Rainhas do BED.IN acabam com Kai ao entregar coreografia sincronizada e elegante para “CO・CO・RO Gradation”

As inexoráveis rainhas do BED.IN estão de volta com mais um novo single e uma notícia ainda mais empolgante pra nós meros mortais: o segundo LP do duo sairá JÁ esse ano, em seis de dezembro. O sucessor do incrível “RICH” será intitulado “TOKYO” e… e… é, basicamente é só isso que sabemos sobre o álbum. Ele provavelmente deverá incluir o novo single “CO・CO・RO Gradation” e  “Otoko Wa Aitsu Dake Janai“, que saiu em fevereiro e não me empolgou muito. Motivos pra comemorar todos temos, afinal, 2017 com certeza terá um boost incrível de qualidade em sua reta final, já que “TOKYO” obviamente terá hino trash atrás de hino trash. E pra melhorar, BED.IN ainda botou Kai em seu devido lugar, entregando uma das coreôs mais exigentes, instigantes, sincronizadas e MAGESTRAIS de 2017. Você quer, ex da Krystal??? Sejam devastados pelo poder de “CO・CO・RO Gradation”, galera:

Sério, eu fui BLOWN AWAY pelo orçamento das gatas. Peixinho digital estilo Flower nadando no ar? Mais de um cenário? É pra poucos. Mas é evidente pra onde o grosso do dinheiro foi: obviamente chamaram Mikiko-coreógrafa-do-Perfume pra criar a dancinha mais intricada, complexa e exigente da história, boyband nenhuma chega perto:

SINCRONIA

FLEXIBILIDADE

M.A.E.S.T.R.I.A.

Seria bom ter um nível de poder coreográfico de mais de oito mil igual as BED IN, né, Kai? Mas isso aí é anos de treino e dedicação, ninguém no capope foi trainee por tempo o suficiente pra chegar sequer perto disso. E nem vou falar nada do single, né? Uma das melhores faixas delas até hoje, lá em cima com Gold No Kaikan, C CHOU VENUS e V.H.S. Eu amo elas, sério. E adorei os looks inspirados no duo oitentista Wink com as esponjas de banho na cabeça. Tô aqui na madruga intercalando BED.IN com os clássicos de Wink ligeiramente inebriado e curtindo muito. BED IN. ❤

PS.: O “COCORO” do título é “KOKORO” de coração mesmo, é que Kaori e Mai são muito ousadas e usaram uma romanização mais picante pro single.

Anúncios

40 comentários em “Rainhas do BED.IN acabam com Kai ao entregar coreografia sincronizada e elegante para “CO・CO・RO Gradation”

  1. Concordo plenamente, essa música é uma das melhores que elas já fizeram (e isso não é pouca coisa).

    O mais legal é ver como Kaori e Mai se complementam, a química delas é imbatível. Bendito o empresário que colocou as duas pra trabalhar juntas (ou, se elas já se conheciam desde o começo, bendito o destino por colocar uma no caminho da outra)!!

      1. Sério? Eu achava que o tiozão careca de óculos escuros que aparece em vários clipes delas (e que eu desconfio que também seja o outro tiozão icônico que dança com elas no cliente de C-CHOU VENUS) fosse empresário delas…

        É uma surpresa que elas não se conhecessem desde o começo; as duas foram feitas uma pra outra!

        1. não é só um bróder da banda delas? Pra mim todos os caras que aparecem no clipe são da banda e ganham alguns frames gratuitos nos clipes por conta disso (tipo o Orochimaru tecladista)

        2. Acho que não; nenhum dos caras da banda parece ser careca. E agora que eu reparei, ele também sempre aparece no final de todos os clipes delas, com o logo da King Records (seja lá o que for isso).

  2. Eu amo como tudo é tão calculadamente brega, mas, ainda assim, soa tão espontâneo.

    P.S.: Bruno, de onde tu tira essas velharias japonesas? Você roubava fitas VHS na Liberdade quando jovem?

  3. BRUNO POSER ERROU O NOME DA KRYSTAL ARGGGHHH
    PS: Yerin do GFRIEND engoliu as palavras ao dizer que as coreografias do GF são mais difíceis, olha essa coreografia ❤

  4. Perdão pela aleatoriedade do comentário, mas gostaria de dizer essa pérola antiquíssima que ajudou a enterrar a carreira de Mariah Carey:

    Icônica versão forró de Hero.

    Em seguida, a não tão honrosa menção à versão de Rihanna:

  5. Estranhei muito a seriedade desse clipe, a única cena engraçada dele é o tchauzinho do final com elas de pernas abertas (!!!!). Por mim, foi totalmente inesperado das BED IN, até pelo som, que tá muito mais 80s do que 90s. E como se não bastasse, achei esse clipe a cara de Flower, como o próprio Bruno disse. Mas não achei ruim, não. Muito pelo contrário, achei foda, achei OST de anime concept e quero mais. Se o primeiro álbum foi trash 90s, torcendo pra que esse próximo seja synthpop 80s. SÓ VEM, BED IN!

    1. eu achei uma escolha interessante segurar a mão no humor do clipe, não dá pra elas se superarem e fazerem clipes cada vez mais abestados. Desse jeito, elas ficam menos one note. Sem contar que quando tivermos um clipe piada de novo, será muito mais especial. @_@

COMENTÁRIOS:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s