Enquanto seu bias lança bosta ou dá disband, SISTAR tem um segundo ótimo single em 2016. #summerpower

vlcsnap-2016-11-23-09h49m22s746

Bem, aí está algo que eu não estava esperando, mas que fez meu dia: após serem uma das únicas girlbands veteranas do primeiro escalão a terem um comeback decente em 2016 com a icônica Eu Curto Isso (que se você não curte, você tem mal gosto e precisa aprender a lidar com isso), Sistar resolveu jogar sal na ferida de seus detratores voltando com um segundo ótimo single pra fechar o ano, dessa vez assinadas pelo véio italiano arroz de festa Giorgio Moroder, saindo do armário musical e se revelando para o mundo como capopeiro com “One More Day”. E falando em sair do armário:

Sim, a trama de vingança e romance LGBT do clipe é legal e inusitada, e ganha ainda mais relevância e peso se considerarmos que ela vem de um grupo com grande visibilidade e que isso está sendo lançado em um país em que muitas pessoas acreditam que homossexualidade é doença trazida por gringos e que coreanos não sofrem naturalmente dela (?!?!). E é interessante como a temática foi tratada com certo respeito ao invés de usada como prop pra fidelizar fanbase (tipo o que rolou no último single de HyunA, que me rendeu hate pesado da fanbase dela só por constatar isso :V). Tanto que as minas do Xisuta nem aparecem em seu próprio clipe pro número disco, totalmente ilustrado por TaTu (korean ver). Mas não custava fazer uma cameo, né não? Porra, o velho fez:

gif01

Eu entendi a proposta do clipe focar na historinha do casal, mas não custava ter alguma cena das duas minas num bar curtindo uns drinks com as quatro gostosas do SISTAR cantando “One More Day” num palquinho ao fundo. Sei lá, alguma coisa. “One More Day” é um disco retrô tão bom, me é frustrante ver que a faixa não está sendo usada de maneira devida pela Starship. Tipo, não vai rolar um repackage do Insane Love usando a faixa de lead single, não vai rolar live no Melhor do Brasil, e pelo único live que tivemos da faixa até aqui, nem coreografia “One More Day” vai ter, visto que a apresentação traz as quatro imóveis por 99,99% do tempo, só mexendo as mãozinhas no segundo final da música:

Alguém explica? É porque o novo nariz da Hyorin ficou Dani Albuquerque demais e ela não tá querendo aparecer em público por hora? É porque o lead single do novo álbum solo dela não é a fantasia de ninguém e sua melhor faixa solo até hoje continua sendo Something das Girl’s Day, que ela esnobou imensamente? Olha, eu não sei. Mas que essa faixa do Sistar merecia muito mais atenção do que está recebendo, merecia muito, porque é realmente boa. E também merecia uma capa melhor e que não reutilizasse imagens promocionais de fucking SHAKE IT:

sistar-one-more-day

WTF?

PS.: Só eu esperava algo assim de T-ARA quando elas prometeram voltar com uma midtempo mais madura ao invés daquela morte de Tiamo? Pior que a faixa casaria perfeitamente bem no catálogo das T-ARA também. Morte em dobro.

46 comentários em “Enquanto seu bias lança bosta ou dá disband, SISTAR tem um segundo ótimo single em 2016. #summerpower

  1. Masoq pra esse comeback aleatório.

    Música legalzinha, miadeira da Hyorin até suportável, história 10 (o NERVO de enfiar o cara numa mala que obviamente não cabe ele todo então teriam que ter cortado umas pernas fora e depois tocar fogo)

  2. AAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH eu fiquei ouvindo esse faixa ontem o dia todo!!!! Achei que eu seria a unica a notar, porque não vi lugar nenhum comentando dela (e olha que as vezes eu visito aquela bosta de onehallyu) e ai você vem e faz review dessa música<3 #sistarforthewin

  3. Mds como eu n tinha ouvido ainda?!? Sistar realmente mandou mt bem em 2016, eu fiquei tão revoltado delas mal terem sido indicadas no mama! Mas é aquela coisa, música boa n faz sucesso! #justiceforonemoreday

  4. Ain, eu não sei se dou tanto crédito pra trama LGBT, não :S O fato de elas não aparecerem no MV me deu a impressão de que eles não estavam dispostos a bancar um possível backlash que essa delícia poderia sofrer, então usaram um plot ~polêmico~ em um single com pouca divulgação e que nem mostra a cara delas. Melhor isso que nada, mas não é um grande avanço.
    [sem falar que I Like That teve lá sua dose de queerbaiting, mas deixa pra lá]
    [que capa feia da porra, sério que isso é oficial??? dura, sem falar que representaram o GM como se ele fosse o Daft Punk :v]

    1. A impressão que eu tive foi a da rota contrária na verdade, hahahaha. Achei que elas não iriam conseguir divulgar o single apropriadamente por conta de conflito de agenda e daí usaram plot ~polêmico~ no clipe pra compensar e ver se dava algum buzz.

  5. O primeiro escalão ainda consiste em Sistar. Girls’ Generation e 2ne1?

    E sim, Paradise tá uma bosta, sendo a única coisa positiva o MV com a Hyolyn linda de morrer.
    Sobre essa música, achei ok, mas adorei o clipe, mesmo!

      1. Acho então que Twice e até Gfriend estão bem a frente de Red Velvet (mesmo esse ultimo sendo superior).
        Aquele momento que você percebe que Girls’ Day e AOA já podem ser chamados de veteranos, nem parece que f(x) debutou a 7 FUCKING ANOS, tou sentindo o tempo passar.

      2. “SNSD, 2NE1, Sistar, Girls’ Day, f(x), Apink, AOA, Wonder Girls, Red Velvet e BEG (e, muito em breve, Twice/GFRIEND)…”

        Ficou implicito que o coraçao do Bruno ainda nao perdoou as minhas Queens…

      3. MAMAMOO e EXID não entram no primeiro escalão? As primeiras cantam muito e tiveram algum sucesso com os últimos singles, e as segundas varreram os music shows com Up & Down e suas duas versões posteriores…

  6. Essa capa é simplesmente horrível… A Starship devia aprender com a SM (ShiNee por exemplo não vive sem lançar repackage agora) e lançar repackage de Insane Love (colocar essa música e a versão instrumental já ficava de bom tamanho…). O plot LGBT tá incrível!!! Só faltou elas aparecerem msmo :/ (É pedir demais que fossem duas delas que fizessem os papéis do casal, né…?), mas enfim, pelo menos prova que o Coréia ainda não caiu no Natal com tudo #amém

  7. Também esperava algo assim do comeback de T-Ara, maaaaas …
    Pelo menos temos Sistar firme e forte sem aquele clichê verão de sempre (que eu adoro no caso delas, não vou mentir) e a track tá maravilhosa com um MV sem elas rebolando (que também adoro) e um tema bastante interessante, mas que talvez não daria conta se elas não estivessem mantendo com tanta constância seu lugar.

  8. A música é legal (nada incrível ou que salve o kpop 2016, mas cumpre muito bem o seu papel, ainda mais nesse mês horroroso em que estamos) e o clipe é um dos mais interessantes desse ano com a temática LGBT que ele traz, o que por si só já é algo bem corajoso de se fazer em um país tão homofóbico e conservador como a Coreia. Sem dúvida, a melhor coisa que o Sistar entregou em 2016 (seja em grupo ou solo) e muito superior a aquele outro single meia boca que elas lançaram também esse ano, nem me lembro mais o título daquilo…
    E realmente, o T-ARA poderia ter lançado algo desse tipo ao invés daquela merda de TIAMO, só que obviamente com um clipe bem mais longo, dramático e com várias cenas chocantes pra afrontar a família coreana tradicional. Seria maravilhoso *o*

    1. Eu nunca entendi essa merda, vão ter novas faixas pelo menos? Porque pelo que eu ouvi vão ter duas, mas eu não sei se posso confiar na bullshit da YG ou em rumor de internet né… @_@
      (mas caso seja isso mesmo eu to esperando a fantastic baby 3.0 que eles eles esqueceram no churrasco, não me decepcionem T_T)

      1. Depois de um ano e meio de enrolação para “aprimorar a qualidade do álbum”, enfiar só duas inéditas seria o maior dedo do meio para os fãs na história da YG.

        1. Até parece que vocês não conhecem a YG né?

          É capaz dela lançar apenas as oito músicas do ano passado e MADE não virar o 69º álbum do BIGBANG, e sim o 666º miniálbum, e ainda assim isso NÃO PASSARIA NEM PERTO DE SER O MAIOR “MIDDLE FINGER UP” PARA FÃS NA HISTÓRIA DA YG.

          Isso se formos beeeeeeeeeeeeeeeeeemmmmmmmmmmmmm otimistas(trouxas), e isso ai realmente sair com apenas UM ANO E TRÊS MESES DE ATRASO, e não com 3 anos + infinito e além.

  9. Vamos parar com esse shade pra cima de ti amo? Suas recalcadas. Lavem a boca pra falar de ti amo, hino puro e intimista/ sentimental.
    Xuga Fri could never

  10. O título imã de capopeira básica ❤
    Enfim, esse mv pra mim é um dos melhores do ano, especialmente elas esquartejando o cara e queimando ele depois (bem romântico), e a música ta on point também, na primeira ouvida eu tinha achado só ok, mas agora ela já me conquistou, mesmo que funcione bem melhor acompanhada do mv.

  11. Amei One More Day, tbm queria q as Sistar aparecessem no MV, mas já fiquei satisfeita de a música ser ótima e o MV maravilindo ❤
    Agora panfletando o debut solo da Jia (ex Miss A) ❤

  12. Isso daí não é comeback, é só um lançamento aleatório porque Starship não ia deixar uma música dessas escapar, mas sabe que isso não venderia na Coreia 2016 de jeito nenhum. Mas tô é cagando pra divulgação, apenas graça a Deus pela existência dessa música, porque depois de Shake It e I Like That Merda elas precisam de algo pra curar sua discografia e eu já tinha até esquecido o porquê de eu gostar desse grupo. Lancem mais coisas como One More Day, suas desgraçadas! (antes do iminente disband no ano que vem)

  13. Gente, essa live tá muito de boinha, mas eu não reconheço quase ninguém ai, se não fosse pela voz, eu jamais diria que a “rapper” de peruca da Anna Wintour é a Bora. E a TãoVoce tá a cara da Subin em B(ig).B(rother).B(rasil).

    E essa distribuição de linha? “quase” beirando a homogeneidade…nem parece o SISTAR ❤

    PS: Eu tinha lido em algum lugar que elas não iam divulgar a música, que não era um comevolta oficial do grupo, era apenas uma colaboração e tals, mas tomara que "voltem atrás" nessa decisão, os gifs/vídeos icônicos do SISTAR barrando os atos hypados das empresas grandes são A.MELHOR. COISA dos programas semanais.

    Vide essa pérola aqui:

    1. kkkkkkkkkk AHHH eu adoro sistar justamente porq elas barram todo mundo. Ver videos das vitorias dos raul gils é muito engraçado vc vê cada caras e bocas q os perdedores fazem kkkkkkk. EXO todo ano perde pra elas já virou tradição, esse ano além de exo ate taeyeon perdeu pra elas. O Deboche de ganhar de atos grandes é muito melhor por isso comecei a gostar delas ver elas vencendo 2ne1, t-ara, 4minutes, girls day, aoa e varias outras zinimigas não tem preço. E os boysgroups são os que mais sofrem com as derrotas kkkkkkk Qual fav tem o afronte de fazer comeback no mesmo tempo que EXO, super junior, shine etc … e ainda ganhar de todos? só SISTAR kkkkkk não tem como não amar elas.

      1. Eu sempre fico aguardando elas promoverem, só pra ver o banho que elas dão na concorrência, e a melhor parte é ver os fandoms mais xiitas babando e se engasgando de ódio, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk SISTAR é amor ❤

        Outro ponto muito positivo nas IRMÃSESTRELAS é que o fandom delas ajuda o grupo sem ser muito pisicopático, dificilmente tão metidos em tretas ou algo do tipo, na icônica época em que os PRETOSJACKS e os SO ONES se juntaram pra heitear a gloriosa subida de um grupo de empresa pequena a outrora almejada "parede inquebrável", os UMA ESTRELA fizeram a egípcia ou debocharam sutilmente o desespero das duas creches…bons tempos!

  14. […] e sua melhor faixa solo até hoje continua sendo Something das Girl’s Day, que ela esnobou imensamente?
    SE EU FOSSE HYOLYN/HYORIN FICARIA NA BAD APÓS LER ISSO. D:

  15. Sendo chata como sempre numa frase do seu texto da a entender que homosexualidade é sim uma doença, ali em “é doença trazida por gringos e que coreanos não sofrem naturalmente dela (?!?!).” No mais isso mesmo melhor comeback do Sistar em tempos.

    1. PUTA QUE PARIU, se inscreva numa cursinho de interpretação de texto imediatamente, filha! Se disserem que não tem vaga, conte a eles que você precisa com URGÊNCIA.

      1. Finalmente reconhecida, shyshychata.rar figthing!!!!!!!
        ~Detalhe, eu só reproduzo aqui comentários que vejo nas comunidades dos facebook do kapopeiro médio chato e no twitter, principalmente de umas problematizadoras ai~

  16. Eu detesto Sistar. Se depender de mim pra fazer sucesso, elas estão lascadas. Não suporta a voz de taquara rachada da hyolin. E Bruno eu tenho mau gosto. Porque I like that é a musica mais insuportavel delas até hoje. Bjim

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s