K.A.R.D, o grupo co-ed da DSP em que Hur Youngji NÃO debutou de novo, estreou com Oh NaNa. São ok.

Daí que segunda-feira a DSP quis brincar de Titanic e afundar seu novo ato logo na primeira viagem, lançando o grupo misto K.A.R.D no mesmo dia que o comeback pré-hiato do Big Bang. Não deu outra: na Coreia ninguém nem ficou sabendo que o grupo debutou, e não há sinal algum da faixa no top100 da MelOn, isso que agora lá só dá Big Bang, trinta faixas de Natal incluindo ALL I WANT FOR CHRISTMAS IS YOU da Mariah e várias velharias tipo Cheer Up, Boi Bumbá, Nabillera e os singles de DOIS MIL E QUINZE do M.A.D.E. Ou seja, nem tava muito difícil conseguir um certo destaque com o debut e marcar aquele pico esperto de 78° lugar, mas aí apareceu Big Bang do nada e acabou pra eles, coitados. Mas ó, a faixa nem tá ruim nem nada do tipo, até achei um pouco injusto:

…………..Mas preciso ser honesto também de que isso aí é basicamente um tropical house com uns raps no meio pra dar um teor urban pra faixa. E não sei pra vocês, mas pra mim JÁ DEU de tropical house esse ano. Chega. E o downtempo de R&B e eletronica pode dar as mãos com o tropical house e sumir junto. Quando foi que o k-pop ficou tão homogêneo assim, hein? Meu deus. Ahein. Então, vamos falar de coisa boa de K.A.R.D:

hahahahahaha eles sarrando com um palmo de distância de um pro outro, só na Coreia

Mesmo eu já estando meio de saco cheio do estilo de Oh NaNa, eu ainda assim achei a faixa agradável, mesmo que sem diferencial algum. Dá pro gasto. Pelo menos os quatro integrantes do grupo parecem confortáveis no clipe, que não tem aquele teor tão forte de estranheza e quebra-do-eye-candy que marca tanto o apelo de grupos mistos. Mas acho que o motivo pra isso é que K.A.R.D não parece um grupo. Parece, sei lá, um solo da Hyorin com a participação de dois rappers convidados. A divisão “mulheres cantam, homens mandam raps” não fez com que K.A.R.D soasse como uma unidade coesa, parece realmente a junção de elementos distintos pra uma faixa só e olhe lá, vide a participação de Youngji, por exemplo.

Youngjiana Grande rainha das high notes

Agora sabemos que HUR YOUNGJI só apareceu pra mandar high note na bridge da faixa e olhe lá. Ela nem deve ter gravado suas cenas pra esse negócio no mesmo dia que os outros caras, visto que ela só fica num telhado e nem interage com eles. Ma nem me importo, já que Youngji gritando com sua voz inexistente enquanto olha pra um amuleto como se estivesse numa adaptação de algum livro YA podreira feito Instrumentos Mortais foi um dos momentos mais icônicos do ano. Mas voltando ao meu argumento: K.A.R.D não parece um grupo, não existe coesão entre os elementos, parece um grande feat e olhe lá. E a impressão que eu tenho é que NEM A DSP sabe se isso vai ser um grupo fixo, uma colaboração sazonal feito Troublemaker ou um flop tão grande que nem vai voltar mais. Opinem abaixo.

PS.: Esse clipe é escuro pra caralho, hein?

Anúncios

142 comentários em “K.A.R.D, o grupo co-ed da DSP em que Hur Youngji NÃO debutou de novo, estreou com Oh NaNa. São ok.

  1. MEU DEUS FOI A PREIMEIRAA!! parece que quando um grupo não faz susseso na Coréia vem pro Brasil. E incrível como eles se saíram aqui inclusive vi muita gente revolts pq ele subiram nas tag brasileiras bem mais que BigBang!!

      1. Como assim? Não vai ter especulação sobre o possível fim de Wonder Girls? Nem post sobre a terceira das 12 integrantes do Loona que terão debut solo uma por mês até o debut do grupo em 2017? Nem vamos saber sua opinião sobre as músicas natalinas de EXO (que tá virando a Simone da Coreia já), Twice e APink?

        1. Por favooor Bruno, faz um pacotão de natal!!!! Você odeia tanto as merdas natalinas que sempre quis ver um post bem deboche sobre todas

  2. DPS já ferrou o grupo logo de cara lançando eles no dia do comeback do BigBang. Desse jeito não vai conseguir sair do buraco, continue assim e daqui a pouco vai estar no fundo do poço fazendo chapinha na Samara kkkkkk

  3. O que dizer das capopeira br achando que isso vai hitar porque elas gostaram??? Beijo Uniq, Wa$$up.

    Como você disse, parece mais uma colaboração que um grupo. A música foi legalzinha, mas não consegui ver a cara de ninguém no breu que foi o MV. Fazer disso um grupo rotativo é manter um grande ralo de dinheiro, quem vai querer acompanhar um projeto cheio de nugus. Boa sorte aos envolvidos.

  4. Eu até gostei da participação da Hur (isso é o sobrenome dela? Sério?) Youngji nisso, ela só aparece pra cantar a sua parte sem se misturar aos mortais do KARD e depois some sem dar satisfação, ela não tem paciência pra quem tá começando pelo visto. Prova que a DSP sabe quem é a verdadeira dona da agência agora.
    A música foi o elemento mais dispensável desse debut.

  5. Ok tenho que admiti que a música foi melhor do que eu imaginava, mas o flop foi tão grande quanto eu espera rsrs (com direito a rima e tudo)

    Se Cartas não tivesse sido tão planfetado aqui no blog eu não teria dado uma foda pra eles, porque com o lançamento de BB na área ele foi completamente obliterado dos chats (muhahaha) coitados porque a música nem é ruim e sinceramente eu ignorei legal que isso era pra ser um grupo e assiste o MV como se fosse um feat de nugus qualquer então imagino que a DSP tá fazendo alguma coisa de muito errada nisso.

  6. esperta foi a youngji, que só quis a aparecer como feat e não como membro dessa bomba. E a Somin coitada. Seria melhor continuar no april, flop por flop pelo menos april tem mais chances de comeback.

    PS A DSP quer mesmo eh debutar um novo Kara com a Hyunjoo ex April e melhor artista da companhia. Vem Guhara Hyunjoo

  7. ”Youngji gritando com sua voz inexistente enquanto olha pra um amuleto como se estivesse numa adaptação de algum livro YA podreira feito Instrumentos Mortais” eu espero do fundo do meu coração q vc tenha falado da serie e do filme,pq se for dos livros vai rolar pau @_@
    eu gostei do debut,os oh nana ficam na cabeça e tem Youngji,só estou esperando o casal hétero da nação acontecer na Korea mesmo pq aqui o povo ta shippando as duas manas juntas e os dois manos juntos o q já era de se esperar

    https://media.tenor.co/images/70862a4e78eae6cee998d293d14d3aca/raw

      1. ERA mais divertido,até os fans começarem a levar a serio e surgir as teorias de conspiração,n me leve a mal,n sou homofobica passo longe disso,mas o fetiche q o fandom do kpop tem e faz com o relacionamento homossexual não é saudável (os idols tem culpa no cartório tbm claro @_@) MAS shippar pelo divertimento ainda é massa❤

        1. O problema desses ships loucos de fãs xiitas é que eles reproduzem vários preconceitos heteronormativos… Assim como vários clipes de boy bands (vide a sistemática de classificação ativo x passivo, por exemplo)… Mas oq o kpopper médio não tenta estragar não é mesmo?? Kkkk

      1. Como não amar um bando de burra velha tentando agradar ahjussi pedófilo com essa make de Emília do Sitio do Pica-pau Amarelo e esse aegyo diabético?!
        Chorong ou tá de saco cheio dessa palhaçada ou já chegou no nível Bom das plásticas pra tá com essa cara de cu o MV inteiro.
        Já virou diva.

    1. APINK fez um álbum para os fãs (gastarem mais dinheiro kkkk) e não foi balada morna que nem outros grupos fazem e ainda é um Bubblegum Pop. De bônus as integrantes estão bonitas. dá pro gasto.

      1. Cabeleleiros que cuidam de girlgroups tem sérios problemas, esse ano todo mundo quis colocar franja. De alguma forma virou moda, só que muitas das vezes não favorece as garotas e fica estranho, tipo Bomi e PRINCIPALMENTE Sulli.

      2. Eu voto num combo de cara nova + cabelo
        Uns tempos atrás eu achei q ela tinha ganhado um pouco de peso (o que acho que foi um pouco tbem) mas na vdd podia ser só inchaço das intervenções cirúrgicas.

    2. A música ficou no nível bobagens inexpressivas um patamar acima do catálogo usual delas e ainda colocaram um break “sexy sem ser vulgar” no negócio. Esse ano realmente veio para trollar até o fim.

      1. Bruno, já te dou os spoilers: é basicamente a mesma porcaria que elas sempre lançam (tirando LUV e NoNoNo); a única parte que se salva é o áudio do break no meio da música (digo o áudio, porque a coreografia propriamente dita na hora do break não é nada demais).

        De nada.

  8. Na real, eu achei o conceito do grupo melhor do que a música e o MV. O Lance das 4 cartas e do hidden, me lembrou J.A.K.Q, um Super Sentai que tem como tema cartas de baralho, que são 3 mano e 1 mana representando 4 tipos de cartas, e depois chega mais 1, que é tipo a Youngji na música. Mas é só isso, o melhor de tudo é o conceito, a música é legal mas não é tão boa assim.
    Ps: Eu não conferi, mas eu tenho certeza que isso aqui caiu mais nos charts que Gfriend no palco por causa das “”””””” músicas “””””””” que Big Bang desovou.

    1. a referência a J.A.K.Q ♥♥ achei que era o único que tinha me lembrado disso, nossa
      Youngji bem Big One sim, a coringa da DSP pra tentar subir uns pontos no chart com todo flop que lançarem

  9. Esse problema do MV escuro me deixou MUITO incomodada de verdade mesmo x.x Eu queria ver mais da dança e não conseguia.
    Mas a música ficou na minha cabeça e eu gostei de como a dança interage bem meninos e meninas, não ficou igual co-ed e f1rst pareciam dois grupos, o dos meninos e o das meninas, cada um dançando em uma hora.

  10. AHHH, pois eu gostei!
    OK, não é realmente nada novo ou diferentão, mas achei a tentativa de grupo misto válida.
    A música é boa, o MV tá bonito e eles parecem terem se sentido a vontade como um grupo.

    Concordo com todos os aspectos que a música do debut ficou parecendo um feat e fiquei com dó da Somin estar presa a isto agora. Com sorte será uma colaboração recorrente, estilo troublemaker. Vamos aguardar pacientemente.

    Melhor ponto do MV: YOUNGDEUS lindamente brilhando no alto de um prédio com um amuleto na mão e roubando toda a atenção do comeback.
    Brilha brilha estrelinha linda! S2

      1. Eu tô é achando que esse grupo vai ser BORING AS FUCK. Eu esperava que as músicas solo seriam mais distintas entre si, afinal a lógica era que um projeto desses deveria apresentar a PERSONALIDADE de cada menina, mas a cada release me parece que elas não tem personalidade nenhuma, até as vozes das três são tão parecidas… Acho que a agência só saiu correndo por Seul procurando garotas com ‘H’ no começo do nome mesmo.

        1. eu só fiz pela tradição: ao menos uma vez por post do Bruno alguém precisa fazer esse comentário para manter viva a chama(!) Até elas debutarem… ou, se 2017 não vier com nada melhor que 2016, até o último ato de resistência desse blog.

  11. “K.A.R.D não parece um grupo, não existe coesão entre os elementos, parece um grande feat e olhe lá”

    Mas isso é necessariamente ruim? Pra mim, foi justamente a diferença entre os elementos do grupo (ou seja lá o que o K.A.R.D. for) que fez o conjunto da obra funcionar.

    Pode ser que as próximas músicas deles sejam uma merda, claro, mas pelo menos essa Oh Na Na eu achei bem melhor que a grande maioria das músicas capopeiras deste ano (não que isso fosse difícil). Pena que flopou, mas fazer o quê… se sucesso indicasse qualidade, Wonder Girls nunca teriam deixado de ser as rainhas da Coreia do Sul e Apink já teria deixado de existir, né não?

  12. Eu adorei isso com todas as minhas forças; to com um ódio mortal do bigbang por ser popular demais e não deixar meu kard brilhar. Um ódio mortal tambem da DSP que empresa retardada, sério não dá. Tá parecendo que ela própria ta sabotando ela, ou vai que é isso mesmo que ela quer e esqueceu de avisar seus fãs?

  13. A DSP tomou um risco enorme debutando um grupo co-ed, mas também parou só nisso né? Colocou os manos pro rap e as minas cantando (que original) e ainda comprou uma música num estilo super saturado @_@ meh…
    Pelo menos eu gostei de Oh Na Na e ela ta no repeat desde que saiu, e já que o KARD virou praticamente um Wa$$up/UNIQ da vida, fazendo bastante sucesso no Brasil (e só no Brasil, evidentemente) eu tenho com quem ficar panfletando o debut e tals. :V
    A Jinwoo (a loira) disse que os integrantes não tem nenhuma função específica, então no próximo comeback eles devem botar elas nos raps e o main dancer lá nos vocais talvez, pelo menos pra dar uma variada.

    ps: esse mv escuro me incomodou bastante também, queria ter visto mais da coreo @_@

    ps²: “enquanto olha pra um amuleto como se estivesse numa adaptação de algum livro YA podreira feito Instrumentos Mortais” MAS O SENHOR CALE A SUA BOCA SE ISSO TIVER PEGADO PRO LIVRO TAMBÉM (mas se tiver sido pro filme, sim, é uma merda, xo xo =^.^=)

    1. Sowon Xita eu gosto muito de você kkkk! as vamos ser sincero, Instrumentos Mortas é bem méh… e não é nem pela historia em si, é mais por causa do casal principal mesmo. A historia em si é bem legal, mas aquele casal não me desse, eu preferia ler as partes do Simom e da Isabelle, até do Magnus com o outro lá, do que a dos Jace com a Clary.

      1. Nossa, mas Simon/Isabelle e Magnus/Alec são casais bem melhores que o principal mesmo, também preferia ler as partes deles do que o Jace sendo o cara perigoso e escrotão de sempre que ao mesmo tempo é super doce e perdidamente apaixonado pela Clary. @_@

        1. Simon e Isabelle OTP DA VIDA!
          Instrumentos Mortais pra mim é aquele clássico exemplo de história com uma ótima premissa e grande potencial que vai por água abaixo pq a protagonista é um saco, o casal principal não desce e a autora curte enrolar a história mais do que rocambole.

      2. vi o filme e cheguei a assistir a serie e com todo respeito me desculpe mas essa saga é uma merda total @_@ a serie só não chega a ser pior que o filme
        os únicos personagens/atores bons são a Isabelle e o Magnus,e o único casal que presta é Malec,a atriz principal da série é muito péssima atuando pqp
        talvez um dia eu crie coragem pra ler o livro,mas o filme+série me traumatizaram totalmente @_@

        1. Sim capopeira de plantão, Instrumentos mortais peca pelo excesso de romance. O casal principal não é nada carismático e chegam a dar enjoo as partes de romance entre eles. na minha opinião se a saga tivesse terminado no terceiro livro, ela acabaria bem. Porém a autora fez a proeza de escrever mais três livros e a saga foi por água a baixo.
          Saudade de ler uma saga em que tenha uma protagonista feminina foda como Rose Hathaway ❤

        2. Eu nem reclamaria de a saga não acabar nunca, porque ai eu tenho mais coisa pra ler e tals (falando nisso acabei de me lembrar que tenho que vender umas castanhas na escola pra poder comprar os dois últimos), eu achei foda que ela não procurou mudar de conflito ou enfiar alguma coisa nova e foi lá e ressuscitou o Sebastian pra servir de vilão DE NOVO, really?

    2. Acho que a Cassandra melhorou muito como autora com o passar dos anos, mas as séries dela pecam pelo excesso de romance e principalmente a reciclagem de personagens, porque em todas as sagas você nitidamente quem está ali pra fazer as vezes de quem (Jace, Will e Emma ela nem tentou disfarçar que são basicamente a mesma bosta). Mas se comparar com 80% dos YA por aí ela ainda está numa posição boa por pelo menos seu universo não ser tão manjado.

  14. Kkkkkkkkkk SA-BI-A que o Bruno ia usar o gif da sarração “comportada”.
    Tbm já cansei do tropical house, mais uma dessas, eu taco fogo e apago com paulada. Mas sinceramente? Essa Oh NaNa até desceu.
    Pra mim, ficou tipo Miss Terry da Hyoyeon: a música não é nada espetacular, mas como eu esperava coisa bem pior, acabou até ficando bom.
    Até diria que prefiro isso à Fxxx-SE e Last Bosta do Big Bang, mas tenho medo de ser queimada na fogueira pelos VIPs xiitas.

  15. Pelo amor de Utada, fala um pouco sobre o Title do álbum de Apink pois achei ele até que agradável, e fale também de Haseul com Let Me In porque aquilo tá tao dramático e A E S T H E T I C que ficou grudado.
    E outra, como é que você não gostou de Around You. Aquilo foi bom.

  16. Esse debut dividiu muito a opinião do povo, mas eu amei. A musica é bem grudenta, não sai da minha cabeça, e eu achei a high note da Youngji tão bonitinha que eu quase perdoei ela por não ter aparecido dreito no mv.
    Eu queria saber quem é que ta shipando casais homo como foi dito lá em cima, pqp!! Como que em um grupo em que tem sarrada como coreografia (mesmo com um palmo de distância), as pessoas ainda shipam errado!! Os caras nem dão pinta de gay como acontece com a grande maioria dos idols masculinos.

  17. Eu retiro tudo que eu disse sobre esse grupo
    eu to amando demais essa preciosidade,tipo a musica não é lá tudo isso,mas vai me dizer que quando chega a parte da batida e os “Oh nana”,vocês ai não sentem uma vontade enorme de rebolar o cu que nem aquelas funkeiras desesperadas

    não que eu queira fazer isso,mas… esse batidão com certeza faz tu querer dá umas mexidinhas né nom?
    Eu particularmente gostei e espero mais atos deles como esse
    Oh nana>>FXXK IT>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Last merda

      1. Miga depois de tirar um tempo pra refletir,e depois que o Bruno perguntou publicamente se eu “fiz o nariz e o rosto” eu refleti novamente e percebi que a vida segue,e agora estou com uma imagem mais matura e pretendo não me lamentar mais sobre a minha maior perda dentro do k-pop…
        MENTIRA vai ter muita Park Bom sim,vou entupir esse blog de gifs e imagens da nossa rainha que vai ser enaltecida até o fim da minha carreira nesse blog.

  18. Pessoal, esse NÃO é o debut oficial do KARD. Eles vão lançar mais duas músicas com hidden members antes de começarem a promover em music shows. Logo, faltam 2 hidden members. Vão ficar offline e aí sim vão começar a promoção em massa.

    E se for assim como tão dizendo, eu até prefiro. Eles já conseguiram vários stans compostos por pessoas que acharam o comeback do BigBang um cocô. Agora é só lançarem mais as duas músicas que faltam e focar nas promoções que acho que pode sair algo daí..

    Não sei porquê mas eu tenho um feeling de que eles não vão ser tão flop quanto esperamos que sejam.

    1. Eu sabia desse não ser o debut oficial e tals mas… sério que eles NÃO vão promover isso em music shows? Que tiro no pé, eles deviam era aproveitar que todo mundo vai se preocupar em ver o big bang rebolando ao som de FXXX-SE nos music shows e ver se conseguiam uns free promos… triste… pelo menos as outras duas partes do projeto de debut devem sair logo então né? Pra aproveitar que eles chamaram uma atenção decente pra esse debut, pelo menos fora da Coréia, e ai quem sabe eles chegam num nível 9muses/Teen Top de flop talvez? Vamos ver… @_@

    2. Quer dizer que na próxima música a Youngji vai cantar e dançar com esses quatro do começo ao fim e outra pessoa que vai aparecer na metade só pra dar oi e tchau?

      Parece interessante, mas… nesse caso é estranho que dois integrantes não vão participar de todas as músicas (a não ser que depois Oh Na Na e as duas outras músicas pré-debut oficial sejam regravadas com a formação completa)…

  19. JYP CONFIRMOU QUE ANO QUE VEM VAI TER SIXTEEN 2…
    para lançar uma nova boy band! Com o mesmo conceito de Twice! 2017 nem começou e essa agência já quer me fazer acreditar que vai ser tão ruim quanto o ano anterior ¬¬
    #QueremosNatty

    1. Eles tem que debutar uma Boy Band mesmo. Got 7 debutou em 2014 enquanto Twice debutou em 2015 também né? Ai em 2017 eles debutam um GG com a Somi, a Natty e as gêmeas, enquanto dão uns feats pra Somi e etc. Eu só não sei se esse conceito Twice vai colar bem com uma boy band… quer dizer que eles vão lançar música chiclete com o instrumental entupido de coisa e breaks desconexos? Mas com clipes interessantes e uma visual line fodida de apelona? @_@
      Mesmo que não cole tão bem quanto com Twice (elas são um GG e as vendas digitais obviamente vão ser mais altas) eu já estou stanning sutilmente isso se eles não cagarem na música, porque desde que o Teen Top resolveu usar terno preto eu to sentindo falta de uma boy band que use figurinos terríveis e com coreografias icônicas, ainda se tiver um anjo de luz que nem o Niel e sua tosqueira que eu nem sei se é involuntária mais ❤

      1. Quem liga para um nova boy band de pirralhos? Todo mundo quer que a Somi debute logo, é só dar ao grupo dela um conceito diferente do Twice (O MAIS DIFERENTE POSSÍVEL, POR FAVOR) e tá tranquilo, f(x) debutou 2 anos depois do SNSD sem problemas.

        E as fãs de GOT7 devem entrar em desespero agora porque esse grupo vai ser o novo foco da JYPE, o que quer dizer que GOT7 já vai começar a fazer comeback uma vez por ano para promover a música por apenas 3 semanas enquanto no resto do ano só o Jackson trabalha. Pior que eu acho que Wonder Girls também vai rodar nessa história, fazer o quê…

        1. Daí só se essa girlband fosse mais pro lado das WG né? Se elas debutassem com uma Tell Me da vida eu nem reclamava. Mas faz bastante sentido essa das igot7 estarem loucas mesmo, o grupo já ta recebendo as sobras das demos da empresa, e tão passando meio que batido até entre os fãs internacionais @_@ essa nova boyband não ia ter dificuldade pra emplacar mesmo.

  20. Alguém esperava que eles sairiam vitoriosos com esse debut? É um grupo novo, Coed e não é da BIG3, então eu já sabia o resultado. Oh NaNa não sai da minha cabeça e está no reply desde que saiu feat. Young Ji dando high note kkkkk é engraçado ela tendo esse papel na música.

    Panfletando isso aqui, e basicamente comprova que EXID e T-ARA devem ser os únicos grupos de k-pop a não serem afetados pelo ban na China.

    Vamos ganhar MV para CREAM \o/\o/

      1. EXID e T-ARA e Jia fizeram um contrato com a Banana Culture que deve ser uma das maiores empresas da China por que o dono é filho do cara mais rico do país. Basicamente elas estão aproveitando pra ganhar dinheiro fazendo shows e lançando singles de b-sides (MUITA GRANA!!!!!!).

        Depois que o EXID se tornou famoso a fã-base cresceu bastante, então eu diria que está bom, sem problemas pra encher shows. Claro que não se compara ao T-ARA, mas dá pra sobreviver pelo resto da vida.

        Parece que janeiro vai ser um mês interessante. EXID, Girl’s Day, WJSN, S.E.S, AKMU, AOA, Seohyun (?) e GFRIEND (?)

        1. Também tem a Suzy que tem chances vir com um sexy concept que caso isso aconteça as chances de flopar são minimas então se der certo 2017 promete muitos grupos femininos querendo brilhar usando isso, pelo menos é o que eu acho.

        2. Meu medo é que Janeiro tenha esse pacotão todo e a gente passe o resto de 2017 com um ou dois comebacks interessantes por mês e um mundo de músicas de seja lá qual a tendência ocidental roubarem dessa vez igual foi 2016.

  21. Eu tô rasgando 2km de seda pra esse grupo pq eu amo EDM e essa modinha de tropical house gives me life, desculpa. Além disso, eu achei a química do grupo muito boa, as vozes das gurias boas, os raps bons, o BM é incrivelmente lindo e dança pra caralho e o live é ótimo. Sei lá, eu gostei muito do grupo.

  22. O único saldo positivo deles é que a música deles é mais audível que o Big Bang. Masss, como criei uma birra medonha por esse ritmo que assolou o k-pop nesse ano, não deu outra! 😛
    É sério! Porque HUR?? Coitada das meninas do Kara, a Hara virou Koo, e agora Youngji! Só fico com pena porque isso nem é um grupo pra coitada 😢 tadinha.

  23. Somin já pode ser considerada uma boa concorrente pra Chaekyung em termos de quem debuta mais. Desde Puretty sempre batendo na porta da minha biaslist, mas aí já sabemos como termina (já que sempre termina, seja o grupo que ela tá ou a paciência de ficar num grupo gospel infantil).

    Não sei se isso vai pra frente não. A música não está ruim apesar de ser mais um tropical house entre os 859495849 lançados nesses últimos meses e não ser essa maravilha que o povo brasileiro – apenas e unicamente – vem clamando. Mas, não adianta negar que grupo misto na Coreia tem chance de 0.001% de vingar, por mais que os brazucas tenham gostado (já que só os brasileiros estão dando bola pra isso mesmo e os comentários do MV no youtube tenham sido tomados por nossos colegas de país iludidos que grupo misto na Coreia vai pra frente).

  24. AHHHH deboche … Bruno vc viu que Apink fez um comecomeback de natal? kkkkkkkk
    Rainhas fazendo um album especial para os pandas, já a favorita de muita gente deu até disband ou nao tem dinheiro pra fazer MV.
    Eu sei q vcs todos q criticam Apink são pinkpandas enrustidos, não precisam ter vergonha eu sei que vcs dançam “No no no” quando ninguem esta olhando.
    #TeamAegyo #APINK #PINKPandas

    2016 Team Aegyo wins Flawless victory.
    2017 keep calm e aguarde mais um ano vitorioso.

    1. “No no no” é icônica kkkkkkkkkkkkkkkk atire o primeiro lighstick quem nunca cantou o refrão fazendo o sinal de “não” com o dedo indicador.

      Apink não é tão ruim AEDES, o pessoal daqui fala mal mais pra irritar a fanbase mesmo, relaxa!

      1. No No No é boa, mesmo.

        Mas convenhamos, é basicamente sexy concept disfarçado de aegyo concept, porque nessa música elas empinam e mexem a bunda mais que muito girlgroup de sexy concept por aí.

        1. Na verdade…não é defendendo não…mas a sai dá essa impressão de movimento demasiado (ninguém ali tem bunda pra empinar amigo!)…e no imaginário popular qualquer imagem de uma mulher se mexendo, mesmo dando um tchau com a mão já é considerado sexy concerp kkkkkkkkkkkkkkkk

          É por isso que eu gosto de Orange Caramel!!!!!!!!! Aegyo Bizarro é o melhor concerpt ❤

  25. Eu não tava muito ansioso pra esse debut, mas acabei gostando, a música não é inovadora, mas é agradável!! Gostei mais das interações do grupo promovendo que no mv. E espero mesmo que eles não tenham posição fixa, se não vai ficar chato os manos só fazendo rap e as meninas cantando!!

  26. Mas Bruno pelo o que eu entendi, a Youngji é membro secreto e que são 7 membros no total, a cada single aparece um e depois eles vêm como um só, ou seja, Youngji faz parte sim do KARD.

    E eu amei a musica e amei ainda mais o deboche da youngji ser ex-karA e agora membro do karD, parece até produce 101 e ela desceu no ranking q

  27. Não consigo parar de ouvir essa música meu Jesus
    e agora analisando Somin desde Kara Project é muito bom ver ela cantando num tom mais baixo assim ela não força a voz e soa bem mais natural do que soar feito uma biscate de girlband
    amém K.A.R.D

    1. Ahhhhhhhhhhhhhhh Como eu amo esses PV’s bizarros sem um pingo de lógica….<3

      PS: Ela fala "Ka-me-hame-ha"!!!! né? ou só eu to ouvindo isso??????????

        1. hhhaaha!!!!!!! SABIA!!!!!!!!!!!!!!!111112ne!!!!! (meu japonês anda enferrujado, mas a otakice saudosista never die!

          Esse ato só sobe no meu conceito cada vez mais, incrível isso!

          PS: DragonBall concerp é pra quem pode!

  28. Bruno é meu primeiro ano aqui no blog e eu exijo um post de natal!!!

    E faça me o favor de divulgar Laboum, pq elas fizeram um MV maravilhoso e lindo e quase ninguém viu. E não se esqueça de Apink é claro.

    Obrigado. ❤

  29. PRA QUEM NÃO ENTENDEU AINDA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    “”””””Então está dado o aviso: este blog é um porto seguro desse tipo de bosta, então se sua favorita lançar algum single de natal que não esteja a par com Lonely Christmas, nem se dê ao trabalho de colar os links nos comentários, porque de duas uma: ou você será imensamente ignorado ou pior, tomará uma patada bem dada pra deixar de ser besta. Estão avisados.””””””

    Fonte: MIXTAPE, Asian Bruno. -GOT7 inicia o inferno natalino de 2015 com “Confession Song”-. Parágrafo 3, folha única. Editora WordPress. 28 de novembro de 2015.

  30. Não sei, KARD me deixou confusa. Não curti tanto assim, mas dei graças que não vieram com cute concept (NÃO ME CRUCIFIQUEM KKKK mas já tô de saco cheio de cute pra todo lado). Até aceito tropical house (que tá batido, mas continua bom). Also, cheguei mó tarde aqui, mas foi só recentemente que ouvi falar de KARD (culpo BB por isso)

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s