MIXTAPE – AGOSTO ’15

A mixtape de Agosto atrasou, mas finalmente está aqui. E se você sentiu que o mês começou fortíssimo e recheado de lançamentos, mas acabou num marasmo completo, você não está sozinho: minha opinião infelizmente é igual a sua. Nesse mês desnivelado, o que houve de realmente memorável? Cliquem aew no leia mais pra descobrir. /o/

 

01. HYUNA – RUN & RUN: Eu honestamente não achei o novo mini da HyunA lá essas coisas não, mas pelo menos Run & Run me convenceu, servindo de introdução para o lead single dela muito bem. Então ela também pega essa vaguinha de intro da mixtape desse mês.

02. WONDER GIRLS – I FEEL YOU: a faixa que trouxe as Wonder Girls de volta a nossas vidas, I Feel You é tão mergulhada em retrô 80s com os vocais suspirados e o instrumental hipnótico de synthpop que é fácil ver por que alguns não gostaram. É um som bastante específico, hit or miss. Mas pra mim de miss não teve nada, e I Feel You já está na corrida pra melhor single do ano. ❤

03. SHINEE – MARRIED TO THE MUSIC: ainda outra carta de amor de SHINee para Michael Jackson, Married To The Music ficou ainda melhor por conta de seu clipe de humor mórbido com referências a Rocky Horror Picture Show e A Família Addams. Um single de disco/funk simples e direto, que fez ótimo uso das harmonias deles.

 

04. T-ARA – SO CRAZY: O novo single de T-ARA não é nem de longe um dos destaques da discografia delas, mas So Crazy se equilibra bem entre o retrô pelo qual T-ARA é conhecido e os sexy concepts que Brave Brothers desovou sem parar ano passado. Não mudou a vida de ninguém, mas deu pro gasto.

05. BENI – FOREVER: o verão concept chegou tarde no Japão, mas em agosto ele veio pesado e com bons singles de um monte de gente, incluindo aí Beni, rainha dos cover albuns, que voou pros EUA com sua amiga plus size pra cantar essa faixa bonitinha e 50s inspired. ❤

06. ATSUSHI – UPSIDE DOWN: Atsushi sempre cola comigo, seja em baladas mela cueca ou nos farofões da EXILE. Mas essa midtempo de verão provou que não existem limites pra voz dele, que funciona com absolutamente qualquer coisa (ignorem o começo de rap, porque isso não funciona não).

 

07. JUJU – PLAYBACK: Muita gente no k-pop lançou single de verão nos últimos meses, mas poucos deles não soavam feito comerciais da Polly Pocket. Talvez os produtores de k-pop devessem aprender com UTA a como produzir uma faixa de verão divertida, mas não infantilizada, coisa que ele fez pra tia Juju nessa Playback. Ouçam e entendam o que eu quero dizer.

08. PRIMARY FEAT. LENA PARK – HELLO: Eu ainda não tive tempo de ouvir o álbum do Primary inteiro, mas se as faixas do álbum estiverem tão fortes quanto os singles lançados até aqui, é melhor eu correr atrás do tempo perdido, porque tanto Don’t Be Shy quanto Mannequin e essa Hello estão entre os destaques do k-indie esse ano.

09. JAKOP, RAINA, WUNO, DAYDAY – ALL DAY ALL NIGHT: Se eu for ser honesto, essa All Day All Night não é lá muita coisa, sendo apenas um funk retrô inespecífico. Eu só a coloquei aqui pra apoiar Raina, afinal, as After School precisam comer não é mesmo? #buyalldayallnightonitunes

 

10. TOFUBEATS FEAT. DREAM AMI – POSITIVE: Eu ainda estou despeitado por ser Ami a conseguir uma carreira solo nas E-GIRLS ao invés de queen Reina, mas eu preciso admitir que essa colaboração dela com o tofubeats tá gostosinha demais pra se guardar rancor, então assino embaixo da petição pra Dream Ami ser vocalista de todos os singles dele daqui para sempre.

11. SNSD – LION HEART: Lion Heart é uma faixa gostosinha e e que encapsula SNSD muito bem, sendo uma escolha acertada de single com seu clima 50s, refrão harmonizado suavemente e com o pós-refrão cheio de doo wop. É de se perguntar por que elas não lançam coisas nesse clima mais vezes, pois é algo que definitivamente funciona com elas.

12. WONDER GIRLS – CANDLE: Minha segunda favorita no ótimo Reboot, Candle é ainda mais um throwback pros anos 80 presente naquela delícia, com um refrão leve e grudento ornando com o synthpop. Destaque pro rap da feia, com os poker face e joker face, melhor uso da Lim na história das Wonder Girls. ❤

 

13. MYB – MY OH MY: sendo honesto, o debut de myB é bem inespecífico (é só um cheerleader loira concept). Mas em meio ao número embasbacante de debuts apostando no white aegyo esse ano, My Oh My acabou se destacando só por ter algum tipo de pulso ao invés de te botar pra dormir.

14. 2EYES – PIPPI: Se você achou que ter um conceito inspirado em Pippi Meia Longa era algo tremendamente idiota, você obviamente acertou. Mas se ainda assim você curtiu Pippi das 2EYES sem entender bem o por quê, o motivo é esta ser uma produção de Dublé Sidekick, logo, é basicamente um single de BESTie/Girl’s Day/Sistar, só que esses grupos maiores provavelmente ficaram com vergonha alheia do conceito e pularam pra outra. Mas nugus feito 2EYES não tem amor próprio nenhum e toparam a ideia estúpida, mas divertida.

15. SHINEE – SAVIOR: Married To The Music foi um ótimo comeback pra SHINee, mas essa b-side aqui roubou o show ao estar mais próxima da magia do electro 90s de Odd.

 

16. CHEETAH – MY NUMBER: Eu já perdoei Cheetah pelo seu debut comercial não ter sido tão impactante quanto eu achei que ele seria. Afinal, mesmo que My Number não tenha um refrão, o clipe e os raps de Cheetah são divertidos o suficiente pra faixa não ser descartada.

17. SNSD – YOU THINK: Chega a ser hilário que quando eu finalmente gosto de uma música de SNSD, ela flopa fodido na Gaon e consegue um 30° lugar de pico. Um verdadeiro crime com essa bobagem inspirada no álbum de debut das Pussycat Dolls.

18. HYUNA – ROLL DEEP: HyunA continuou com a temática de funk ostentação vista em RED para seu novíssimo single, a absurda Roll Deep (que funciona muito melhor com o título em coreano “Because I’m The Best”, enfim). Teve gente que achou o vida lok concept um pouco try hard demais, mas vamos lá, é HyunA. O que vocês estavam esperando?

 

19. GD&TOP – ZUTTER: essa era M.A.D.E. do Big Bang começou fortíssima e pouco a pouco foi perdendo fôlego até eu obviamente nem me importar mais com o álbum. O outro A-Side lançado junto com Zutter eu honestamente nem lembro mais como é, mas esse retorno da sub-unit até que fez valer, mesmo estando abaixo dos outros singles conjuntos de G Dragon e T.O.P.

20. HYORIN, ZICO, PALOALTO – DARK PANDA: Não foi dessa vez que Hyorin mandou um freestyle pra gente, mas ela fez bonito nesse downtempo bem em sintonia com as tendências pedantes contemporâneas do R&B/hip hop. Com sorte Dark Panda aponta um novo caminho pra ela, e com isso o segundo LP solo de Hyorin não acaba tão esquecível quanto o primeiro.

21. SANDAIME J SOUL BROTHERS – UNFAIR WORD: SJSB acertou de novo nessa balada piegas pra caralho e que estaria em casa na voz do Atsushi, mostrando que eles são a boyband mais versátil da atualidade, convencendo em farofas, baladas e rockzão feat. Slash. Your fave could never.

 

22. WONDER GIRLS – REWIND: Ironicamente Rewind nem estava no meu top5 do Reboot quando eu fiz minha review do álbum, mas agora eu tenho ouvido a faixa mais e mais, ultrapassando as igualmente rainhas do pop Loved e One Black Night. Mais uma prova de que esse é o álbum de k-pop do ano e dificilmente alguém chegará perto.

23. AYUMI HAMASAKI FEAT. SPEXIAL – SAYONARA: Eu não estava dando uma foda pro sixxxxxx da Ayu. Os dois singles anteriores foram uma merda, a ideia de um feat com uma boyband taiwanesa parecia absurda… enfim, não havia o que salvasse nessa coisa toda. Mas daí eu ouvi essa Sayo-wo-nara com a introdução MARAVILHOSA da boybosta Taiwanesa recitando “I KNOW THAT YOU NEVER. EVER. LOVED ME LIKE I STILL DO” pra eu dar uma gargalhada gostosa e ver quão necessária é a existência de sixxxxxxxx em nossas vidas. ❤

 

24. WONDER GIRLS – BABY DON’T PLAY: Outro dos grandes destaques no Reboot, Baby Don’t Play abriu o álbum muito bem, sendo um synth-rock nostálgico que abre com Yenny gritando acústica, só pro solo dela dar lugar a uma chuva de sintetizadores de arcade incrível. Uma pena não ter rolado live dessa aqui. =//

25. KONDO YOHDI – 30TH CENTURY BOY: Eu já estava prestes a terminar a mixtape com uma 25° faixa simbólica para Kondo Yohdi e sua Gurugurun Sekai, só pra narrar meu sofrimento pela música NÃO ter vazado em lugar nenhum até agora, mas eis que o Vickie dos comentários me enviou a mp3 de 30TH CENTURY BOY completa, então quem dá uma foda pra qualquer outra coisa, não é mesmo? ❤

INCRÍVEL LINK

E é isso de agosto. Com sorte setembro será um mês melhor distribuído nos seus lançamentos. Se faltou alguma coisa na seleção, só reclamar aí embaixo, flwvlw.

Anúncios

69 comentários em “MIXTAPE – AGOSTO ’15

  1. I Feel You é vida ❤
    Married To The Music vulgo último single com Minho.. é legal, mas esquecível.
    So Crazy é vida.. é bobinha, mas gruda deliciosamente.. principalmente pela coreografia de susto concept.
    Lion Heart é uma delicinha mesmo.. bem melhor que You Think.. apesar q é boa tbm *-*
    Melhor parte de Sayowonara é o "but I wanna bilive" no fim do video hahaha.. melhor música da Ayu em mto tempo!!

    E eu tenho de confessar uma coisa: eu sempre tive uma resistência ao Kpop (exceto BoA, Big Bang, Miss A, SNSD e T-Ara), mas a última mixtape que eu baixei SÓ por causa de All My Life da Yumi Shizukiza, abriu meus ouvidos para um lado capope q eu pensei q só existia no minialbum do Taemin, o capope relaxante e gostosinho.. eu praticamente adorei uns 90% da última mixtape (Fire do Junho q o diga, apesar de ser em jp haha).. obrigado, Bruno-kun :p

    1. Achei tão surreal que tive que ler a respeito… parece que o palco estava bem molhado por conta da chuva e que a Yuju (a com um relacionamento sério com o chão) basicamente ganhou trocentos adoradores depois dessa.

  2. Olha, eu amei REBOOT também, mas dava pra ter tirado uma faixa e colocar Basick feat. Mamamoo, né? ://

    Enfim, eu admito que PIPPI não desceu redondo na primeira vez que escutei, mas ela cresceu de uma tal forma, já escutei não sei quantas. Só que ainda preferi myB, admito.

    Agora você tem de me explicar essa do EP da HyunA! Porque concordo que ele não foi lá essas coisas, mas ouvir isso da pessoa que amou Roll Deep, o single mais “no automático” da carreira da moça? Eu acho que “Get Out of My House” deveria ter sido a title track, seria algo diferente, mas ainda condizente com a persona da HyunA.

  3. Run & Run, intro maravilhosa. ❤ Está no meu top 3 de músicas do mini, junto com Because I'm The Best e Get Out Of My House. ❤

    I Feel You é A música! ❤ E eu tava pensando que teria mais WG na mixtape… Mas entendo, enfiar o álbum inteiro aí seria extrapolar. XD

    PIPI… Eu tenho resistido até agora, mas vamos ver o que acontece depois de mais algumas ouvidas. @__@
    Sobre o restante das músicas corebas, não posso dizer nada além de que concordo com seu julgamento. Agora, tenho que correr para conferir as músicas japas que eu ainda não ouvi. @__@ No caso, quase todas aí, tirando Upside Down <3, e Positive. Ando meio desatualizada com o japão já faz um tempo, preciso corrigir isso. Tenho que ir atrás de todas as músicas boas que eu perdi.

  4. Eu ia recomendar MINMI com sua hot mess de verão maravilhosa chamada Move, mas como não acho áudio dela em lugar nenhum e descobri que a música foi lançada como digital single em maio e não como faixa do álbum agora em agosto, vou deixar quieto

    Do mais, Wonder Girls dominando a mixtape, goxto assim ❤ E BENI e JUJU são dois nomes que nunca imaginei que estariam em mixtapes algum dia, gostei das faixas de ambas

  5. me senti mto feliz q vc tenha gostado de ao menos 2 músicas de LH ❤
    eu pensei q iria ver Bump It na lista (por q essa música eh vida)
    ps* vc soube q a SM estah querendo solar Taeyeon e Tiffany? e ainda há rumores de solo da SeoHyun, tirando o solo da Seo, parece q TaeNy estah confirmado e depois vem o comeback de TTS de novo, pra dezembro….. (eh soh pra mim q isso parece q vai dar merda?)

    muto boa as escolhas pra essa mixtape de agosto – parabéns
    super apoio a escolha de WG – REBOOT pra album do ano!
    afinal elas são as rainhas originais dessa geração! ❤

    1. Não é só pra você. Estão mandando ameaça pra família da guria o que a SM faz? “Vamos lançar um solo dela, parece uma ótima ideia!” Deviam é sossegar o cu até ir promover no Japão, ganhar grana fácil e parar de inventar moda.

  6. Já ia vir falar que tava faltando 2Eyes, MyB e Unicorn no apocalipse nugu hsuahsuahsu, favor deixar pra postar sobre Huk depois das Red Velvet, a faixa é muito boa, não merece ser ofuscada x.x (supondo eu que vc vai cobrir a faixa rs)

    Sempre baixo as mixtapes pra catar as coisas japas, nunca acho msm kkkkkkkk, finalmente Kondo ❤

      1. A faixa é uma delícia, o rap falado da mina que parece a Sohee + vocais mais agudos que o normal + elas serem bonecas vivas assustadoras + plágio da Lil Mama = ❤

        Tem direito até a agudos de golfinho que esperávamos das Minx hahaha

  7. Hyuna (because i’m the best) – acho justo ela estar nessa lista. Pode parecer loucura, mas gostei mais dessa musica do que RED hahahaha.
    Atsushi (upside down) – geralmente eu tenho sono dessas baladinhas dele. Mas esse musica é bem mais animada. Curti demais.
    Ayumi (sayonara) – os ultimossingles da ayumizão foram um desastre. Qd ouvi essa musica fiquei surpresa positivamente. Finalmente acertou uma ein Ayumi xD.A parte do ‘doushitara’ é mt grudão ahahah. Adorei
    Wonder girls (i fell you) – pra mim até agora é a melhor musica do kpop 2015.
    Só senti falta de e-girls (dance, dance dance) e da crystal feat namie (revolution).
    E algumas q eu não colocaria são as musicas do SNSD , T-ara e as novatas MYB. Acho que só eu não curti nem you think e nem lion heart (q até agora não consegui escutar até o final).

  8. Cara, eu não consigo ouvir quase nada da Ayu, acho tão zzzz, mas eu curti bastante esse mini album (coincidentemente começou Sayonara aqui na mesma hora que cheguei nela na lista o.o). Pra mim a mais marcante é Sorrows, a que mais repete na minha playlist.

    Vou baixar a mixtape porque tem muita coisa que passou batida pra mim esse mês ouvindo Wonder Girls e T-ARA direto x.x

  9. Vai rolar review da nova música da A-Line do E-Garotas?
    Quero que fale o quanto a Erie foi injustiçada e jogada de lado, tento nenhum close no MV inteiro e não aparecendo por nenhum segundo. Coitada.

    1. A erie e a aya nem estão no MV. No final do clipe eles colocaram o nome das garotas que apareceram, e nenhuma delas estava sendo citada. Foram excluidas da sociedade =/

      1. Não aceito isso. Erie super injustiçada. O vocal dela ficaria BEM melhor que o da Ami nessa música. Esperando um Dance All Night da vida pra rainha voltar a brilhar. Pior que mesmo as que estavam presentes no vídeo, tirando a A-line, floparam horrores. Mal deu pra ver a Suda Anna, Kyoka, Manami…

        1. A erie é minha bias no e-girls e no dream. Tb senti mt falta dela nesse MV. E se não me engano em anniversary (q foi um saco) ela tb quase não apareceu. Na verdade eu não curti mt o jeito como eles mostraram as dançarinhas, pq passa a cena mt rapido e fica dificil identificar. E pra piorar o caso da Aya e da Erie, pra elas cantarem teriam q sair a Ami e/ou Shizuka, pq senão ficaria um MV de dream feat e-girls.

      1. Essa daí então ta mais desaparecida do q as outras. Eu não sei se um dia vão dar a chance dela ficar no lugar da karen em um MV. Onde vc viu a tracklist? De novo feat de dream com egirls? Pq já tem o MV de move it.

  10. Vcs viram a delícia de Wow Wow Wow do Junjin. O cara que aos 35 bota muito novinho no chinelo?! O MV de baixo orçamento é tão 2007/2008 que não tem como não curtir e a música é grudenta.

    1. Tava vendo os comentários do evento de lançamento do THE RED e o porta-voz da SM mercenaríssimo já confirmou que um álbum THE VELVET será lançado no futuro também HAHAHAHA

      Provavelmente deve estar esperando Yeri se afastar um pouco mais do espectro da pedofilia pra poderem explorar o sexy concept com menos vergonha na cara ❤

  11. ❤ Wonder Girls dominando a mixtape ❤
    Fiquei me tremendo todo quando ouvi Sayonara, é a melhor música da Ayu em tempos.
    E ouça o álbum do Primary o quanto antes, tem muita coisa boa ali.

  12. Muito obrigado @Deus por essa musica do Kondo.poc.Yohdi e por essa mixtape ❤
    30th Century Boy consegue ser uma das melhores musiquinhas da harajuku que eu ja escutei, a melhor parte é a que não tava no PV em que ele toscamente diz Rio de Janeiro e São Pauro. seguido dos sintetizadores loucamente descontrolados !!! PLEASE COME TO BRAZIL!!!

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s