TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (FINAL: 10° – 01°)

Em 2010, vimos o shibuya kei futurista do capsule em Love or Lies chegar até o topo do top de fim de ano do ASIANMIXTAPE. Em 2011, o disco retrô de T-ARA com Roly Poly. Em 2012, a esnobada Hurly Burly de Perfume finalmente teve seu lugar ao sol. Em 2013, vimos a epítome do k-pop chiclete com Expectation das Girl’s Day. Em 2014, a crítica debochada de Jolin Tsai à cultura da internet com Play. Em 2015, a perfeita recriação do new wave oitentista na I Feel You das Wonder Girls. Agora, chegou a hora de revelar qual é a música do ano de 2016 de acordo com o ASIANMIXTAPE. Eu imagino que pra quem acompanhou o blog nos últimos meses, o primeiro lugar não será uma grande surpresa. Descubra se você acertou ou errou AGORA!!

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (FINAL: 10° – 01°)”

Anúncios

MIXTAPE ESPECIAL – DUBLÉ SIDEKICK

E chegou a hora de mais uma mixtape temática do ASIANMIXTAPE dedicada aos grandes nomes por trás do k-pop. Após apreciarmos os lados red e velvet de BRAVE BROTHERS com suas farofas e midtempos sensuais, após termos nossas mentes devastadas pelo retrô dramático de SWEETUNE e pela versatilidade de SHINSADONG TIGER, chegou a hora de dedicar uma mixtape aos freelancers rookies que desde 2012 vem dominando a cena capopeira e roubando vários contratos que outrora iriam automaticamente para o Brave Brothers, eles… DUBLÉ SIDEKICK.

Formado no começo de 2012 pelo compositor Chance (que desde 2010 vinha assinando várias b-sides sozinho) e pelo letrista Park Jang-geun, o selo “Dublé Sidekick” (ou ainda “Double Sidekick” e “Idanyeopchagi“) foi criado por Chance para assinar o quarto mini de MBLAQ, que havia sido oferecido para ele no fim de 2011. Desde então, o duo criou sua própria agência, a Dublé Kick Entertainment, e passou a incluir mais produtores escrevendo sob a alcunha “Dublé Sidekick”. Por conta disso, o som de Dublé Sidekick é bastante diverso, variando entre estilos bem mais do que a maioria dos compositores. Entretanto, desde o início de suas atividades em 2012, um conceito específico veio a se veicular ao grupo: como vocês verão a partir de agora, este é obviamente o verão concept que tantos amam/odeiam. Cliquem no play aí embaixo e sejam felizes! @_@

Continuar lendo “MIXTAPE ESPECIAL – DUBLÉ SIDEKICK”

MIXTAPE – MARÇO ’16

E eis que o mês mais bosta pro pop asiático em tempos finalmente acabou, para que todos possamos respirar aliviados e esperar por coisas melhores de abril, como por exemplo o novo álbum de Perfume, o comeback do TWICE e, claro, o retorno das cinzas de UTADEUS HIKARU, para salvar a todos nós, pecadores. Mas antes disso, vamos dar uma olhada no que (meio que) se salvou nesse mês de março. Chequem aew!

Continuar lendo “MIXTAPE – MARÇO ’16”

Hyosung erradica a zika e a dengue com sua nova farofa, Find Me. K-pop, take notes.

O k-pop ultimamente tem andado tão morno e com um BPM tão baixo nos lançamentos que eu honestamente nem sei dizer quão bom o novo single de Hyosung de fato é, porque só de ter um dance pop novo vindo da Coreia já me deixa feliz automaticamente. Então eu talvez esteja tremendamente biased em meu apreço por FIND ME… mas honestamente? F.O.D.A.-.S.E. Isso não é PBR&B. Isso não desacelera pro refrão pra entrar um break de trap super conceitual. FIND ME é dance pop redondo como tem que ser, e de bônus ainda temos de lambuja Hyosung sendo a mulher mais gostosa do k-pop. Presenciem o brutality que sua favorita acabou de levar no meio da fuça:

Continuar lendo “Hyosung erradica a zika e a dengue com sua nova farofa, Find Me. K-pop, take notes.”

MIXTAPE – MAIO ’15

Eis que Maio passou tão rápido que é até difícil recapitular tudo o que rolou nesse mês. Big Bang e BoA voltaram depois de uma eternidade, pesos pesados feito KARA e SHINee tiveram comeback, truqueiros feito San E e Zion.T já correram pra lançar suas versões de Some da TãoVocê, Princesa IU lançou baladinha mela cueca de rodinha de violão (confirmando que fora dos álbuns ela só faz bosta)… enfim, e isso tudo só na Coreia. Pra uma lista coesa de tudo o que me chamou atenção nesse mês, cliquem aew no leia mais. @__@

Continuar lendo “MIXTAPE – MAIO ’15”

Hyosung retorna com um remix morno de Say You’ll Be There. Desaponta.

Hyosung teve facilmente o melhor single de solista feminina coreana do ano passado com Beijinho de Boa Noite, uma canção de ninar sexy com breaks de trap que contagiou a nação e entrou no top10 da GAON e top2 do Hot100 da Billboard coreana, vendendo mais de 700 mil downloads. Então quando eu ouvi que Hyosung traria seu sorriso carismático e peitos mais carismáticos ainda para um segundo solo produzido por Dublé Sidegod, eu fiquei imediatamente empolgado e torcendo para mais uma bobagem contagiante composta por quinze refrões diferentes e uma coreografia memorável… só pra receber isso aqui em troca:

Continuar lendo “Hyosung retorna com um remix morno de Say You’ll Be There. Desaponta.”