MIXTAPE – MARÇO ’16

E eis que o mês mais bosta pro pop asiático em tempos finalmente acabou, para que todos possamos respirar aliviados e esperar por coisas melhores de abril, como por exemplo o novo álbum de Perfume, o comeback do TWICE e, claro, o retorno das cinzas de UTADEUS HIKARU, para salvar a todos nós, pecadores. Mas antes disso, vamos dar uma olhada no que (meio que) se salvou nesse mês de março. Chequem aew!

01. PRODUCE 101 – PICK ME: Isso aqui saiu na última semana de 2015 e não agora em março, mas como esse mês foi uma bosta e PRODUCE 101 tomou proporções gigantescas só agora, aí vai a vaga de PICK ME. Sim, essa faixa é uma bosta. Sim, isso é insuportável. MAS FODA-SE. Essa merda colou no meu cérebro e agora me pego cantarolando “ping me ping me ping me up” sozinho no chuveiro, no metrô, entre aulas e provavelmente até dormindo. Eu admito a derrota e aceito PICK ME como minha nova overlord.

02. MAKE SOME NOISE (PRODUCE 101) – 24 HOURS: Já essa trot ver. de PICK ME me soou ótima desde a primeira ouvida, e nem digo isso pela estelar participação da ❤ velha ❤ no grupo fictício, 24HOURS tem um clima de italo disco/eurotrash que faz dela quase uma faixa de Orange Caramel, só faltou o clipe bizarro pra ornar.

03. PERFUME – FLASH: Depois da apática STAR TRAINWRECK, ouvir FLASH foi uma lufada de ar fresco, renovando minhas esperanças pro novo álbum de Perfume. Claro que eu ficaria mais feliz vendo Disprei marcando presença na tracklist, mas FLASH desceu tão redondo como farofinha fofinha e motivacional que não há do que se reclamar. Com sorte o album mix melhora ainda mais as coisas, ao invés de cagar em cima.

04. JEONHYOSUNG – FIND ME: Hyosung finalmente voltou à boa forma depois daquele cover de Spice Girls que ela lançou ano passado. E eu não digo “boa forma” apenas figurativamente, mas literalmente também, porque ela tá mais gostosa do que no último comeback e com uma música muito melhor também. Bem vinda de volta. ❤

05. DAICHI MIURA – CRY & FIGHT: Eu não poderia cagar mais pra Daichi Miura e pra todos os solistas japoneses, mas eu consigo admitir quando ouço alguma coisa legal. E CRY&FIGHT é com certeza uma dessas coisas. Quem quer que tenha assinado isso aqui conseguiu pegar todas aquelas tendências americanas atuais pro pop e as embalou num pacote que de fato funciona como música ao invés de soar como uma bobagem trendy por ser trendy.

06. HYOMIN – SKETCH: Assim como Hyosung, Hyomin conseguiu melhorar seu histórico de singles após aquela bobagem de Nice Bárei, apostando na modinha do PBR&B com certo êxito. Talvez se todo mundo não estivesse apostando nisso hoje em dia eu até gostasse mais dessa aqui, mas do jeito que as coisas estão Sketch foi só legalzinha e ponto.

07. MAISON BOOK GIRL – lost AGE: maison book girl continua a ser o melhor bootleg de Perfume no mercado nipônico, e essa lost AGE é a prova disso. É basicamente uma variação de Guardia’s Millennial Fair com umas minas cantando por cima. Nada de errado com isso, e é uma evolução natural daquele primeiro LP delas sobre usar o banheiro ou sei lá o quê.

08. KATO MILIYAH – WANNA BE: Como esse mês estava árido de lançamentos, eu liberei uma tarde pra ouvir as DEZESSETE FAIXAS do novo LP de Kato Miriam, e pior que eu até curti umas coisas aqui e ali (nada supera o cover de Daft Punk que ela lançou em janeiro, entretanto). Essa WANNA BE é um dos destaques, sendo quase um single da Sia, só que sem uma bêbada loucaça cantando a faixa (o que tira pontos do resultado final, claro).

09. NEWS – ANTHEM: NEWS nunca chegará perto de KAGUYA novamente, mas acho que consigo me contentar com esse pseudo tema de anime que de HINO só tem o nome mesmo, mas que sanduichado entre outras faixas até que desce redondo. Melhorem pro próximo release e voltem mais ~fabulosos~, att. Asian Mixtape.

10. CRYSTAL KAY – WAITING FOR YOU: Eu adoro Crystal Slay, mas esse single novo dela foi tão esquecível que nem num mês bosta desses eu consegui enfiar SAKURA aqui. Mas até que tive forças para adicionar essa b-side bonitinha e motivacional no balaio. Melhoras pra você, Crystal.

11. KATO MILIYAH – MEGAMI NO HIKARI: Sim, uma SEGUNDA FAIXA DE MIRIAM NA LISTA, a periclitância de março. é. real. Tá foda, viu. Mas olha, essa aqui na verdade é genuinamente legal e Miriam deveria ter usado de single ao invés de algumas das bombas que ela desovou por 2015, tipo aquela faixa sobre batom.

12. PINKRUSH (PRODUCE 101) – FINGERTIPS: SIM, MAIS PRODUCE 101. Mas o que eu posso fazer se o conceito do programa de lançar cinco faixas de conceitos diferentes foi muito bom, entregando sabores para diferentes paladares??? De todas as faixas, Fingertips é provavelmente a mais fraca e com mais cara de b-side, mas acabou fazendo o requisito ainda assim pela completa escassez desse mês.

13. OH MY GIRL – ONE STEP TWO STEP: O lead single de OH MY GIRL não foi tão incrível quanto os últimos entregues pelo grupo, mas o pré-release definitivamente compensou, sendo um aegyo tolerável aleatoriamente escrito por um mano do B1A4 (cuidado, Brave Brothers). E falando nesse mano do B1A4…

14. GIRLS ON TOP (PRODUCE 101) – IN THE SAME PLACE: AINDA OUTRA FAIXA DE PRODUCE 101, e dessa vez escrita pelo mesmo mano do B1A4 daí de cima. G-FRIEND e outros grupos aegyo devem estar amarguíssimas por não terem conseguido isso aqui pros seus catálogos, porque é um aegyo bonitinho sem passar dos limites. Eu viveria sem a gritaria da mina da Starship no final da faixa, porque ela quebrou a melodia nessa faixa em particular.

15. HYOMIN – GOLD: Hyomin acertou em cheio na sua escolha de b-side pros double stages de Sketch, porque essa GOLD aqui é bem inspiracional e mostra o alcance vocal dela de maneira que nada que ela fez até aqui realmente conseguiu mostrar (e isso sem ser um show de gritos sem controle). Merecia um MV.

16. FIESTAR – MIRROR: Noticiar uma midtempo sensual em pleno 2016 faz com que eu me sinta no Além da Imaginação, tamanha a reviravolta do k-pop de 2014 pra cá (tudo hoje em dia é aegyo chave-de-cadeia, os shortinhos e closes ginecológicos voltaram a ser exclusivos do funk carioca). Mas Mirror é um bom exemplo dessa tendência morta, apesar que eu seria mais feliz com algum tipo de clímax ao final da faixa. Oh, well.

17. DAY6 – BLOOD: Em mais uma prova de que ninguém na JYP sabe o que fazer com DAY6, assim como rolou no primeiro mini do pseudo Maroon5 coreano, o single do DAYDREAM é provavelmente a faixa mais fraca em todo o lançamento. Caso BLOOD tivesse recebido as honrarias de single, talvez as pessoas passassem a notá-los mais.

18. FIESTAR – MR BLACK: O mini de FIESTAR estava surpreendentemente bom, e de todas as b-sides presentes nele, essa aqui é talvez a melhor. Lembra bastante o INNOCENT do Rainbow, e aquele foi um dos melhores EPs de 2015 pra mim, então ponto pro FIESTAR.

19. DAY6 – SING ME: Ainda outra b-side melhor do que o lead single LETTING GO, Sing Me é happy rock bem feitinho e bonitinho, e um que não se acanha, tendo algum tipo de pulso e não tendo medo de apostar num BPM mais alto. Quem sabe no terceiro EP eles escolhem o single direito?

20. SAORIIIII – CHAPLIN.ORCHESTRA (CUBE JUICE MIX): Presenciem meu desespero esse mês, apostando no CUBE JUICE MIX de um single que só tem DUAS MIL VIEWS no youtube. Afinal, quem conhece essa Saoriiiiiiiii, né? Mas isso aqui até que é bonitinho, principalmente no remix.

21. HUALYEOGANGSAN (PRODUCE 101) – DON’T MATTER: YOUYOUYOUYOU GEURIGO MEMEMEMEMEME URINEUN WEWEWEWE CAN’T BE FRIEND THAT’S THE END OF STORY. Sério, o refrão de engrish disso aqui é muito grudento, mas como essa modinha de girlband fodona está morta e enterrada, claro que praticamente todas as envolvidas foram eliminadíssimas logo após a apresentação.

22. JY – RADIO: ESSE LIXO. ❤ Sério, isso aqui é muito ruim. Claro que só coloquei RADIO na lista pra encher linguiça e também pra postar esse clipe de baixíssimo orçamento que parece assinado pelo time da Rebecca Black novamente. Never forget essa peruca ridícula e o vocal terrível.

23. GAIA – LOVE PLEASE: Fazia tempo que algum thai pop não batia cartão aqui no blog (culpo o falecimento de Candy Mafia e o desaparecimento de Gypsy Baitoey), mas GAIA compensa com essa farofa legalzinha e principalmente tendo um cover de Maya Rudolph no line-up. :v

24. MACAROON HONEY DDUK (PRODUCE 101) – YUM YUM: A sexta faixa de PRODUCE 101 na mixtape desse mês, YUM YUM é puro lado red, do delivery dos vocais ao instrumental e figurino do live. Mas nem a presença de Somi e da coisinha da Fantagio foram suficientes pra vencer o poder do aegyo, como todos vocês bem sabem (e pior que In The Same Place é melhor mesmo).

25. HONG JIN YOUNG – THUMB UP: Pra fechar, vamos de trot com a gostosa HONG JIN YOUNG, pra mostrar a decadência do k-pop, sendo vencido por uma artista de um gênero natimorto e que soa como versão karaokê do leão de músicas de MPB. Melhore, capope.

STREAMING / DOWNLOAD

Enfim, hora de virar a página e deixar março pra trás. E praqueles que estão se preocupando com a ausência de Chupacabra do Suiyoubi no Campanella, saibam que ela ainda não saiu, relaxem. Já Matilda, Boys Republic, o solo da Amber e aquele projeto de pedante DΞΔN poderiam até ter entrado, mas preferi enfiar mais Produce 101 PORQUE SIM. Quanto a Red Velvet, eu poderia até ter colocado alguma das b-sides menos sonolentas de THE VELVET só pela cota de grupo A-LIST, mas preferi deixá-las de fora como um statement contra o moroso lado velvet. E é isso, flwvlw. Se eu esqueci mais alguma coisa, comentem aew. @_@

Anúncios

89 comentários em “MIXTAPE – MARÇO ’16

  1. triste porque não mencionou RV, mas da lista ouvi quase todas as musicas então okay. 🙂 bruno se você gostasse pelo menos de exo, ia ser ótimo, eu ia adorar ler seus comentários afiados sobre os drama que cercam esse grupo: Jongin namorando Kristal do F(X) e o povo comparando com Baekyeon dá pra acreditar num negócio desses???

      1. Kaistal é casal mais sem personalidade q eu vi em anos….baekyeon pelo menos colocou os dois maiores fandoms em guerra sangrenta. Eles não merecem entrar para o ranking de casais icônicos” not bad meaning bad but bad meaning good you know/the pretty girls are AOA, ou seja, ninguém dá uma foda.

        1. pior que eu acho que é forçado também igual baekyeon, sério. …. eu não sei pra que que a SM cria esses casais de forma aleatória??????? enfim, ainda bem que não sou lá muito exo-l

        2. Bem… se for um new 2014, é preparação para algum escândalo maior ainda… tipo: chinês fugindo, outro membro com namoro mais “icônico” ou, melhor ainda, a expulsão de algum membro… FAÇAM SUAS APOSTAS! kkkkkkkkk

  2. Tava passando pelos arquivos de T-pop do blog e não acredito que você não notou a melhor e mais tosca farofa de 2015.

    Pontos pro MV tosquíssimo e a dança com toda a cota gay da tailândia. VEJA E ALTERE O BEST DE 2015.

    Aproveitando, Fingertips é melhor que essa chave de cadeia tosquíssima do Produce 101. Pena que a Shin foi chutada.

      1. Essa farofa ficou MUITO boa, em todos os aspectos. Eu sou a favor de uma review atrasada pra essa maravilha. E mais a favor ainda de alteração no best de 2015.

        #justiceforbaitoey

    1. Reclame pra cola + dançarinos fabulosos melhores do que o do Fushizen Na Girl + Música chiclete = success
      Aprendam com Baitoey, flops coreanos.

  3. Amei enfiar Produce 101 nas nossas caras sim! Fazer o que se as musicas do programa (tirando o Apinkzzz concept) foram as coisas mais farofas desse mês?

  4. Produce foi o tópico do mês e fim de papo, se fosse por mim colocava 7 das 8 músicas produzidas neste programa aqui (todas menos a balada do último ep zzz)

  5. Criar essa lista deve ter sido missão espremer cotonete seco… nem sei como conseguiu! Hauahuahuahua…
    Para mim, os destaques são Find me, Cry & Fight e Fingertips (minha preferida dentre as 5 lançadas em Produce 101). No entanto, embora não goste tanto assim das demais canções de Produce 101, é realmente impossível tirá-las da cabeça 😛
    O resto da lista ou é dispensável ou é legal, mas não me lembrarei qdo for sugerir músicas p o Top 100 de 2016 lá no final de ano.

  6. ONE STEP TWO STEPS!!! E aquela música so bad it’s good da Jiyoung!!!

    Só queria avisar que vou insistir numa album review do The Velvet sim, existe muito a ser falado sobre aquela coisa.

  7. Megami no Hikari ganhando cota na mixtape e This is my party com o apropriação concept de Milriam a todo vapor ignoradissima (Além da gongada a Lipstick hino), mas nem vou reclamar porque um álbum de 2 horas ser destaque de mixtape é pra poucas (Chora, Ayu)

  8. Btw, adoro as teorias que os singles e a promoção do Liberty foram para um suposto debut no USA (Até VEVO pra upar velharias a bicha ganhou) e no fim não ser bosta nenhuma e vender menos de 20 mil cópias no Japão (O que pra mim é uma pena, o álbum é bem melhor que o LOVELAND)

  9. Só pra saber! Isso quer dizer q vc n gostou de nd do album do got7 ou que vc nem ouviu o album? Sobre day6, acho q letting go foi escolhida por causa da letra, pra ser como uma despedida pro junhyeok (membro chutado por jyp por haver rumores de q tava namorando uma fa)! Achei bonita a atitude!

  10. Daichi na lista,gente isso é um milagre.Achei Cry&Fight bem genérico com tudo que estão lançando ultimamente porém é boa ,mas eu curto ele,mas acho que ele lançou umas bostas ultimamente.

  11. A verdade é q Março e Produce 101 salvaram o k-pop em 2016.. até o momento! Poucas porém excelentes bagunças foram largadas aqui ali…
    Sei q todo mundo já viu..mas vale pra dar o play enquanto lê os comentários q seguirão:

    Tô eternamente viciada em One step two step… e que bom q ganhou essa versão. Amei Seunghee e Yooa se entregando ao tema! ❤

    1. Tambem gostei dessa versao. Seunghee toda seduzente e Hyojung sendo uma bagunca total. Com os covers de Tell me e The Boys e agora com esse video elas mostraram que podem fazer outros conceitos direito alem do aegyo, espero que usem isso no futuro.

      1. Tô até agora tentando entender esse apego com esse chapéu.. no final era só pra ela parar numa pose destruidora só q ela vai lá e me agacha pra pegar o chapéu… q doida! hahahahahha

  12. Melhor coisa sobre o comeback do Red Velvet foi eu ter conhecido a icônica ❤ música do Chupacabra ❤ graças ao seu post *—-*
    Nem acompanhei esse programa aí que vcs estão falando tanto e tal, mas essa Yum Yum realmente tá entregando RV melhor do que o próprio RV, logo já amei (aprendam Velvetas).
    Podia ter colocado ao menos uma b-side do Seoulite pra não passar totalmente em branco…
    E cadê Borders??? Foi um dos destaques desse mês fraquinho… #justice4amber

  13. “Já Matilda, Boys Republic, o solo da Amber e aquele projeto de pedante DΞΔN poderiam até ter entrado, mas preferi enfiar mais Produce 101 PORQUE SIM.” Você é uma vergonha pra família não tradicional!!!!!! Como você pôde não colocar a sapatão da Amber???? (vou praticar heterofobia). E jurava que Cu Hot Suiti Love iria aparecer por aqui.
    “e, claro, o retorno das cinzas de UTADEUS HIKARU, para salvar a todos nós, pecadores.” Ainda estou esperando _pacientemente_ o link do sambão mix…

    Ah, e você deveria falar do novo casal do pop Krystal e Kai, só pra ver se brota alguma exo-l louca hard shipper kaisoo aqui (kaisoo é o eunhae do exo) e você esfregar a verdade na cara delas. QUE NA VERDADE OS IDOLS DELAS SÃO HETEROS E TUDO NÃO PASSA DE FANSERVICE.

        1. Até onde eu vi, nem tanto. Tinham umas exo-ls shippeiras chorando que o Kai não se assumiu com seu verdadeiro amor D.O, outras dizendo que a krystal era uma vaca e coisa e tal, e outras foram no instagram da coitado pra ficar xingando ela, mas a maioria dos comentários (ou pelo menos metade) eram positivos, até onde eu vi. As vezes eu tenho a impressão que a exo-ls viram que ninguém mais suportava elas e decidiram melhorar (um pouco), então é só esperar o Jungkook ou o V começaram a namorar e ver o que as armys vão fazer, a vaga de pior fandom do capope tá aberta. :v

        2. ( @sowon xiita )Ser for bts vender mais album fisico e digital conseguir mais visualizações nos mvs mais reconhecimento acho que fandom army nem se importar em ser novo fandom mais odiado kpop

  14. Choroso com a adição de Saoriiiiii na lista. Gata teve um dos melhores j-batidões de todos os tempos antes da troca de nome (e numa reviravolta do destino esse albúm de flopada japonesa com 2K views no YouTube tá no Spotify) https://youtu.be/BExJE4hVcwY

    PS: serio que vc incluiu Radio ao invés da genuinamente boa Just Not Into You?????? Aaaaaaaaarrrggg o deboche nesse site tá indo longe demais

    1. eu ja tinha escutado essa musica. Achei + ou -. O bom dessa musica é o refrão. Mas a parte das garotas flando seiya e soiya (como escreve isso gente hahahah) ficou tão deslocado. Nas outras musicas isso funciona mt bem, mas dessa vez nao rolou pra mim.

  15. OMG Bruno ouviu meus pedidos e botou a melhor salvação do tpop de todos os tempos!!! P.S: A BamBam foi pra u grupo novo chamado MilkShake… o nome da musica é Share

  16. Bruno, tu chegou a ouvir o mini do got7 pelo menos? Ele não tá tão incrível mas tem várias faixas boas. .-.
    Acho que março foi o mês mais cu do kpop, desde que eu comecei a ouvir ele lá por outubro do ano passado @-@ mas ainda teve Produce 101 e Hyosung pra salvar a gente :v.
    Tem umas 30 boybands voltando em abril, se tu quiser abrir um pouco a mente até lá… =^.^=
    Ps: Só eu que estou com as expectativas EXTREMAMENTE altas pelo comevolta do twice? @-@

        1. Eu acabei gostando dela depois de escutar de novo, mas acho que foi só porque me lembrou um pouco Ha-Ha do teen top, e por causa do instrumental. (e, é claro, o rapper que me lembra alguém do bts ou de exo, acho, mas n sei quem ‘-‘)
          Mas ela é legalzinha sim (e merecia ter mais de 200 mil views, eles tão mt na merda)

  17. Ainda não sei lidar com as novas musicas do Perfume com voz demais e efeito robô de menos.
    Waiting For You da Crystal Slay lembra um pouco as musicas maravilhosas que ela lançava a algum tempo atrás, sdds Crystal Kay 2012.
    Fxxk Wit Us da Lee Hi é bem boa, mesmo com o comeback meia boca que ela teve, valia uma menção na mixtape.

    P.S. odeio artista que estiliza o nome de forma diferente tipo DΞΔN, só pra ferrar com a gente na hora de pesquisar.

  18. “Já Matilda, Boys Republic, o solo da Amber e aquele projeto de pedante DΞΔN poderiam até ter entrado”. Pensei q vc nem tinha ligado pro comeback de Boys Republic, ainda mais ter gostado O.o
    E o mini do DAY6 tah mt bom :3 realmente, achei Letting Go a mais fraquinha..

    1. ❤ ❤ UNDERERE DERERE DERERE UNBADABA DABADA DABAUÊ ❤ ❤
      Bem q Undererê podia dar as caras da mixtape de abril, seria meu sonho?

  19. Pelo menos entrou in the same place do produce 101, foi a melhor musica do programa. E esta em segundo lugar na lista de melhor musica do ano so perdendo pra rough das Slay-friend. Sorry zinimigas, nao tenho culpa se, in the same place alcançou ate primeiro lugar em charts e sua favorita derrapou em 20+ nos charts. Morram de inveja se aegyo é o sertanejo da south korea. Em abril Bada fará seu comeback pra mostrar como ser sexy sem ser vulgar.
    #APINKcoming#APINKDIVAS#APINKQUEENS#APINKMANDA#APINKWINVC#APINKLIFE

  20. Aee, daichi apareceu no mixtape \o/.
    E a jiyoung ter aparecido foi mt hilario ahahhahaha. Obviamente ela está aqui nao por fatores positivos hahaha. Essa peruca me da agonia. Sério!
    E maison book girl eu simplesmente não consigo gostar das musicas. Já ouvi acho q umas 3 e até agora nada. =x

  21. Como assim não rolou nenhuma b-side do Seoulite?!
    Tanta flopada aí. Ainda se o flop tivesse sido bom.
    Senti falta de World Tour com aquele instrumental tão hip-hop dos anos 90. Ficou quase um dueto de tão boa a interação.

    E Cadê “Nada Vai Fuder com a gente”?!

    Ainda acho que a Lee Hi lançou um dos melhores minis de 2016. Aliás, ela e a Hyosung estão no top das tocadas no carro na última semana.

    Escutando World Tour:

    Tentando fazer o passo da ondinha em Find Me

    Fazer o quê na Mixtape alheia?! ¯\_(ツ)_/¯ O que dizer?!

    Don’t think about it too much!

  22. Só achei que nessa misture faltaram Borders da Amber e C’est Ci Bon Kibun do LADYBABY.

    Enfim, vamos torcer pra Utada não decepcionar com seu retorno triunfal e salvar o ano.

  23. senti falta de Quartetto do news, sério q vc prefere anthem do q ela? Achei tão divertido os “cartetu” q eles falam antes do refrão kkkkk e a intro do album tbm tava legalzinha

  24. O mês foi difícil viu! É concordo em vc não ter colocado Red Velvet e a música da Amber! 😛😛 e essa Pick Me bate até aquela vergonha, mas infelizmente a música gruda que é uma beleza. Esperamos que abril nos salve \o/

  25. fly do got7 merecia mto mais a vaga na mixtape do que o aegyo e o yoloswag mediocres do produce 101, e MORRA KPOP 2016 POR ME FAZER DEFENDER BOYBAND EM CIMA DE GIRLBAND, que nunca mais aconteça

    falando em boyband, a unica coisa digna de nota sobre kaistal é a revelação de que tem gente que realmente acha que teria um casal gay de verdade no exo, que são todos gritantemente heteros até quando tentam ser gays pelo fanservice. ou separem fanfic de realidade ou virem fãs de shinee, pq esses sim são mais gays que aquela boyband ucraniana que dança de salto agulha

    1. eu honestamente esqueci que fly existia, mas ouvindo de novo agora até que ela merecia ser filler na mixtape no lugar de alguma outra filler qualquer (num mês em que 90% das faixas nisso aí SÃO fillers)

    1. mas foram todos fãs internacionais que se ofenderam e isso não vai afetar nem um pouco a carreira dela na coreia (até pq: QUE carreira na coreia, não é mesmo?)

  26. Me conformo por não ter nada de RV. Mesmo sendo bolofã, concordo que o mini tá passável.
    Mas deveria ter alguma bside de GOT7. Can’t e Rewind foram umas das poucas coisas que eu aproveitei desse mês terrível. 😦

    Espero que abril seja bem diferente, porque tá foda. @_@

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s