TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2009 (PARTE 3: 40° – 26°)

Após mais uma saudável pausa para noticiar uns quatro disbands, comebacks ruins, a mixtape de maio e uma tag como se eu fosse um youtuber, o top70 de 2009 do ASIANMIXTAPE finalmente volta a dar as caras aqui no blog. Eu sei, eu sei. Vocês gostariam que eu postasse essa merda inteira em tipo uma semana, mas como o ASIANMIXTAPE acredita em movimentos sociais tipo slow food e slow reading, resolvi inovar com o SLOW POSTING também. É isso que tem pra hoje, galera. Quem sabe até agosto o top termina? :V

Continuar lendo “TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2009 (PARTE 3: 40° – 26°)”

TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2009 (PARTE 1: 70° – 56°)

E eis que ele finalmente chegou, o top mais pedido por vocês, o top70 de 2009. Demorou tanto assim porque desde que meu HD explodiu no começo do ano passado, eu basicamente perdi toda minha coleção, e relembrar todas as velharias menos óbvias que estavam juntando pó no HD antes dele explodir pra compilar a lista foi um parto (baixá-las todas de novo está sendo outra dor de cabeça, acreditem). Mas enfim. Aqui vão as primeiras quinze faixas do top, vejam aí se sua favorita já rodou e aproveitem pra conhecer algumas velharias de antes de vocês entrarem no primário, pirralhos.

Continuar lendo “TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2009 (PARTE 1: 70° – 56°)”

“Tokyo Girl” é Perfume no automático cantando EDM Avicii-esco como se fosse 2013. Dureza.

Faz quase um ano desde o último lançamento de Perfume, o icônico Cosmic Explorer, um álbum que tirou leite de pedra considerando alguns dos singles meia boca que figuraram nele. Agora, eis que o novo single do grupo está entre nós, Tokyo Girl. Com quase um ano de distância entre lançamentos, era de se esperar que Perfume fosse retornar com alguma inovação de som e, caso tivéssemos muita sorte, alguma pequena variação estética só pelo choque (já pensou Nocchi de cabelo comprido e Kashiyuka sem franja de novo???). Mas aí eu vou lá e me deparo com essa bosta:

Continuar lendo ““Tokyo Girl” é Perfume no automático cantando EDM Avicii-esco como se fosse 2013. Dureza.”

Pacotão Japa (23/01): Yasutaka Nakata, Kyary Pamyu Pamyu, Natsume Mito, Utada e mais!!1

E eis que chegou a hora do primeiro pacotão japa de 2017, com uma verdadeira invasão de atos produzidos por Yasutaka Nakata, incluindo Perfume, Kyary, tosca da franja e o próprio Nakata. Mas vamos começar com Utada porque ela sempre tem a preferência aqui no ASIANMIXTAPE, então fiquem com Boukyaku:

[UTADA HIKARU feat. KOHH – BOUKYAKU]

Continuar lendo “Pacotão Japa (23/01): Yasutaka Nakata, Kyary Pamyu Pamyu, Natsume Mito, Utada e mais!!1”

TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (FINAL: 10° – 01°)

Em 2010, vimos o shibuya kei futurista do capsule em Love or Lies chegar até o topo do top de fim de ano do ASIANMIXTAPE. Em 2011, o disco retrô de T-ARA com Roly Poly. Em 2012, a esnobada Hurly Burly de Perfume finalmente teve seu lugar ao sol. Em 2013, vimos a epítome do k-pop chiclete com Expectation das Girl’s Day. Em 2014, a crítica debochada de Jolin Tsai à cultura da internet com Play. Em 2015, a perfeita recriação do new wave oitentista na I Feel You das Wonder Girls. Agora, chegou a hora de revelar qual é a música do ano de 2016 de acordo com o ASIANMIXTAPE. Eu imagino que pra quem acompanhou o blog nos últimos meses, o primeiro lugar não será uma grande surpresa. Descubra se você acertou ou errou AGORA!!

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (FINAL: 10° – 01°)”

TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 6: 25° – 11°)

E chegou a hora do corte final antes da revelação do top10 de 2016 de acordo com o Asian Mixtape. Essas são todas músicas incríveis e representativas do ano como um todo, mas que na minha opinião não foram tão marcantes e viciantes quanto as faixas presentes no top10, mesmo que por muito pouco. Como sempre, isso se baseia somente na MINHA OPINIÃO, então não fiquem butthurt e, ao invés de reclamarem, façam suas próprias listas como o Dougie e o Dalla Corte e postem aí nos comentários pra apreciação geral da nação. Vamos lá.

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 6: 25° – 11°)”