TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2011 (PARTE 1: 70° – 56°)

Chegou a hora, galera. Em nossa infindável jornada rumo ao passado do pop asiático, chegamos ao melhor. ano. dessa. década, 2011. O ano em que todos os atos populares e estabelecidos na Coreia hoje estavam on top of their games, entregando clássico após clássico. Parecia que toda semana saía uma música excelente (comparem com esse começo de 2016), e a verdade é que isso não era apenas impressão, mas sim a mais pura realidade. Infelizmente pro pessoal mais centrado em j-pop, a lista de 2011 está mais escassa em coisas nipônicas, mas vamos lá, relevem. 2011 foi o ano em que o k-pop atingiu seu ápice, então é claro que a lista estará lotada de seonbaenim saranghae juseyo, né? Agora chega de preliminares e vamos logo eliminar suas favoritas da lista. /o/

70° AFTER SCHOOL – LET’S STEP UP

Caralho, que intro boa. E uma que completamente encapsula After School e a incessante busca do grupo por novos conceitos desafiadores pra dominar. É o marchinha escolar concept, o pau de puta concept e, claro, o sapateado concept dessa intro aqui, que se faz presente não apenas no clipe como também na faixa, que começa apenas com o estalar dos sapatos e evolui para o farofão característico delas. É deprimente ver como um grupo que ia muito mais fundo do que o necessário pros seus trabalhos simplesmente desapareceu de vista sem maiores explicações. Volta, After School.

69° G.NA – BANANA

Como vocês sabem, a posição 69 dos tops anuais sempre é dedicada a algum sexy concept apelão de GaIn, então vocês ao verem que o nome da faixa de G.NA é “BANANA” já devem ter tido várias ideias podres sobre a temática da faixa… SÓ QUE VOCÊS ESTÃO REDONDAMENTE ENGANADOS, e pensaram igualzinho aos censores coreanos que vetaram a divulgação do clipe de Banana por presumirem que a música teria uma letra sexual só por G.NA ser gostosa e estar mencionando uma fruta fálica. Mas a verdade é que a música descreve como G.NA está enlouquecendo (ou “going bananas”, como dizem em inglês), tudo por cima da fórmula J.Lo/Christina Milian de pop do começo dos anos 2000. Toda essa confusão é tão ridícula e desnecessária (o clipe oficial nunca saiu, mesmo após toda a situação ser “explicada”) que BANANA ganha a posição 69 mesmo assim. E nem vou comentar o “lipstick chicken butter roll”, né? Volta, G.NA.

68° KARA – JET COASTER LOVE

Eu nunca liguei muito pra Jet Coaster Love (prefiro Electric Boy e Speed Up dos trabalhos japoneses delas), mas criei um novo apreço pela faixa depois da morte de KARA, quando fui ouvi-la de novo pra compilar meu top10 póstumo pro grupo. Vê-las todas felizes pulando de um lado pro outro pra coreografia bonitinha, ver Hara feliz quando elas falam “hara hara” em japonês, ver o penteado icônico de Seungyeon emulando a promotora do caso O.J. Simpson na capa do single… sei lá, tudo finalmente clicou pra mim e eu finalmente vi em Jet Coaster Love o que muitos de vocês sempre viram. Logo, taí a indicação. Volta, KARA.

67° AFTER SCHOOL BLUE – WONDER BOY

Muitas pessoas não sabem ou simplesmente não lembram, mas em 2011 a Pledis deu bem uns trinta comebacks pra After School (comparem com os últimos 3 anos). Teve full album, teve Orange Caramel, teve solo da Kahi… e teve também After School RED/BLUE, em que as (então) oito foram divididas em dois quartetos, um sexy (RED) e um aegyo (BLUE). Boa parte do dinheiro pra MV acabou indo pra After School RED, então tentem relevar o MV tremendamente pobre que a faixa do AS BLUE recebeu e se foquem no fato de Wonder Boy ser um dos melhores aegyo de todos os tempos no k-pop, com as texturas evocativas do pop do fim dos anos 70 deixando o resultado final muito mais aceitável do que as bobagens aegyo desovadas pelos Apink da vida. Volta (de novo), After School.

66°  MATSUSHITA YUYA – SECRET LOVE (ft. BRIGHT, SHUN)

Pra vocês não dizerem que eu não ouço as sugestões de vocês, essa aqui vem direto dos comentários do meu post de esquenta (provando que ele de fato tem uma função além dos pageviews gratuitos pra mim). E sério, que farofa boa. Eu honestamente ainda não sei quem porra esse cara é, vi online que ele é conhecido basicamente por ter feito o mano de Black Butler em algum musical aí, mas isso não faz diferença alguma pra mim. O que eu sei é que Secret Love é a faixa que Justin Timberlake deveria ter lançado quando fez seu comeback chatíssimo em 2013, porque tudo sobre a faixa grita JT. E ainda assim ela é só a b-side de um single meia boca que vendeu apenas 7 mil cópias. É a vida.

65°AYUMI HAMASAKI – BRILLANTE

Ninguém consegue bater Ayu quando o assunto é lançar PVs com um nível altíssimo de humor involuntário, então ninguém vai culpar você se a balada completamente ousada, complexa e única que é BRILLANTE passar voando pela sua cabeça. Porque quem vai prestar atenção na mistura de canto gregoriano com violões, flautas (e em certos momentos uma orquestra completa) quando se tem um colosso dessa magnitude de acompanhamento visual, né? E não, eu não estou falando dos homens descamisados, mas sim das caras e bocas de Ayu sendo ridícula fazendo apropriação cultural concept vestida de Cleópatra enquanto sua amiga drag grita na orelha dela e depois joga a gata pra ser gang banged por trinta boxeadores. As cenas de Ayu com sua amigx não binárix possuem um over acting absurdo, e isso sozinho já colocaria BRILLANTE na lista… mas a faixa por si só também merece amor, porque é provavelmente a última balada realmente marcante que Ayu lançou. Volta, Ayu decente.

64° 2NE1 – LONELY

Eu pessoalmente não sou grande fã das baladas de 2NE1 (It Hurts é chata, Missing You não vai a lugar algum), mas eu admito que 2NE1 é muito bom em algo tremendamente importante nesse front, então Lonely entra nessa lista principalmente por motivos didáticos e pra abrir os olhos dos YG stans pra ver o que é uma balada cantada com alma. Você consegue totalmente se identificar com o que a vesga e as outras estão sentindo, porque de fato existe alguma emoção sendo projetada por elas. Agora compare isso com as últimas 666 baladas que a YG lançou e ranjam os dentes. 2NE1 nunca foi um grupo particularmente hábil vocalmente, e talvez até por isso que coisas feito Lonely e Baby I Miss You funcionem: elas sabem se ater à melodia e, ao invés de arrasar nos gritos e melismas que elas não produzem direito, compensam isso passando emoção. Volta, 2NE1.

63° NINE MUSES – FIGARO

É tão estranho ver Nine Muses sem Kyungri no line-up, quase não parece Nine Muses… e quase deixou de ser, já que a Star Empire em toda a sua sabedoria quase mudou o nome do grupo para SWEET CANDY, após a desistência de três gatas deixarem NOVE Musas com apenas SEIS (inclusa entre as três estava Euaerin rainha, que depois iconicamente voltou, fazendo a SunMi antes da própria SunMi). Vejam que hoje em dia as mudanças de line-up de Nine Muses são tão constantes que a Star Empire já completamente desistiu de dar coerência ao nome, contentando-se em lançar faixa boa atrás de faixa boa pro grupo. E entre essas faixas, está a primeira colaboração delas com Sweetune, Figaro. Ignorem o clipe bosta e tentem apreciar somente a faixa. Funciona melhor.

62° KODA KUMI – POP DIVA

Até hoje eu não tenho a menor ideia do que Koda quis passar exatamente com esse clipe. Ela está na Matrix? Visitando suas ancestrais biscates através de seu DNA dentro da Animus? Menor ideia. O que eu sei é que mesmo com o autotune exagerado em trechos consideráveis da faixa, Pop Diva é um crub banger fodido, e um com um engrish tão indecifrável que deve ter feito a própria Namie Amuro corar e respirar aliviada, porque “FRY” nenhum se compara ao que a língua inglesa sofreu nessa faixa aqui. E isso obviamente só deixa POP DIVA ainda melhor, então quem dá uma foda, né?

61° DAL★SHABET – BLING BLING

Dal★Shabet tem um catálogo tão longo, e ainda assim são tão poucas as faixas delas que funcionam comigo… a lista se resume a B.B.B, Someone Like U e a essa trasheira aqui, que evidentemente foi influenciada pelo sucesso avassalador do disco concept de T-ARA em Roly Poly. E taí uma tendência que eu posso apoiar: clones de Roly Poly (muito melhor que clones de Some, digam aew). Bling Bling ainda ganha bonus points por Léo Aquila ainda parecer humana, pela futura atriz pornô ainda estar no line-up e pelo cenário absolutamente aterrador que esse clipe tem. Eu honestamente não tenho a menor ideia do que eles queriam passar com essa porra de coroa, então se alguém tiver sugestões, comentem aí, flwvlw.

60° MBLAQ – MONALISA

MBLAQ é o tipo de boyband genérica que eu simplesmente não consigo gostar, mas eu consigo apreciar faixas desse tipo de grupo mesmo assim quando elas prestam, e esse é o caso de Monalisa. Essa aqui é uma das pouquíssimas faixas do k-pop que já soa como a forró version que o Asa de Águia ou o Calcinha Preta plagiariam regravariam na surdina sem pagar direitos autorais, e taí algo que vale muito a pena ver. De bônus, a letra extremamente complexa com os “everybody on the left, everybody on the right, everybo-bo-body in the house, say lalalalalalalalala” em conjunto com as caras e bocas artificiais e a coreografia do agarra-pinto aumentam o humor involuntário. Vale a ouvida.

59°  NAMIE AMURO – SIT!STAY!WAIT!DOWN!

Namie teve um ano bastante ocupado em 2011. Teve triple a-side, teve coletânea de colaborações, e também teve o double a-side SIT! STAY! WAIT! DOWN! / Love Story. E enquanto Love Story se tornaria uma das músicas mais populares de Namie nesta década no Japão, a estrela do single é evidentemente a “música do cachorro”, como ficou conhecida. A capa icônica com Namie fingindo ter 14 anos de idade abraçando o cachorro não te deixa saber que a letra na verdade fala sobre Namie adestrar seu macho desobediente, tudo por cima de uma estrutura ousada (mas que não deixa de fazer sentido, feito algumas empreitadas capopeiras). Infelizmente não rolou um PV pra SENTA FICA ESPERA DEITA, então contentem-se com o live aí de cima. =///

58° KAN MI YOUN – PAPARAZZI

Em 2011 minha imersão no mundo capopeiro estava a mil, e eu me via forçado a assistir absolutamente todo vídeo de k-pop que aparecia nos relacionados do youtube, na busca da próxima faixa que iria acabar com o pop americano da vez. Em meio a essas andanças, eu dei de cara com essa Paparazzi, e eu imediatamente curti os sintetizadores marcantes do instrumental e o engrish nos “I’mma gonna watchi”. Claro que eu não fazia a menor ideia de quem era essa mulher na época, e sendo honesto, eu AINDA não sei quem porra ela é. Mas faz alguma diferença pra qualidade de Paparazzi? Nenhuma.

57° T-ARA – ROLY POLY IN COPACABANA

T-ARA’s impact: Roly Poly foi um sucesso tão grande para o grupo que elas tiveram a ousadia de lançar um repackage do mini álbum que continha a música sem absolutamente nenhum material original, adicionando apenas o remix ROLY POLY IN COPACABANA. O resultado? Venderam mais trinta mil cópias físicas, mais algumas centenas de milhares de cópias digitais e atingiram quase 30 milhões de visualizações no youtube. Pra porra de um remix. Roly Poly In Copacabana é claramente o remix mais icônico da história do k-pop, e mesmo não superando a faixa original, a versão Copacabana ainda é boa o suficiente pra entrar na lista por si mesma. Roly Poly é bom assim.

56° SUNNY HILL – PRAY

A cada eclipse solar, a Coreia acerta a mão numa balada. E das pouquíssimas baladas que prestam no k-pop, poucas são tão memoráveis quanto Pray. Nenhuma surpresa, vindo de um grupo que sempre apostou no pouco convencional pra se destacar no k-pop (uma pena que o grupo foi pra merda). Fugindo da temática do “oppa que foi embora” e tratando de temas religiosos, Pray ganha ainda mais impacto pareada com o clipe incrível e vagamente inspirado em Joseph Merrick. Claro que isso foi demais pra censura coreana lidar e eles logo enterraram o clipe, mas diferentemente da BANANA de G.NA, Pray pelo menos ainda se encontra em toda a sua glória no youtube.

STREAMING / DOWNLOAD

E é isso dessa primeira parte. Discordam de alguma coisa? Surpresos com alguma coisa? Comentem aí embaixo e especulem quem vai aparecer na próxima parte. FLWVLW.

PS.: Eu obviamente já estou ciente dos lançamentos dos últimos dias, não é necessário colar o link de Mirror aí embaixo pela enésima vez. Por sinal, quem fizer isso verá o disband do bias em até 7 dias (sim, estou amaldiçoando vocês ). Att. eu.

Anúncios

95 comentários em “TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2011 (PARTE 1: 70° – 56°)

  1. Vim aqui a procura de comentários icônicos e não encontrei nada ainda :/ Acho que cheguei mto cedo…

    Sobre 2011 não tenho muito a opinar, pois não era kpopper nesta época, mas gosto da maioria das músicas desta lista (mesmo não tendo visto nenhuma delas sendo lançadas).

    Agora mudando de assunto legal:
    BRUNOO ouvi falar que o lead single das Red Deusvet vai ser uma “R&B ballad”, será que dá para confiar na SM dessa vez ou vai vir uma música tipo Some com Wendy dando uma de Taeyeon em todos os lead singles de SNSD?

    O concept ta legal e o clipe com certeza vai ser ****aesthetic**** mas acho que minhas expectativas estão muito altas para uma ballad… É que o lado velvet >>>>>> lado red não é mesmo?

  2. Que ousadia colocar BRILLANTE tão baixo assim… pra mim foi, de longe, o melhor clipe de 2011… maravilhoso e a faixa idem ❤
    POP DIVA acho tão superestimada.. mas realmente, pra dançar é excelente.. mal sabe Koda q ela foi a culpada por começar o flop tão amado q ela sofre até hoje >>>>>>>>>>>>>>>>> single*

  3. Nem eu como fã de Dal Shabet esperava Bling Bling nesse top, os 12 fãs do grupo no Brasil acham esse o pior single delas (E ironicamente é o único Top 10 no Gaon hahaha)

    Kan Mi Youn fez parte do Baby V.O.X, que foi parte da trindade old school dos girlgroups de K-pop junto com S.E.S e Fin K.L, só que só flopou na carreira solo. Basicamente uma Lee Hyori que nunca vingou -q

    1. Nem sou fã, mas também não entendi. Bling Bling é horrível! Supa Dupa Dipa é a melhor músicas delas pré-B.B.B. E acho que já tá na hora do Bruno trabalhar num gráfico de integrantes pra Dal Shabet: das 6 originais só sobraram 3.

      1. A melhor pré-B.B.B pra mim é Be Ambitious, que sempre fico com a impressão de ouvir elas cantando “Boys be ambichas” (O mini de Be Ambitious é o melhor delas também, é o mini de verão que o SISTAR sempre quis e nunca conseguiu)

    2. a terceira música boa de dal shabet (pq as duas primeiras obviamente são bbb e someone like u) não é nenhuma das citadas e sim a iconica HAVE/HAVE NOT

    1. Não entendo como que Fiestar ainda não é grande… Lança música melhor que 90% dos GGs e continua flopando. Nem Yezi rainha salva a delícia, infelizmente. Loen tbm não ajuda né

      1. Pq grupos como Fiestar (fora da SM/YG) precisam de algo mais para se dar bem (evidência no entretenimento ou drama coreano), algo que elas só conseguiram agora com a Cao Lu. Isso é capope…
        :p

  4. Wonder Boy me lembrou que era tão surtada por k-pop na época que cheguei a stalkear os trainees da Pledis, acompanhei todas as apresentações de AS Blue e aguardei ansiosamente o debut deles até virar Nu’est. E foi uma tristeza para mim que S.Coups foi cortado, mas pelo menos taí hoje no Seventeen. Pledis sempre bagunça

  5. Essa música/clipe do Sunny Hill é maravilhosa T.T, não conhecia (era um grupo misto? a capa me confundiu)

    Ri muito com o clipe da Koda kkkkkk, parece que as partes de efeitos especiais tiveram os frames acelerados.

    Roly Poly in Copacabana foi meu primeiro contato com T-ara, e não gostei pq achava o clipe muito mórobido kkkkk, só fui dar atenção ao grupo lá em Day by Day

    Monalisa primeiro música de boyband que viciei, e só gosto dessa deles também =x

    1. sunny hill era misto sim, era um quarteto de mulheres + um cara que produzia as músicas delas. Daí o cara foi pro exército e nunca voltou, mas o quarteto continuou junto (só que a qualidade das faixas desabou dramaticamente)

  6. Comentando isso enquanto assisto o final bosta da novela das nove por motivos de não ter nada pra fazer.
    Kkkkkkkkkkkkkkk caralho que medonho esse mv de Roly Poly in Copacabana! sisjsjsksskskskdkxkdkajsnsnkk Mais medonho que o mini semi inútil que vendeu mais que a discografia toda de algum ato nugu por aí.
    E adorei a musiquinha da Namie fazendo a Kelly Key. ❤

  7. AI QUE HORROR ESSA PARTE,a unica musica decente dessa primera parte é roly poly in copacabana underratedissima que devia estar no top20 a maioria sao musicas chatas ou pessoas que nem conheço. espero ver the boys e mr.simple no minimo no top 10 vlws,flws.

  8. Como assim G.NA em 69 e NENHUMA MENÇÃO ao escândalo de prostituição que ela tá envolvida!???

    E não vai ter post do comeback de Fiestar, não? Logo agora que Yezi e Cao Lu são famosas?

      1. Acredito que seja receio que você deixe passar como o comeback da jessi ano passado (pelo menos no meu caso) é automático, cada lançamento que tem, fico recarregando o blog na esperança de post, você ganhou um seguidor assíduo cara! (ou talvez os lançamentos sejam apenas básicos mesmo é você não queira comentar)

        1. uma review de álbum demora bem umas 4-5horas pra fazer, enquanto uma review de clipe me leva uns 30min só. E considerando que esses dois álbuns não foram nada demais, nem tem por que eu gastar meu tempo falando deles…

  9. Estou surpresa com tudo ! Essa primeira parte é ótima,e se continuar nesse ritmo(oque não é dificil pra 2011) essa vai ser a lista face de todos os outros tops do blog.

    Porque Roly Poly in Copacabana ? achava que elas tinham filmado no RJ -qq

  10. Sempre que eu via essa capa de AS blue nos K2N da vida,já associava a uma musica estilo IU,Taeyeon e não um aegyo que Lovelyz pegaria pra fazer comeback.

    Tirando isto e o KARApão que só funcionou msm com Electric Boy, o top ta ótimo,voltar para o tempo neolitico do k-pop é uma maravilha.

    ~off~Pena que Madonna,Breathe e Nu ABO são de 2010…

  11. Gostei de quase todas as músicas dessa primeira parte, só não gostei msm das músicas do Afterschool Blue e do Dalshabet. Até a balada da Ayu eu curti (muito por causa da drag ma-ra-vi-lho-sa se esgoelando no clipe inteiro, claro ❤ ).
    Minhas preferidas foram Lonely, Roly Poly In Copacabana, Pray (que MV lindooooo), Figaro e Banana (esse título ridículo haha).
    Ah, e tbm gostei dessa Monalisa do finado MBLAQ. Até então eu só conhecia aquela Oh Yeah terrível deles, uma das primeiras músicas de K-Pop que escutei e que quase me fez desistir do pop coreano… *—*

  12. Estou surpreso com Sunny Hill, não conhecia essa música e MV. Também me surpreendeu muito a inspiração deles, eu nunca tinha ouvido falar desse cara. Dá pra entender pq a koreia censurou 6_6 TAMBÉM ME SURPREENDEU WONDER BOY AQUI, essa música tem um refrao chiclete demais num guento

  13. O single de Sit!Stay!Wait!Down! só tem músicas maravilhosas. Fico feliz em ter conhecido o K-pop em 2011, se eu tivesse conhecido hoje provavelmente jamais viraria fã :p
    Também não gosto do MBLAQ mas Monalisa é boa demais! Amo Brillante e acho que merecia uma posição mais alta. Espero ver Super Junior, SNSD, Shinee e + Namie e Koda nos próximos tops.

  14. Só lembrança boa de 2011. 2NE1 no auge de sua carreira (as canções lançadas em 2011 foram as responsáveis por eu gostar delas), Namie diva e esse clipe maravilhoso (toscovilhoso?) da T-ara.
    Monalisa… caramba! Nem me lembrava dessa. Faz tempo que não ouço falar do Mblaq… desde a saída do bonitão, claro! Hahahaha… esse é o tipo de grupo que todo capopeiro internacional conhece, mas são nugus na Coréia… Tão bomba relógio que o bonitão pulou fora antes que piorasse …

    1. Ser de empresa nugu e mal administrada da nisso, ne? O grupo prometia pq seria apadrinhado por Rain, mas depois que ele se mandou o grupo ficou abandonado. Nada de novo no kpop.

  15. Engraçado vc falar das baladas do 2NE1 .. fui olhar quais músicas delas tinha maior número de reproduções no meu iTunes e eis q as 3 primeiras são baladas!
    1 – 아파 (It hurts)
    2 – 살아 봤으면 해 If I Were You
    3 – Lonely

    hahahaha amooo muito essas 3 músicas! ❤

    1. Em It hurts qdo começa os “you´re not mine anymore” eu já tô chorando.
      Elas tem um delivery muito bom pra baladas mesmo!
      *mesmo vc achando it hurts chata.. a construção do final é muito bonita,vai?!..nunca te emocionou?! Ouça novamente! ❤
      Hehe

  16. Meu Deus que derrocada o kpop sofreu só essa parte 1 já tem músicas melhores que os últimos pseudos hits desses anos..

    Acho que vou dar uma chance e ouvir finalmente Ayumi depois desse pv e intro icônicas….

    Bruno que história é essa de pôr lonely aqui sendo que se me recordo quando vc fez o top melhores músicas do 2ne1 você malhou a música? Kkkkkkkk
    Cadê seu manual quero lhe entender.

    1. eu não malhei a música, eu disse que ela tentava ser R&B 90s e falhava, mas isso não significa que ela seja ruim. Além disso, como eu disse na própria descrição de Lonely ali em cima, ela está no top principalmente por motivos didáticos, porque eu não podia perder a oportunidade de debochar das baladas de merda que a YG tem lançado ultimamente. @_@

  17. O MV de Figaro é meio bostinha mas em compensação tem o maravilhoso ❤ dance practice ❤ com elas sincronizadíssimas e em cima do salto, melhor coisa

  18. nunca comento aqui mas me senti na obrigação de promover um círculo de reza pela carreira solo do yuya ((porque prefiro flop bom do que flop tosqueira em boyband genérica))

  19. Tiraram várias trainees boas do Produce 101 e deixaram umas 10 porconas que nem tem screen time. Esse programa é uma comédia @_@.

    E a JellyFish vai ser muito burra se não formar logo o próprio trio com as 3 no top 5. MBK idem, já que as três de lá tão bem na fita também @_@.

    Deus queira que as agências não queiram que suas trainees debutem e formem o APOCALIPSE DOS DEBUTS DAS GIRLBANDS.

    1. Eles tão com outras trainees pra debutar também no que parece que seria um grupo mais vocal, e aparentemente tão esperando a resposta do público à participação de Mina pra decidir se ela entra ou não (convenhamos se for um grupo mais vocal ela seria meio inútil).

  20. O sapateado do After School é incrível, pena que o praticamente o grupo acabou, lembro dos eventos de anime( na época que era bom) e as meninas na pista de dança sempre falavam delas.
    O que mais foi essa da Namie Amuro, fiz resistência em não ouvir as músicas dela, mas de tanto falar dela to gostando de umas músicas dela, mesmo ela falando uns inglês errado ❤ e esse grupo MBLAQ, cara aposto se mostrar pra alguém vão pensar que o calcinha preta mesmo kkkkkkkkkkkkkk esperando a outra parte😘😘😘😘

  21. Fugi da minha pesquisa sobre attenuation coefficient pra vir dar uma bizoia no AM e me deparo com essa delícia de post! A outra farofa da Kan MiYoun, Won’t Meet You (que é boa, mas é inferior a paparazzi) nem deve entrar na lista né… Bruno, se der arruma um espacinho pra ela na próxima parte porfa ❤
    E aguardando pacientemente Roly Poly em #1 e Sixth Sense em #2 (pode ser ao contrário tbm, não me importo). [fanchant] T-ARA GO!!!!!!!!!!!!! [/fanchant] (E nem ouse derrubar essas joias preciosas de posição só pq elas tão com o texto pronto, ok? vlwflw)
    Também aguardando (não tão pacientemente) o post do Fiestar 😛

  22. ACHEI QUE SÓ EU CONHECIA PAPARAZZI AJSHDKAHSKDJHASKDHAKSJHDKJAHSD
    Estou muito feliz em ver Sunny Hill na lista… Sinto falta deles como grupo misto.

  23. Muito feliz de encontrar monalisa aqui. De fato, o MV tem todo um humor involuntário, mas eu continuo adorando lavar a louça ouvindo a musica kkkk
    Agora fico na expectativa pra encontrar Neverland, Dr Feel Good, Mister Simple 🙂

  24. roly poly in copacabana merecia mais só pela iconica plot do clipe, onde elas decidem dançar pela escola, vão ficando cada vez mais preguiçosíssimas com a coreografia ao passar do clipe e daí no final DESISTEM e enfiam cenas de roly poly original e fim ❤ muito meta

  25. Como Mr. Simple é um dos meus singles menos favorito deve aparecer no seu top.
    Me abraça que eu também odeio oversinging.
    Sunny hill é tão interessante, existe um clipe delas em que o cara também canta, mas é bem antigo. Midnight Circus também é muito boa.
    E espero cleasing cream e sixth sense.

  26. Tava esperando esse top100 que vai ser o meu Lollapalooza esse ano.

    Engraçado como essa música da G.NA me remete “Genie in a Bottle” fortemente o que mostra que a música foi bem executada mesmo pra isso. Engraçado também é esse clipe iconico da Ayu, eu consigo achar ele poético e besta por conta dos caras treinando numa cadimia hahaha o que a Koda nao conseguiu com Pop Diva coitada, o clipe é uma bagunça…

    MBLAQ Monalisa me da uma nostalgia da época que a MTV começou o programa Top Mundi, fui iludido e acabei tomando no cu porque só essa faixa prestava da banda. E ai tamém nasceu meu crush pelo Thunder… até descobrir Hands Up do 2PM.

    ❤ Namie ❤ T-ara (queens nem se esforçando pro MV) ❤

  27. Nunca tinha escutado BANANA…Porém, tive uma NOSTALGIA LOUCA E INSTANTÂNEA quando ouvi essa musica da G.NA… mas até então minha ficha não tinha caído. Eis que… @_@ é uma copia descarada de “Te Amo” da Rihanna @_@ mas gente????????????

  28. A descrição pra música e clipe da Ayumi Hamasaki não podia ter sido mais certeira! A música é muito bonita, e por mais estranho que pareça o clipe ridículo com a Ayu fazendo caras e bocas de atriz de telenovela mexicana deixam a bagaça ainda mais marcante, em vez de comprometer.

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s