninas da Disney: https://www.youtube.com/watch?v=I0MT8SwNa_U
        Ai papai, ia morrer com a SoYou fazendo parzinho com a Dasom trocando selinhos e usando êxtase ❤

  1. As j-véias tem sido a melhor coisa do ano. Estou amando tudo que essas senhorinhas japonesas estão laçando.
    J-véias para vida!

    A primeira música desse double A-side ganhou um lugar no meu coração, bem ao lado de Golden Touch e da icônica #Selfie <3.

  2. Pq os atos j-velhos são sempre os melhores! ❤ Aliás, outro velho de guerra que vai voltar (nem tão velho assim se formos considerar só a carreira solo dele) é o Daichi Miura, que vai lançar single novo dia 2 de setembro (o que é muito inteligente da parte dele, já que a últimas semanas de Agosto serão dominadas pelo EXILE ). Capa do edição pro fandom:

  3. O melhor do segundo clipe é o twist dela louca com o chuveirinho kkkk
    ps.: o que falar deste blog que mal conheco mas já curto pacas? ❤

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s