Pacotão de oppas (22/04): comentando os comebacks recentes de boybands

Esses dias foram bastante corridos com vários posts grandes pra fazer, tipo reviews de álbuns e partes do top de 2011. Com isso, eu acabei deixando de comentar várias faixas lançadas nas últimas semanas. Pra sanar isso, vou lançar durante o final de semana dois pacotões comentando várias coisas de uma vez só. Primeiro, as centenas de comebacks de boybands que tivemos em abril, e depois um pacotão só com bobagens nugus. Sem mais delongas, vamos ver se seu oppa receberá elogios, ovadas ou bocejos por conta de seu último comeback. Vamos lá. @_@

[BTOB – REMEMBER THAT]

Nossa, imaginem ser fã de BORN TO BEAT (hahahaha) e receber de lead single do comeback uma dessas faixas enche-linguiça que costumam ter como único propósito fechar EPs? Que vida de merda, hein? E pensar que isso ainda conseguiu um 11° lugar na GaOn. Nota 1,5/10,0

[BLOCK B – A FEW YEARS LATER]

Block B demora dois anos pra ter comeback e volta com uma baladinha modorrenta dessas? Puta merda, hein. Se a balada do BTOB parecia música-que-fecha-o-EP, isso aqui tem aquele clima letárgico dos duetos sem sal de uma SM Station da vida (ou pior, de OST de dorama). Pelo menos as block b-zeiras podem usar aquela desculpa esfarrapada do “pré-lançamento” pra justificar quão dispensável é essa A FEW YEARS LATER, né? Porque com certeza o lead single vale a pena, NÉ???

[BLOCK B – TOY]

…….É, estou sem palavras mesmo. Esse é o mesmo grupo de números feito Nalina, Jackpot e H.E.R? Porque eles tão soando como as boybands novas inespecíficas da YG/SM tentando lançar musiquinha leve de PBR&B e falhando. Não tô sendo amargo gratuitamente por views não, isso aqui tá verdadeiramente decepcionante e abaixo do que eles podem fazer.

[HISTORY – QUEEN]

History teve um dos melhores debuts recentes de boyband com Dreamer (que soava como uma faixa do QUEEN), e eu honestamente acho que eles deveriam ter se atido àquele estilo ao invés de lançar a WORTH IT coreana, mas eu ainda prefiro ouvir isso do que as três faixas citadas anteriormente.

[BTS – EPILOGUE: Young Forever]

O estilo VHS do clipe ajuda a diferenciar Young Forever de outras faixas presentes até aqui. Eu honestamente achei Young Forever muito menos empolgante do que todas as faixas que eles lançaram em seu ótimo 2015, mas isso aqui ao menos tem um crescendo legal, algo que costuma faltar em grande parte dessas pseudo baladas hipsters que o k-pop tem lançado tanto ultimamente. Pra melhorar, a faixa não se estende mais do que deveria. Ponto pras ARMYs, que podem respirar aliviadas e ainda utilizar a desculpa do “é só pré-release” pra justificar as (poucas) críticas que esse comeback poderia receber.

[UP10TION – ATTENTION]

Essa Attention troca o clima de nugu trash do debut de UP10TION por algo um pouco mais elegante e refinado, com algumas referências disco que fariam a faixa estar em casa no MARRIED TO THE MUSIC do SHINee, por exemplo. UP10TION continua sua trajetória de acensão, pelo visto. Eu só dispensaria as cenas indoors do clipe e faria dele exclusivamente uma versão de dança, seria mais impactante. Nota 7,0/10,0

[VIXX – DYNAMITE]

Porra, finalmente uma música legalzinha e em que eu não sinto que preciso abrir concessões ou baixar parâmetros pra dizer que eu gostei? É outra que estaria em casa num álbum do SHINee, e o clipe definitivamente faz sua parte em tornar o comeback memorável. Eu entendo que as Vixxeiras estão reclamando porque isso não soa como os comebacks góticos e emo que eles lançaram no passado, mas honestamente: quem se importa?

Bem, como vocês devem ter percebido, as faixas foram apresentadas em ordem crescente de qualidade. Então VIXX teve a melhor faixa de boyband do mês, certo? NÃO EXATAMENTE. Essa honra é de algo chamado N-SONIC:

 

[N-SONIC – EXCALIBUR]

Primeiro de tudo: eu também não faço a menor ideia de quem são essas pessoas, mas a coreografia tá legal, a bateria interpolada por todo o instrumental tá ótima e bem diferente de todo o resto nesse começo de 2016. O refrão é marcante, a bridge bem feitinha e a faixa é curtinha. Não há do que se reclamar. N-SONIC (hahahahaha) são os vencedores do embate de boybands desse abril. Tchau, outros.

Anúncios

116 comentários em “Pacotão de oppas (22/04): comentando os comebacks recentes de boybands

  1. Concordo totalmente em relação à Block B, demoraram muito tempo pra voltar com uma coisa genérica q os grupos de kpop andam fazendo. O MV de Her ta muito acima desses dois outros deles. As músicas são até legais, mas n se compara com as outras deles q gosto tanto

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s