ALBUM REVIEW: Koda Kumi – W Face ~Inside & Outside~

Daí que mês passado Koda Kumi saiu de um loooongo hiato (dois anos sem Koda lançar LP? Honestamente achei que ela tinha morrido), prometendo chacoalhar as coisas com não um, mas DOIS trabalhos simultâneos, sendo um álbum rampeiro de farofas baixo nível e um álbum puro e inocente de baladas e midtempos perfeitas pra primavera japonesa. Sim, basicamente uma trucagem roubada de I Am…Sasha Fierce, só que elevada ao próximo nível, com Kumi não se satisfazendo em lançar um álbum duplo, mas sim dois álbuns simultâneos, provavelmente pra tentar atingir o primeiro e o segundo lugar da ORICON com trabalhos originais. E sabem o que é mais chocante? ELA CONSEGUIU, igualando o recorde de QUARENTA.E.SETE.ANOS.ATRÁS. da mãe da Utada (sim, wtf). Mas é aquela coisa, conseguir primeiro lugar na ORICON batendo recordes negativos de “álbum menos vendido do ano a conseguir primeiro lugar” é algo que ela sempre faz, mas será que esses álbuns prestam? Vejamos.

Continuar lendo “ALBUM REVIEW: Koda Kumi – W Face ~Inside & Outside~”

A carreira musical de Kyary está no fundo do poço, mas “Easter” ainda funciona como combustível de pesadelos

Eu honestamente nem me lembro do último single realmente legal de Kyary Pamyu Pamyu. Quanto tempo faz que ela não impressiona musicalmente? Uns três anos? Tá realmente foda ser stan dela. Kyary já lançou na carreira coisas realmente desafiadoras, ousadas e que redefiniam os limites do pop, músicas realmente a frente de seu tempo. Então ver o som vibrante e caótico de Kyary reduzido a essas cantigas de roda inofensivas que Nakata tem criado sem inspiração alguma tanto pra ela quanto pra Perfume e Tosca da Franja tá de foder. Mas com sorte, SÓ COM UM POUQUINHO DE SORTE, quem sabe esse novo single dela não surpreende e sai desse lugar comum que Nakata não cansa de revisitar? Vejamos, no hino do Coelhinho da Páscoa Iisuta/Easter:

Continuar lendo “A carreira musical de Kyary está no fundo do poço, mas “Easter” ainda funciona como combustível de pesadelos”

Night Rather Than Day do EXID não impressiona, mas também não ofende. É, poisé.

Um monte de gente adora EXID e tal, mas eu honestamente nunca achei o grupo nada demais. Da discografia delas eu ligo de verdade mesmo só pra Every Night, ouvindo aqueles outros singles patenteados com a “Estrutura EXID de Singles™” em que Hyerin e Solji gritam o refrão aqui e ali, e olhe lá. Mas de resto? Caguei. Então ouvir o novo single delas não era uma prioridade minha, ainda mais depois de L.I.E ser esquecível (estou sendo bondoso aqui) e sabendo que o grupo está desfalcado porque uma das minas está doente ou sei lá o quê. Mas cá estou, diante de Night Rather Than Day, então vamos lá:

Continuar lendo “Night Rather Than Day do EXID não impressiona, mas também não ofende. É, poisé.”

MIXTAPE – MARÇO’17

E eis que após durar aproximadamente três ano e meio, o mês de março FINALMENTE acabou final de semana passado, então era hora de eu ouvir setecentos e oitenta EPs diferentes, ter revertério de tanto tropical house pra no fim de todo o processo aparecer com uma playlist esperta com as indicações do mês, do ASIANMIXTAPE pra vocês. Será que sua favorita marcará presença? Ou foi esquecida no churrasco igual TOC TOC do Twice na mixtape de fevereiro? Descubram agora. /o/

Continuar lendo “MIXTAPE – MARÇO’17”

Pacotão de Oppas (07/04): Winner, Highlight, B.A.P e mais uma caralhada de boybands comentadas pra vocês!!

Daí que mais um mês se passou, então chegou a hora de mais uma mixtape mensal do ASIANMIXTAPE… mas antes da mixtape, obrigatoriamente tem que rolar um pacotão de oppas em que eu filtro todos os comebacks de boybands do mês que passou, pra ver se umas duas ou três faixas se salvam e dão as caras na mixtape do mês, que assim não fica 100% feminina (só uns 95%). Senão me acusam de ser misândrico e alienador e mimimi e aí não dá, né? Então hora. do. sacrifício, vejamos o que se salvou do lado dos manos em março (e também nesses primeiros dias de abril):

[HIGHLIGHT – PLZ DON’T BE SAD]

Continuar lendo “Pacotão de Oppas (07/04): Winner, Highlight, B.A.P e mais uma caralhada de boybands comentadas pra vocês!!”

Satanistas puras e inocentes do Dreamcatcher continuam a adorar Lucifer seonbaenim em Good Night

As pseudo-rookies rainhas de 2017 que atendem por DREAMCATCHER já estão de volta, pouco mais de três meses após surpreenderem a todos com o ~inovador~ conceito dark aegyo de Chase Me. Será que elas continuaram no mesmo caminho como góticas suaves servas de Satan Oppa? Ou elas jogaram a estética do single anterior pela janela como elas fizeram da era Minx pra atual??? Acho que só a capa do vídeo no youtube já entrega a resposta, mas introduções com perguntas redundantes e óbvias são minha marca registrada, lidem com isso:

Continuar lendo “Satanistas puras e inocentes do Dreamcatcher continuam a adorar Lucifer seonbaenim em Good Night”