LOOKIE não é a merda horrível que estão dizendo por aí, mas também não empolga

Daí que meu fone de ouvido quebrou aqui em casa e eu fiquei sem som no computador por. dois. dias. até tomar vergonha na cara e ir numa Kalunga comprar um novo. Nesse meio tempo, Red Velvet lançou comeback e a comoção na comunidade capopeira brazuca deu a entender que o single novo delas estava uma bosta maior que Bang Bang Bang, o que, é claro, só aumentou ainda mais minha curiosidade pra ouvir a música. Eu cheguei ao ponto de quase assistir essa bosta no trabalho, correndo o risco das pessoas de T.I. rirem da minha cara, mas consegui me segurar até agora. E daí eu clico no play para ouvir a nova evolução da música ruim no século XXI, só pra me deparar com isso:

Tá. Ok. Rookie não está nem perto dos destaques da carreira que foram os singles de 2015, mas também não é merecedor do hate todo por aí não. Quando eu vi as pessoas dizendo que o comeback tava uma bosta (mas sem contextualização), eu logo achei que Rookie era uma daquelas faixas desconjuntadas e insuportáveis com refrão em half time com peidos graves ao fundo ou com sample de saxofone e gritaria desgovernada, verdadeiros cânceres do k-pop hoje em dia.

a internet falando de rookie

Mas não foi esse o caso. O único incômodo no refrão foi a pronúncia claramente errada de “rookie”, que soou como “lookie” a porra da música toda, algo extremamente irritante e que me distraiu por toda a duração da faixa, principalmente por ser óbvio que esta foi uma escolha estilística, visto que elas tem integrantes fluentes em inglês. Só não faz sentido. Mas tirando isso, Rookie desce redondo. A faixa flui bem e a mistura de funk, hip hop, synthpop e sabe-se lá mais o quê é feita de maneira competente e perfeitamente integrada. Nada soa fora do lugar ou desnecessário.

Dá pra ver que o produtor tentou inovar com a mistura inusitada de elementos e tal, mas Rookie vem e vai e não rola aquela vontade de clicar no play de novo e de novo. Rookie simplesmente não empolga, é um seis agradável e olhe lá. Sem contar que sem esse clipe fumado e com verdadeiros assaltos visuais (wtf o quarto turquesa) o comeback perde muito.

Red Velvet pouco a pouco está se tornando a kyary pamyu pamyu da Coreia. A videografia é estelar, já a discografia… tem mais ups and downs que uma montanha-russa. Elas estão num nível da carreira em que deveriam estar killing it criando uma série de singles icônica e pela qual elas serão lembradas no futuro, feito Gee/Genie/Oh ou Hot Summer/Rum Pum Pum Pum/Red Light. One Of These Nights/Russian Roulette/Rookie não chega nem perto.

Anúncios

374 comentários em “LOOKIE não é a merda horrível que estão dizendo por aí, mas também não empolga

  1. http://www.allkpop.com/article/2017/02/students-of-seoul-school-of-performing-arts-claim-fans-ruin-their-graduation-each-year

    Gente, então, por algum motivo eu abri essa notinha no tudocapope e depois de ler isso fiquei com uma pulga atrás da orelha: “Idols such as G-Friend’s SinB and Umji, PRISTIN’s Zhou Jieqiong (Pinky), Cosmic Girls’s Eunseo, and more will be graduating. ”

    Géssica e a outra feia do G-Friend vão se graduar agora, e isso me deixou um pouco curiosa sobre esse aspecto da cultura coreana, porque segundo a wikipédia, elas duas têm a mesma idade que eu, sendo que me graduei no Ensino Médio há um milhão de anos atrás, lá a idade pra entrar na escola é diferente ou eles têm mais classes?

    PS.: Desculpem a dúvida aleatória, mas senti vontade de perguntar.

    1. Você consegue reconhecer as moças do GFRIEND pelos nomes? Eu só consigo identificar elas como a bonita que canta bem, a normal que canta bem, a com nariz do Voldemort, a que precisa usar aparelho, a com cara de lua cheia, e a bonita sem voz que só tá lá pra completar a formação do grupo…

        1. Scar me representa,eu acho que sou uma das poucas pessoas que consegue lembrar e diferenciar rosto e nome de vários idols,mesmo não sendo meus bias ou os grupos que tem 100 integrantes @_@ (isso com girlgroup claro,pq boygroup pra eu me dar ao trabalho de diferenciar só muito amor ou de tanto que eu vejo eles no twitter e no facebook graças a fanbase)

        2. boygroup eu conheço só os que são famosos e os que eu curto tipo SHINee, Infinite, B.A.P, VIXX (mas sempre tem aquele grupo com membro famosinho que eu acabo decorando). EXO e BTS foi o fandom que fez eu decorar os nomes porque não param de falar dos caras.

          Sabendo o nome de todo mundo torna mais fácil a minha experiência com o grupo, mas eu acho que isso funciona por eu ser adorador de qualquer girlgroup e me torno stan fácil.

    2. O modelo de ensino e de escola da Coreia tem a mesma quantidade de anos que alguém leva do básico ao pré-vestibular, os mesmo 15 anos. A diferença é em relação à idade que depende de qual a idade que a criança entra na pré-escola, normalmente aos 3-4 anos por lá, enquanto que aqui no Brasil a atual norma é que a criança tenha pelo menos os 2 anos completados até março para que o primeiro ano de pré-escola (antigo maternal) seja considerado válido. Caso não, a criança é obrigada a repetir para poder se adequar à idade exigida em lei.
      Por isso que causa estranheza concluir o ensino médio com 18-19 anos por lá.

      1. Achei a coreografia sensacional, mas o que me deixou feliz é que a SM finalmente mudou o estilista e colocou o do EXO para trabalhar. Podemos perceber a diferença de roupas drasticamente \o/\o/\o/ Ficou bonitinho nelas ❤ Seulgi ainda nos presenteia com os abs ❤

        1. Desde que eu aprendi a diferenciar elas, a Seulgi virou forte candidata a minha bias, mesmo eles tentando desesperadamente flopar ela com aquele cabelo laranja tenebroso de RR

      2. Essa música é algo que funciona muito ao vivo, especialmente porque elas deram conta do serviço: a coreográfia está on point, todo mundo se encaixou na música (por exemplo Irene não parece perdida no universo igual em tudo lançado até agora), e a música particularmente está balanceada – talvez Yeri não tenha tido seu potencial como Irene teve nesse lançamento, mas mesmo assim está equilibrado -, dando tudo certo para tudo no geral.

        Parabéns, a SME mexeu as pernas e fez algo plausível para seu próprio grupo. Por mais que esteja esse sentimento de “essa música não encaixa”, ela é, na verdade, algo muito bem estruturado para o Red Velvet como grupo. Já aquela Little Little como escolha de B-side…

        1. Que live ótima, até escorreu lágrimas dos meus olhos aqui de tanto orgulho. A Sm investiu pesado nesse comeback, até o cenário do palco tá caro. Depois de assistir essa apresentação tenho certeza que Red Velvet vai reinar por um bom tempo no primeiro escalão do meu coração, junto com T ara e Kara.

    1. Nem por isso, não tem valido tanto, mas também depende do estilo musical que a pessoa curte.

      Dos USA:

      Aqui em Portugal:

      Em África: (O que faz sucesso em África faz sucesso aqui também) wow, acho 99,9% das pessoas aqui nunca ouviram falar de Kizomba, mas Ok 👇

      1. Que legal, as músicas africanas fazem sucesso aí em Portugal?
        Nós aqui do Brasil, eu e todos que conheço pelo menos, nunca ouvimos uma música de lá, aqui nas rádios só toca música Brasileira e as vezes uma “americana”, valeu a indicação.
        Ainda bem que na faculdade tem uma lanchonete nossa de todo dia que toca uns Kpop entre cada musica do cd da Ariana Grande (cd que já enjoei de tanto ouvir lá)

        1. Na verdade, a música Africana, em especial a Kizomba, tem feito muito sucesso na Europa Ocidental e até mesmo no Brasil. Mas principalmente em Portugal. Tanto que hoje os artistas Africanos têm lucrado muito bem aqui com concertos e as músicas Africanas até são temas de novas, algo que seria impensável a uns anos atrás.
          Para mim isso é ótimo, porque de certo modo a sociedade se torna menos e menos preconceituosa a cada ano, mesmo que o preconceito aqui não seja tão evidente. Sem dúvidas, a arte é uma das melhores formas de unir todos os povos.

          Mas em geral nós aqui ouvimos de tudo. Pop, Rock, R&B, Funk, Sertanejo, tudo mesmo…

        2. Bacana isso, eu nunca ouvi música africana aqui no Brasil (só Kuduro e na sua época, depois…) Talvez seja pq sou do sul e o povo aqui é mais fechado e rigoroso, eu acho isso muito bom que a Europa tá curtindo essas vibe, pq por aqui europeus no geral tem faminha de preconceituosos, isso me alegra, mais e eu vejo que o Brasil não é muito ligado em Portugal assim como vcs são com o Brasil, tb não ouvimos música daí (deve ser pq. achamos o sotaque de vcs meio engraçado), talvez sejamos um pouco preconceituosos nesses aspectos.

        3. Eu sempre digo que os que sofrem preconceito são os mesmos praticam preconceito.
          Sou Africana e os Africanos (que fazem parte do PALOP) conseguem ser bem mais preconceituosos que muitos Europeus, principalmente agora que os negros deixaram de ser vistos como “ladrões” e passaram a ser vistos como “pessoas com mais capacidades financéiras que eles”.
          Mas de modo geral o preconceito existe mais na Europa de Leste que ainda é bem fechada. Aqui em Portugal ainda há muito preconceito com Ciganos, mas infelizmente eles realmente são um povo que arranja muita confusão. De resto é de boas.

          Hahsha, os próprios Portugueses quase não ouvem música tradicional Portuguesa, então…

    2. Olha, no mundo underground tá rolando umas coisas bem legais, mas no piozão tá a velha merda estagnada de sempre.

      Essa live ai foi a melhor coisa de pop ocidental que o YouTube me indicou esses dias.

      1. O mundo da música underground é sempre mais louco tava checando e achei umas coisas decentes, desculpa amigo(a) Shigatsu, vcs vão me crussificar eu sei mas eu nao curto Lady Gaga.

        1. kkkkkkkkk normal, cada um tem seu gosto, ela me ganhou pela estética em “bad romance” que antes do PSY era o vídeo mais visto no youtube.

        2. Eu sempre curti Just Dance e Poker Face, só por ser pop descompromissado e divertido, bad romance é bacana mas não curti nada dela em diante, fazer o que, pelo menos ela tenta fazer algo diferente sempre (mesmo que isso n signifique que vem coisa boa) e isso eu respeito nela, e isso é algo que a música ocidental precisa, um bagulho pra “heterogeniezar” mais as coisa!

    1. Gente….😱😱 isso ai aparentemente não é edição de BR, ta no canal oficial e tudo mais….alguém me explica isso…e o que são esses comentários no Youtube….SOCORRO AMEI ESSA ZUERA

      os funckeiros agora estão com a faca e o queijo na mão pra angariar mais almas pro estilo, já tô vendo o MC Katra fazendo uns feat com o JPark…

      1. Quero ver as SNSD sendo as Mulheres Pecego.
        Sunny de camisa branca e shortinho jeans atolado no cu, cheio de silicone na bunda e rebolando como se não houvesse amanhã, enquanto Yoona molha ela com uma mangueira, e todas as outras agachadas tremendo as bundas.
        Adeus caras Aegyo, morreu tarde já

  2. Acho que tudo isso é um deboche enorme nos girl groups rookies de hoje em dia mon amour

    adorei a teoria dos meus amigos boleiros e to amando

    o chroma key ridiculo dos clipes de wjsn e twice, até a troca do R pelo L, o shy shy shy, forçar a voz, o aegyo descarado

        1. Na verdade, pelo que eu me lembro (não tenho certeza), o primeiro blog spin-off de do Asian Mixtape foi o do Bomification, depois o maravilhoso do Dougie, mais recentemente o (ex) W-DRAGON, e agora a Tia Vespa maravilhosa, é provável que tenha mais alguns mau esse povo tem u.a preguiça desgraçada de divulgar.

          PS: Não tenho certeza se os anjos de luz do “Japonesque Divas” e o “Só mais um aleatório” já tinham os blogs antes de comentar aqui…

        2. Ele fez, e é bem bacana.

          Tem também o blog da “ISJUSTMUSIK” mas infelizmente está inativo, igual as aparições mitológicas dela por aqui @_@

          #voltarainhadosgifs

        3. “mas aquela minha mensagem ali em cima foi meio que um pedido do endereço do blog do w-dragon e tals :v”

          HAHAHAHAHA foi mau, não tinha entendido, mas a tia Vespa colocou ai 😎

  3. Bem, enquanto RV tá com C-side melhor q o single (Felizes Para Sempre é tããããão booooaaaaaa) e B-Side #queroserVelvet (Pouco Pequeno não teve nem clipe artístico/formador-de-teorias-da-conspiração), tem um grupo nugu que deve vir da companhia mais rica q eu já vi pq TODAS AS 12 MEMBRAS VÃO GANHAR MV SOLO E SUB-UNIT FILMADOS FORA DA CORÉIA, e desbancam um bando de grupo estabelecido hj em dia (vide: HeeJin – ViViD, q teve não um, não dois, mas Três versões lançadas + Dance Practice). E o fato do LOOΠΔ/Loona ter matemática involvida no nome já me dá esperanças de ter um novo f(x) com clipes mais brisados e demoníacos ainda (os teoristas Illuminati vão amar esse grupo, garantido). Elas já lançaram 9 MVs filmados na França, Japão, Inglaterra, Islândia e Taiwan, e não revelaram nem metade das membras ainda. A primeira música que foi lançada foi essa aqui, com o clipe dirigido pelo mesmo cara q fez RV-Dumb Dumb (bons tempos aqueles):

        1. Tava tão sem LOOΠΔ nos comentários, e esse single do RV tá tão desapontador… Alguém tinha q falar kkkkkkkkkkkk

  4. Bruno você vai tirar tempo para ouvir o álbum?
    Não está legal, maravilhoso, mas acho que SMe conseguiu colocar em prática a estratégia de juntar o Red Velvet direitinho melhor que em Russian Rolete. Tem HEA, única faixa que a gente pode julgar como puramente lado Red. As outras, a faixa título e Body Talk, são um mix de Red+Velvet e o restante é só Velvet. O solo da Wendy é balada ok e serve para demonstrar que Taeyeon foi rebaixada para 3ª lugar de melhor vocalista feminina da SMe (Luna reina absoluta ❤).
    Desta vez Lado Velvet >>> Lado Red.
    Nao pela qualidade, mas por uso melhor do mesmo.
    Sobre os lives, achei a coreografia bem legal, o playback também – consegui ouvi até os gritinhos da versão em estúdio que são inaudíveis/inexistentes no MV-, mas ainda assim continua ruim, ô música irritante. E se continuar nessa vibe, com elas ligadas no 220v, a Joy vai desmaiar no placo ou desaparecer dos lives, a Yeri vai esquecer de fazer o lip sync porque ela vai ficar na dúvida se canta ou respira, Wendy e Seulgi estão dando seu suor, sangue e lágrimas pelas promoções, e Irene está apenas ok.
    Mas como a fanbase tá empolgadíssima, elas poderão concorrer e (talvez) ganhar alguns troféus antes do retorno de EXO e Twice.

  5. Se elas falassem Rookie corretamente a música já seria mil vezes melhor. Acho que a melhor saída pras meninas agora seria virar o SHINee de saia porque se for ficar brincando com fogo nesses singles a coisa vai ficar feia. Parede inquebrável não se faz com mil grupos não e atualmente só TWICE, GFriend e Blackpink tem reais chances de figurar na nova configuração… e ainda tem Mamamoo, AOA, EXID e tantos outros que podem jogar elas lá pro terceiro escalão se continuarem assim.

  6. Na primeira vez que eu ouvi Rookie, eu sinceramente achei uma coisa bem irritante, e o MV muito colorido e brisado. Mas, eu ouvi mais umas 2 vezes e me acostumei com a música, até viciar e ficar tocando “Lookie Lookie my super Lookie Lookie boy” o dia inteiro na minha cabeça..

  7. Eu morri de ódio quando essa música saiu, até que coloquei no fone de ouvido e curti o bass do instrumental no refrão… AGORA ESSA MERDA JÁ É A MAIS ESCUTADA DA SEMANA NO MEU LAST.FM 😦
    O mini tá muito bom também, mas acho que Happily Ever After seria um single beeeeeeeeeem melhor!

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s