MIXTAPE – JULHO’17

E aí que eu estou uma semana atrasado pra mixtape do mês passado, como sempre. Mas vocês podem parar de chorar suas pitangas, pois a mixtape de julho finalmente chegou. Eu pessoalmente achei o mês bastante irregular, mas definitivamente tivemos alguns grandes destaques pra fazer julho valer a pena. Alguns desses destaques e mais algumas faixas filler agradáveis vocês encontram aí embaixo.

Continuar lendo “MIXTAPE – JULHO’17”

[CHARTS MUNDIAIS – 28° SEMANA DE 2017] Red Velvet, Mr. Children, Kinki Kids e mais!

Sim, galera. Estou criando AINDA.MAIS.UMA. coluna nova pro blog, e vocês podem apostar que ela provavelmente será abandonada daqui cinco posts como as icônicas Flashback e Enquete. Mas sei lá, vocês vivem pedindo pra eu voltar a falar de coisas ocidentais, então achei que fazer uma rodada checando os charts pelo mundo seria uma maneira fácil, rápida e informativa de fazer isso. Logo, fiquem aí com os primeiros lugares nos principais charts mundiais e naqueles que importam pros capopeiros e otakus que me leem: ORICON (pros singles físicos japoneses), RECOCHOKU (pros singles digitais japoneses) e GAON (pros singles coreanos, visto que caguei pra allkill/teto do melon/instiz/etc, rankings semanais ainda são mais coerentes, abraços). A intenção é compilar os dados semanalmente e postar todo domingo, dia que ultimamente tem andado morto agora que lançamentos não rolam segunda-feira à meia noite na Coreia. Logo, vamos começar! @_@

[ORICON – 16 DE JULHO] KINKI KIDS – THE RED LIGHT

Continuar lendo “[CHARTS MUNDIAIS – 28° SEMANA DE 2017] Red Velvet, Mr. Children, Kinki Kids e mais!”

Com Red Flavor, Red Velvet deixa as invencionices de lado e aposta em pop chiclete certeiro pro verão

Eu sou parte de uma minoria curiosa que verdadeiramente curtiu o suposto lado Red Velvet do quinteto da SM. Russian Roulette foi amor à primeira vista, já Rookie precisou de algumas ouvidas pra que eu realmente me entregasse aos LOOKIE LOOKIE MY SUPER LOOKIE LOOKIE LOOKIE, mas agora eu os amo e irei defendê-los (Xignal Boné could never). Então pra mim Red Velvet já está indo de vento em popa e não precisa de ajuda, mas para os detratores dos últimos singles, Red Flavor deve estar sendo vista como uma verdadeira salvação pro grupo:

Continuar lendo “Com Red Flavor, Red Velvet deixa as invencionices de lado e aposta em pop chiclete certeiro pro verão”

MIXTAPE – FEVEREIRO’17

E eis que aos trancos e barrancos fevereiro finalmente acabou. Apesar da falta de grandes lançamentos e da ausência de comebacks no geral, o mês ainda rendeu algumas boas faixas, se você soubesse onde procurar (no caso, bem fundo no poço nugu). Quinze delas (e mais três sobras de janeiro) se encontram aí embaixo pra vocês! @_@

Continuar lendo “MIXTAPE – FEVEREIRO’17”

LOOKIE não é a merda horrível que estão dizendo por aí, mas também não empolga

Daí que meu fone de ouvido quebrou aqui em casa e eu fiquei sem som no computador por. dois. dias. até tomar vergonha na cara e ir numa Kalunga comprar um novo. Nesse meio tempo, Red Velvet lançou comeback e a comoção na comunidade capopeira brazuca deu a entender que o single novo delas estava uma bosta maior que Bang Bang Bang, o que, é claro, só aumentou ainda mais minha curiosidade pra ouvir a música. Eu cheguei ao ponto de quase assistir essa bosta no trabalho, correndo o risco das pessoas de T.I. rirem da minha cara, mas consegui me segurar até agora. E daí eu clico no play para ouvir a nova evolução da música ruim no século XXI, só pra me deparar com isso:

Continuar lendo “LOOKIE não é a merda horrível que estão dizendo por aí, mas também não empolga”

TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 4: 55° – 41°)

E após muita polêmica e muita confusão envolvendo a posição 69 na última parte do top, chegou a hora de cortamos mais quinze faixas do top100 de 2016, consequentemente dando início ao top50. Agora só restam as melhores faixas do ano. Será que a presença massiva de japoneses e nugus continuará a irritar crianças capopeiras de 13 anos? Será que sua favorita vai rodar? Descubram agora!!

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 4: 55° – 41°)”