TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 6: 25° – 11°)

E chegou a hora do corte final antes da revelação do top10 de 2016 de acordo com o Asian Mixtape. Essas são todas músicas incríveis e representativas do ano como um todo, mas que na minha opinião não foram tão marcantes e viciantes quanto as faixas presentes no top10, mesmo que por muito pouco. Como sempre, isso se baseia somente na MINHA OPINIÃO, então não fiquem butthurt e, ao invés de reclamarem, façam suas próprias listas como o Dougie e o Dalla Corte e postem aí nos comentários pra apreciação geral da nação. Vamos lá.

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 6: 25° – 11°)”

TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 4: 55° – 41°)

E após muita polêmica e muita confusão envolvendo a posição 69 na última parte do top, chegou a hora de cortamos mais quinze faixas do top100 de 2016, consequentemente dando início ao top50. Agora só restam as melhores faixas do ano. Será que a presença massiva de japoneses e nugus continuará a irritar crianças capopeiras de 13 anos? Será que sua favorita vai rodar? Descubram agora!!

Continuar lendo “TOP100 MELHORES MÚSICAS DE 2016 (PARTE 4: 55° – 41°)”

MIXTAPE – NOVEMBRO’16

Eu até consigo ver o choque de vocês ao notarem que a mixtape de novembro só atrasou uma semana ao invés dos vinte dias habituais. Mas é compreensível, não? Primeiro que novembro foi meio morto (nem tanto em qualidade, mas na quantidade de lançamentos mesmo), segundo que eu preciso tirar tudo do caminho agora na primeira quinzena de dezembro pra na segunda só postar o top de 2016!!1 (por sinal, eu não consegui mudar as diretrizes agora que a enquete lá já está no ar, então não tem como eu bloquear a pesquisa pra um voto por pessoa. Sejam bonzinhos e não votem trinta mil vezes em “BTS” ou uma merda dessas só pra me irritar, ok?) Pra descobrir minhas vinte faixas selecionadas de novembro, sigam em frente.

2016-11a

Continuar lendo “MIXTAPE – NOVEMBRO’16”

Enquanto seu bias lança bosta ou dá disband, SISTAR tem um segundo ótimo single em 2016. #summerpower

Bem, aí está algo que eu não estava esperando, mas que fez meu dia: após serem uma das únicas girlbands veteranas do primeiro escalão a terem um comeback decente em 2016 com a icônica Eu Curto Isso (que se você não curte, você tem mal gosto e precisa aprender a lidar com isso), Sistar resolveu jogar sal na ferida de seus detratores voltando com um segundo ótimo single pra fechar o ano, dessa vez assinadas pelo véio italiano arroz de festa Giorgio Moroder, saindo do armário musical e se revelando para o mundo como capopeiro com “One More Day”. E falando em sair do armário:

Continuar lendo “Enquanto seu bias lança bosta ou dá disband, SISTAR tem um segundo ótimo single em 2016. #summerpower”

TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2010 (PARTE 2: 55° – 41°)

E chegou a hora de mergulhar no túnel do tempo novamente, de volta para 2010, ano em que a YG lançava músicas boas, Ayumi Hamasaki vendia bem, a cantora autotune conseguiu vários hits e quebrou vários recordes e todo mundo dizia “two oh one oh” pra começar seus singles. Quais faixas serão cortadas nessa segunda parte? Quais serão as boybands cotistas dessa parte do top? Quem serão as japonesas obrigatórias? Descubra a partir de agora!!1

Continuar lendo “TOP70 MELHORES MÚSICAS DE 2010 (PARTE 2: 55° – 41°)”

MIXTAPE ESPECIAL – DUBLÉ SIDEKICK

E chegou a hora de mais uma mixtape temática do ASIANMIXTAPE dedicada aos grandes nomes por trás do k-pop. Após apreciarmos os lados red e velvet de BRAVE BROTHERS com suas farofas e midtempos sensuais, após termos nossas mentes devastadas pelo retrô dramático de SWEETUNE e pela versatilidade de SHINSADONG TIGER, chegou a hora de dedicar uma mixtape aos freelancers rookies que desde 2012 vem dominando a cena capopeira e roubando vários contratos que outrora iriam automaticamente para o Brave Brothers, eles… DUBLÉ SIDEKICK.

Formado no começo de 2012 pelo compositor Chance (que desde 2010 vinha assinando várias b-sides sozinho) e pelo letrista Park Jang-geun, o selo “Dublé Sidekick” (ou ainda “Double Sidekick” e “Idanyeopchagi“) foi criado por Chance para assinar o quarto mini de MBLAQ, que havia sido oferecido para ele no fim de 2011. Desde então, o duo criou sua própria agência, a Dublé Kick Entertainment, e passou a incluir mais produtores escrevendo sob a alcunha “Dublé Sidekick”. Por conta disso, o som de Dublé Sidekick é bastante diverso, variando entre estilos bem mais do que a maioria dos compositores. Entretanto, desde o início de suas atividades em 2012, um conceito específico veio a se veicular ao grupo: como vocês verão a partir de agora, este é obviamente o verão concept que tantos amam/odeiam. Cliquem no play aí embaixo e sejam felizes! @_@

Continuar lendo “MIXTAPE ESPECIAL – DUBLÉ SIDEKICK”